Partilhar

Por que a pele do pênis é mais escura?

 
Por Martim Pereira, Redator ONsalus. 28 dezembro 2018
Por que a pele do pênis é mais escura?

O pênis é um órgão cuja forma, tamanho e cor podem variar de um homem para outro. A pele do pênis é muito mais fina que a do resto do corpo e contém maior concentração de melanina, o pigmento escuro que é responsável por dar cor à derme. Por este motivo, ter a pele do pênis mais escura é algo totalmente normal pois, na maioria dos casos, se deve a uma condição natural e própria do organismo. Além disso, o pênis também pode chegar a apresentar manchas escuras, as quais são similares às sardas e também não representam nenhum tipo de alarme, mas são um sinal de que, nessa região em particular, houve um maior acúmulo de melanócitos, as células que produzem a melanina.

Contudo, em alguns casos menos comuns, a pele do pênis pode se tornar escura como sintoma ou sinal de algumas doenças ou de certas condições que afetam diretamente a saúde deste órgão. Muitos homens se perguntam "por que a pele do pênis é mais escura?", acreditando que possa ser devido a um defeito ou um problema grave de saúde, por esta razão, neste artigo do ONsalus, damos a resposta para esta pergunta que pode preocupar tanto o gênero masculino.

Também lhe pode interessar: Sêmen transparente é normal?

Por que a pele do pênis é mais escura

A pele do pênis é mais escura que o resto do corpo devido a um processo biológico e hormonal totalmente normal que ocorre durante a puberdade. Quando os homens começam a se desenvolver, seu organismo passa por muitas mudanças, entre as quais ressalta-se uma maior produção de hormônios sexuais andrógenos, testosterona, androsterona e androstenediona, os quais são responsáveis por dar ao corpo masculino certas características comuns da masculinidade, como o crescimento dos pelos pubianos, corporais e faciais, assim como de uma mudança na pigmentação do pênis, que se tornará mais escuro do que na infância. Esta mudança da cor da pele do pênis se deve ao fato de que os andrógenos respondem aos melanócitos, responsáveis por produzir a melanina, substância encarregada de dar cor a pele.

Este processo que acontece ao longo de toda a puberdade é totalmente normal e ocorre em todos os homens, ou seja, será estranho ou anormal se a pele do pênis não for mais escura que a pele do resto do corpo. Não obstante, existem outros fatores que podem alterar a cor do pênis, especialmente no escotro e na virilha, mas que representam uma mudança repentina, produto de alguma condição específica do órgão, ou como consequência de alguma doença. A seguir, abordaremos outros motivos além da puberdade que podem interferir na pigmentação do pênis.

Pênis escuro: Diabetes

A diabetes é uma doença que se caracteriza por causar altos níveis de açúcar no sangue devido ao fato de que o corpo não produz ou não utiliza de forma adequada a quantidade de insulina que é produzida pelo pâncreas. Quando existe uma alta concentração e constante de açúcar no sangue, pode haver uma mudança na pigmentação do pênis, fazendo com que a pele pareça de uma cor mais escura do que o tom natural que adotou depois da puberdade.

O controle da diabetes é muito importante não apenas porque pode escurecer o pênis, mas também porque pode influenciar na função sexual do homem. Pessoas com uma diabetes descontrolada têm maior risco de sofrer de impotência ou disfunção erétil, que é um problema muito mais grave do que a cor da virilha ou do escroto. Equilibrar os níveis de açúcar no sangue pode ajudar com que a pele do pênis recupere sua tonalidade normal.

Partes íntimas escuras: Fricção crônica

A pele do pênis é muito mais suave e delicada que a do resto do corpo, por esta razão o atrito constante e muito forte pode provocar uma fricção crônica que altera a pigmentação da pele do pênis e a torna mais escura. A causa mais comum desta condição é o excesso de masturbação, masturbações muito bruscas ou penetração com pouca lubrificação, que pode chegar a irritar a pele do pênis.

