menu
Partilhar

Úlceras no pênis: causas, sintomas e tratamento

 
Por Redação ONSalus. 15 fevereiro 2021
Úlceras no pênis: causas, sintomas e tratamento

As lesões no pênis podem ser realmente preocupantes. Algumas das maiores dúvidas são sobre sua relação com doenças sexualmente transmissíveis, um possível agravamento e preocupação pelos incômodos que podem causar.

A verdade é que as úlceras no órgão sexual masculino podem ocorrer por diversas causas, como infecções, doenças inflamatórias da pele, alergias, tumores, etc. Algumas podem causar dor e outras não. Podem vir acompanhadas de inflamação dos gânglios inguinais ou afetar outras áreas da pele.

A seguir, neste post do ONsalus, te explicamos por quê surgem úlceras no pênis, quais sintomas podem provocar e o tratamento para curá-las.

Também lhe pode interessar: Bolinha no pênis: causas

Doenças sexualmente transmissíveis (DST)

Se você teve relações sexuais sem preservativo, é provável que as lesões ocorram por causa de uma infecção contagiada através destas relações. É importante não apenas determinar a causa da dor, mas também descartar a possibilidade de ter sido infectado por doenças sexualmente transmissíveis.

As possíveis DST que podem causar o aparecimento de úlceras no pênis são:

Sífilis

Uma úlcera no pênis única e indolor conhecida como cancro é o sintoma inicial desta doença. Em ume fase mais avançada, podem aparecer diferentes ulcerações ou lesões na pele.

O tratamento é feito através de injeção de penicilina. Para mais informações, consulte sífilis em homens: sintomas e tratamento.

Herpes genital

As úlceras no pênis começam sendo pequenas bolhas, mas causam muita dor. Podem aparecer de forma recorrente ao diminuir a imunidade.

O tratamento consiste na aplicação de cremes antivirais e, quando o caso é muito grave, esta medição pode ser administrada por via oral. Você pode ver mais informações em herpes genital: sintomas e tratamento.

Linfogranuloma venéreo

É uma infecção do tipo crônica causada por uma bactéria chamada Chlamydia trachomatis. Além da úlcera indolor na zona genital, podem aparecer outros sintomas, como:

  • Inflamação ganglionar na virilha;
  • Inchaço e, inclusive, supuração nesta área;
  • Dor ao defecar;
  • Pus ou sangue no reto.

O tratamento é feito com antibióticos, tendo uma evolução muito boa.

Cancroide

É uma infecção causada pela bactéria Haemophilus ducreyi. Algumas semanas após contrair a infecção, a pessoa perceberá o aparecimento de uma lesão elevada que no dia seguinte se torna uma úlcera.

Esta úlcera é dolorosa, pequena e pode sangrar ao simples toque. Pode vir acompanhada de inflamação e infecção dos gânglios linfáticos.

Este problema é tratado com antibióticos e, às vezes, com a drenagem da infecção ganglionar.

Molusco contagioso

O molusco contagioso é uma infecção viral que pode ser contagiada de diferentes formas:

  • Contato sexual.
  • Contaminação através de toalhas ou objetos para higiene.
  • Água de piscinas.

Pode afetar qualquer área da pele, inclusive o pênis. Costumam ser pequenas protuberâncias agrupadas que podem ficar feridas ou inflamar e, nesse momento, causar coceira.

As lesões podem desaparecer espontaneamente entre 1 a 3 anos, embora também possam ser removidas através de diferentes métodos cirúrgicos ou medicamentos.

Úlceras no pênis: causas, sintomas e tratamento - Doenças sexualmente transmissíveis (DST)

Úlceras no pênis por alergia

Se você sofre de alergia ao látex ou a alguma substância com a qual teve contato, podem aparecer diversas lesões nos genitais, como vermelhidão, erupções e até mesmo as úlceras no pênis.

Se é a primeira vez que está com esse problema, é necessário detectar qual é a causa. Se isto já aconteceu outras vezes, é importante evitar aquilo que está causando a irritação.

Para seu tratamento, podem ser necessários antialérgicos em creme ou por via oral e analgésicos, caso hajam muitos incômodos.

Você pode aplicar compressas com água fria ou infusões calmantes, como a camomila ou calêndula (ambas são anti-inflamatórias).

Psoríase

A psoríase é uma doença inflamatória que pode afetar qualquer área da pele, inclusive o pênis, embora isso não seja muito frequente.

As lesões costumam consistir em um avermelhamento da pele e descamação prateada, embora também possam aparecer ulcerações. Costuma coçar muito e surge em surtos, alternando com períodos sem sintomas.

O tratamento da psoríase depende da gravidade dos sintomas e podem ser necessários cremes, loções e medicamentos anti-inflamatórios via oral.

Tumor maligno

É algo muito incomum, mas pode acontecer de uma úlcera indolor, que não cura com o passar do tempo, ocorrer por causa de um tumor maligno no pênis. Costuma se instalar na região do prepúcio ou da glande.

É uma manifestação muito precoce da doença, por isso que se for detectada a tempo o tratamento costuma ser muito eficaz.

O tratamento consiste na remoção da lesão. Dependendo da gravidade do quadro, também pode ser necessário fazer um tratamento com radioterapia.

É por isso que se você sofre de úlceras ou feridas no pênis, não deve ignorá-las. Chegar a um diagnóstico fará com que você consiga tratar o problema mais rapidamente, tanto no caso de se tratar de um problema grave como este, quanto no caso de ser uma doença que possa contagiar sua parceira sexual.

Este artigo é meramente informativo, no ONsalus.com.br não temos capacidade para receitar tratamentos médicos nem realizar nenhum tipo de diagnóstico. Convidamos você a recorrer a um médico no caso de apresentar qualquer tipo de condição ou mal-estar.

Se pretende ler mais artigos parecidos a Úlceras no pênis: causas, sintomas e tratamento, recomendamos que entre na nossa categoria de Sistema reprodutor masculino.

Bibliografia
  • Peyraud F, Allenet C, Gross-Goupil M, et al. Current management and future perspectives of penile cancer: An updated review [published online ahead of print, 2020 Aug 7]. Cancer Treat Rev. 2020;90:102087. doi:10.1016/j.ctrv.2020.102087
  • Buechner SA. Common skin disorders of the penis. BJU Int. 2002;90(5):498-506. doi:10.1046/j.1464-410x.2002.02962.x
  • Roett MA. Genital Ulcers: Differential Diagnosis and Management. Am Fam Physician. 2020;101(6):355-361.

Escrever comentário

O que lhe pareceu o artigo?

Úlceras no pênis: causas, sintomas e tratamento
1 de 2
Úlceras no pênis: causas, sintomas e tratamento

Voltar ao topo da página