Partilhar

Diabetes tipo 1: Causas, sintomas e tratamento

 
Por Nelson Ferreira, Redator ONsalus. Atualizado: 23 agosto 2019
Diabetes tipo 1: Causas, sintomas e tratamento

A diabetes tipo 1 é uma condição crônica na qual o pâncreas perde a capacidade de produzir a quantidade adequada de insulina necessária ao nosso corpo, isso faz com que o corpo não seja capaz de aproveitar o açúcar ingerido através dos alimentos para o transformar em energia, acumulando-se perigosamente no sangue. Trata-se de uma patologia que se apresenta de forma comum em crianças, adolescentes e jovens adultos, cujos sintomas devem ser detectados a tempo com a finalidade de receber os cuidados médicos necessários e realizar as mudanças na dieta que permitam viver de forma saudável e sem complicações. Neste artigo do ONsalus.com.br explicamos a você as causas, sintomas e tratamento da diabetes tipo 1.

O que causa a diabetes tipo 1?

Ao contrário da diabetes tipo 2, que normalmente afeta adultos e é causada por ter hábitos alimentares pouco saudáveis e um estilo de vida sedentário, a diabetes tipo 1 apresenta-se quando o pâncreas deixa de produzir insulina ou diminui significativamente a produção da mesma.

Mas, porque é tão importante a insulina? Este hormônio é segregado pelas células beta do nosso pâncreas cada vez que ingerimos alimentos que contêm açúcar, a sua missão é mobilizar a glicose que ingerimos até às células com a finalidade de a transformar em energia, necessária para realizar a nossas tarefas diárias. Mas quando a produção de insulina começa a falhar, o açúcar acumula-se no nosso sangue, o corpo não é capaz de produzir energia de forma eficiente e os níveis de glicose começam a subir visto que a mesma não está sendo utilizada de forma adequada. Esta situação conduz a uma condição chamada de hiperglicemia e, posteriormente, à diabetes tipo 1.

Não se sabe exatamente porque o pâncreas deixa de produzir insulina de forma eficiente, embora se acredite que esta reação possa dever-se ao facto de o sistema imunológico confundir as células que produzem insulina com invasores e ataca-as, dando origem a uma doença auto-imune. Esta reação do nosso sistema imunológico poderia ocorrer depois do aparecimento de uma infecção ou vírus. As pessoas com familiares com diabetes tipo 1 têm maior possibilidade de desenvolver esta condição, tal como aquelas pessoas que têm alguma doença auto-imune podem transmitir aos seus filhos a propensão genética de sofrer de algum transtorno deste tipo, incluindo a diabete tipo 1.

Diabetes tipo 1: Causas, sintomas e tratamento - O que causa a diabetes tipo 1?

Sintomas da diabetes tipo 1

Alguns sinais são claros indicadores da presença de uma diabetes tipo 1, por isso e devido a que esta condição se apresenta maioritariamente em crianças e adolescentes, é muito importante prestar atenção a qualquer alteração em seu comportamento que possa indicar um sinal de alarme.

Os primeiros sintomas que se apresentam quando o açúcar está elevado no sangue ou quando existe diabetes tipo 1 são:

  • Urinar com muita frequência, a criança poderá começar a acordar de noite para urinar ou inclusive fazer na cama caso não tenha tempo de ir no banheiro.
  • Sede frequente. Isto acontece porque ao urinar com frequência faz com que haja uma maior necessidade de repor os líquidos perdidos.
  • Cansaço e falta de energia porque o corpo não consegue aproveitar o açúcar adequadamente.
  • Aumento do apetite.
  • Perda de peso apesar de comer mais que o habitual.
  • Outros sintomas podem ser a visão turva e a sensação de formigamento nos pés.

Caso a diabete tipo 1 avance sem ser detectada, a pessoa afetada poderá começar a manifestar outros sintomas como a boca seca, dor de estômago, náuseas, vômitos, hálito com cheiro a fruta, pele seca ou problemas de respiração.