A fricção crônica não representa um problema de saúde que deva ser tratado com medicamentos. O ideal é que o indivíduo tente ser mais delicado no momento da masturbação e utilize lubrificantes durante as relações sexuais para que a pele do pênis esteja bem umedecida e possa deslizar corretamente durante a penetração.

Pênis preto: Congestão prostática

A próstata é a glândula masculina responsável por produzir o sêmen e está localizada diante do reto e atrás da bexiga. Quando ocorre um acúmulo sanguíneo nos vasos da próstata trata-se de uma congestão prostática, condição que impede uma correta circulação sanguínea e que, portanto, pode escurecer a pele do pênis.

A congestão prostática é mais comum na terceira idade e pode, ou não, ser consequência de uma inflamação ou aumento da próstata. De forma geral, esta condição costuma causar irritações na uretra e dor ou desconforto na região. Esta condição pode ser aliviada com uma diminuição dos sintomas depois de uma masturbação. Se a dor e o desconforto persistirem, é necessário visitar um urologista.

Pele do pênis escura: Desequilíbrio hormonal

Como já explicamos, os hormônios sexuais masculinos são os responsáveis por dar à pele do pênis esse tom característico que o faz parecer mais escuro. Portanto, quando existe uma desordem hormonal no organismo masculino e aumenta-se de maneira considerável a produção de andrógenos e testosterona, é normal que haja um escurecimento da pele do pênis.

Se você percebe que seu pênis mudou de cor repentinamente e se torna muito escuro e, além disso, apresenta alterações em sua função sexual, talvez seja necessário que você vá ao endocrinologista. Este especialista é o responsável por encontrar a causa das alterações hormonais no organismo, tratá-las, preveni-las e, portanto, oferecer alívio aos sintomas e consequências que podem causar quaisquer variações em relação aos níveis dos hormônios sexuais masculinos.

Mancha escura no pênis: pancadas ou hematomas

Quanto mais sensível é a pele, mais propensa será perante o aparecimento de hematomas depois de alguma pancada ou lesão. Alguns homens podem chegar a notar que a pele do seu pênis fica escurecida em determinadas áreas depois de algum traumatismo em tal órgão. Em geral, como acontece em qualquer parte do corpo quando encontramos um hematoma, a coloração da pele voltará à sua normalidade com o passar dos dias, assim que o sangue concentrado tenha se disseminado no corpo.

Também pode ocorrer o aparecimento de uma mancha escura no pênis, uma hiperpigmentação da pele que ocorre em algumas regiões e se manifesta através de manchas escuras ou de cor marrom que se agrupam entre si. Esta condição é totalmente benigna e não precisa ser tratada, já que não está associada com nenhum tipo de câncer de pele.

Este artigo é meramente informativo, no ONsalus.com.br não temos capacidade para receitar tratamentos médicos nem realizar nenhum tipo de diagnóstico. Convidamos você a recorrer a um médico no caso de apresentar qualquer tipo de condição ou mal-estar.

Se pretende ler mais artigos parecidos a Por que a pele do pênis é mais escura?, recomendamos que entre na nossa categoria de Sexualidade.

Bibliografia
  • "Complicações do Diabetes mellitus" por Erika F., MD, Assistant Professor, Albert Einstein College of Medicine; Attending Physician, Montefiore Medical Center Brutsaer. Disponível em: https://www.msdmanuals.com/pt-pt/casa/dist%C3%BArbios-hormonais-e-metab%C3%B3licos/diabetes-mellitus-dm-e-dist%C3%BArbios-do-metabolismo-da-glicose-no-sangue/complica%C3%A7%C3%B5es-do-diabetes-mellitus

Escrever comentário sobre Por que a pele do pênis é mais escura?

O que lhe pareceu o artigo?

Por que a pele do pênis é mais escura?
Por que a pele do pênis é mais escura?

Voltar ao topo da página