Partilhar

Quanto tempo dura o efeito do laxante?

 
Por Dra. Ivonne Nieves Blanco, Médica Cirurgiã. 26 agosto 2020
Quanto tempo dura o efeito do laxante?

Quando você se vê na necessidade de tomar um laxante, são muitas as perguntas que acaba se fazendo: desde qual deve tomar, seus efeitos, se será bom usá-lo e, especialmente, quanto tempo seu efeito dura no corpo.

Muitas pessoas precisam usar laxantes para controlar os hábitos intestinais, especificamente, a incapacidade de evacuar regularmente, o que leva ao uso destas substâncias.

Se você toma laxantes, uma das perguntas que pode estar se fazendo é "quanto tempo dura o efeito de um laxante no organismouma vez que tenha sido tomado?". Continue lendo este artigo do ONsalus para descobrir a resposta e as precauções a ter com este tipo de fármaco.

Também lhe pode interessar: Quantos dias devo usar Albocresil óvulo?

Quanto tempo demora para um laxante fazer efeito?

Os laxantes são medicamentos utilizados para evacuar os intestinos permitindo a saída das fezes sem complicações. São utilizados para prevenir a constipaçãom ou prisão de ventre, assim como para aliviá-la, embora sempre devam ser usados sob prescrição médica.

Depois de tomar o laxante, este age no cólon, aumentando a mobilidade intestinal sendo que, para isso, incide diretamente nas terminações nervosas do plexo do cólon. Seu efeito começa de 6 a 12 horas após sua ingestão, de modo que a pessoa que precisa tomá-lo tem esta margem de tempo para que o intestino comece a evacuação das fezes que estão em seu interior.

Os laxantes devem ser tomados em apenas uma dose, 1 vez ao dia, por no máximo 3 dias, caso seja necessário. Se por alguma razão não conseguir defecar após este tempo, será preciso tomar uma segunda dose deste laxante.

Quanto tempo dura o efeito do laxante no organismo?

Seu efeito começará após 6 a 12 horas de tê-lo ingerido e se manterá por um período de 4 a 6 horas, o que varia de acordo com o movimento dos intestinos de cada pessoa.

Quanto tempo dura o efeito do laxante? - Quanto tempo demora para um laxante fazer efeito?

Tipos de laxantes

Os laxantes são agrupados em 4 grupos devido a sua ação para tratar a constipação:

  • Agentes formadores de bolo fecal: os alimentos ricos em fibras, como o farelo de trigo, ou produtos como Metamucil ou Citrucel, melhoram a constipação. Isto é ocorre porque conseguem absorvem mais líquido nos intestinos, o que permite auxiliar o aumento de tamanho das fezes, causando assim a vontade de defecar.
  • Lubrificantes de fezes: estes laxantes se caracterizam por recobrirem a superfície das fezes, tornando seu deslizamento pelos intestinos mais fácil, o que contribui para saírem mais rápido do intestino. Neste grupo, estão os supositórios de Glicerina.
  • Amolecedores de fezes: os produtos como Colace amolecem e lubrificam as fezes. Quando se toma este tipo de laxante, deve-se tomar bastante água para que ele funcionem bem.
  • Laxantes osmóticos: permitem que os intestinos tenham mais líquido, desta forma, conseguem suavizar as fezes e ajudam a evacuá-las do intestino. Neste grupo, estão: o leite de magnésio, Miralax, assim como os açúcares absorvíveis, como a lactulose ou o sorbitol. É recomendado tomar bastante água ao usar estes laxantes.
  • Laxantes estimulantes: este tipo de laxantes são os mais fortes, fazem com que o intestino se contraia para expulsar as fezes. Promovem o aumento da velocidade com que as fezes passam pelos intestinos, causando irritação no revestimento dos intestinos. Não é recomendável o uso deste tipo de laxante de forma regular, já que estes mudam o tom e a sensação do intestino grosso, o que poderia causar uma dependência dos laxantes para poder evacuar o intestino.

Quando tomar laxante

Os laxantes são estritamente indicados em casos onde as fezes não conseguem se mover corretamente pelos intestinos. Cada paciente tem seus hábitos particulares para defecar, nem todas as pessoas têm um mesmo padrão.

A constipação é frequente entre pessoas mais velhas, pessoas que praticam pouca ou nenhuma atividade física, que têm transtornos alimentares ou que não bebem água suficiente, assim como em pessoas que sofrem de transtornos intestinais. Diante destas situações, o recomendável é consultar um médico, pois ele é o profissional indicado para prescrever o laxante que melhor te servirá de acordo com os sintomas e o grau de constipação que apresentar.

Muitos laxantes estão disponíveis em farmácias sem a necessidade de receita médica, contudo, o mais recomendável é que sejam indicados por um médico.

Consequências do abuso de laxantes

O consumo frequente e indiscriminado dos laxantes pode fazer com que você acabe abusando deles, o que poderia causar condições como:

  • Diarreia.
  • Paralisia intestinal.
  • Síndrome do intestino irritável.
  • Melanose crônica.
  • Pancreatite.
  • Hemorroidas.

É por isso que sua indicação deve ser feita para casos específicos, onde não se coloque a saúde em risco.

Precauções ao tomar um laxante

  • Os laxantes devem ser prescritos por um médico, sua ingestão deve ser controlada.
  • Ingerir laxantes não pode se tornar algo rotineiro.
  • Devem ser utilizados de acordo com a idade dos pacientes. Em crianças, não deve ser usado por aquelas que tenham menos de 5 anos e, para crianças mais velhas, deve ser fornecido somente durante o tempo estipulado pelo pediatra de acordo com a idade e peso da criança, e gravidade da constipação.
  • É importante conhecer a causa que origina o aparecimento da constipação para indicar o laxante somente caso seja realmente necessário.
  • O uso frequente e injustificado pode causar desnutrição por falta de absorção de nutrientes.
  • Deve-se tomar muito cuidado ao tomar o laxante junto com outros medicamentos, como antibióticos, anticoagulantes ou remédios para o coração ou ossos. Nestes casos, você deve consultar seu médico para evitar complicações.
  • Se você está grávida, deve consultar seu ginecologista, ele te indicará a dose que deve tomar até controlar seus hábitos intestinais.

Este artigo é meramente informativo, no ONsalus.com.br não temos capacidade para receitar tratamentos médicos nem realizar nenhum tipo de diagnóstico. Convidamos você a recorrer a um médico no caso de apresentar qualquer tipo de condição ou mal-estar.

Se pretende ler mais artigos parecidos a Quanto tempo dura o efeito do laxante?, recomendamos que entre na nossa categoria de Medicação e testes médicos.

Escrever comentário sobre Quanto tempo dura o efeito do laxante?

O que lhe pareceu o artigo?

Quanto tempo dura o efeito do laxante?
1 de 2
Quanto tempo dura o efeito do laxante?

Voltar ao topo da página