Caso suspeite da presença de diabetes, o médico solicitará uma análise de tolerância à glicose que permitirá avaliar o nível de açúcar no sangue e com isso a presença desta condição. Também pode ser solicitado um exame de cetonas e/ou de hemoglobina para diagnosticar esta patologia.

Diabetes tipo 1: Causas, sintomas e tratamento - Sintomas da diabetes tipo 1

Tratamento médico da diabetes tipo 1

A diabetes tipo 1 é uma doença crônica que não tem cura, no entanto é imprescindível ter um tratamento para controlar os níveis de açúcar no sangue, assim como uma dieta que permita impedir que os mesmos subam demasiado. Assim que esta condição for detectada é importante nivelar a glicose, sendo que em alguns casos é necessária a hospitalização e consultas médicas frequentes para o conseguir.

Umas vez que os níveis sejam aceitáveis, o paciente poderá iniciar o seu tratamento de insulina para controlar a doença. Todas as pessoas que sofrem de diabetes tipo 1 devem tomar insulina diariamente, isto quer dizer que devem injectar insulina no corpo para que o mesmo possa controlar efetivamente os níveis de açúcar sem correr o risco que estes aumentem.

A quantidade e o tipo de insulina que devem administrar diariamente dependerá de cada caso e devem ser indicados pelo médico. Além disso, é muito importante saber ajustar a quantidade de insulina que se administra quando se realiza atividade física, se consomem mais calorias ou se sofre de alguma doença. O especialista deverá indicar ao paciente ou aos seus pais todos os aspectos fundamentais referentes ao uso deste produto. A forma de ser administrado, as horas em que se deve usar e o que fazer quando se apresenta uma queda de açúcar devido a um aumento na insulina.

Diabetes tipo 1: Causas, sintomas e tratamento - Tratamento médico da diabetes tipo 1

Outras medidas para tratar a diabetes tipo 1

Além do consumo de insulina, as pessoas que sofrem de diabetes tipo 1 devem colocar em prática outras medidas para garantir o seu bem-estar, por isso recomenda-se:

  • Aprender a medir os níveis de açúcar no sangue para determinar que alimentos são mais adequados em certos momentos do dia.
  • Ter uma dieta saudável, equilibrada e baixa em alimentos proibidos para diabéticos.
  • Realizar exercício físico de intensidade moderada de forma regular, o que ajudará a manter os níveis de açúcar controlados. O seu médico poderá indicar a você as práticas mais adequadas e a forma de controlar os níveis de glicose quando praticar algum esporte.
  • Revisar os níveis de açúcar com a frequência recomendada para se certificar que estão ótimos.
  • Utilizar sempre um calçado confortável e adequado para os pés, visto que esta parte do corpo é muito sensível devido a esta condição e podem acontecer danos nos nervos que afetam esta região causando lesões graves. Além disso, recomenda-se recorrer a um podólogo duas vezes por ano para uma revisão e visitar de imediato um especialista caso de produzam problemas comuns como os fungos nos pés.
  • Manter muito bem controlada esta doença para evitar possíveis complicações da mesma assim como danos nos vasos sanguíneos, nos nervos, doenças oculares, renais ou cardíacas.
Diabetes tipo 1: Causas, sintomas e tratamento - Outras medidas para tratar a diabetes tipo 1

Este artigo é meramente informativo, no ONsalus.com.br não temos capacidade para receitar tratamentos médicos nem realizar nenhum tipo de diagnóstico. Convidamos você a recorrer a um médico no caso de apresentar qualquer tipo de condição ou mal-estar.

Se pretende ler mais artigos parecidos a Diabetes tipo 1: Causas, sintomas e tratamento, recomendamos que entre na nossa categoria de Sistema endocrino.

Escrever comentário sobre Diabetes tipo 1: Causas, sintomas e tratamento

O que lhe pareceu o artigo?

Diabetes tipo 1: Causas, sintomas e tratamento
1 de 5
Diabetes tipo 1: Causas, sintomas e tratamento

Voltar ao topo da página