Lesões e doenças do braço

Dor na Axila - Causas e Tratamentos

 
Magce Bonilla
Por Magce Bonilla, Química. 28 dezembro 2022
Dor na Axila - Causas e Tratamentos

Sentir dor na axila ao tocá-la pode ser consequência de diferentes condições ou doenças, como pelos encravados, inflamação dos linfonodos axilares, infecção, formação de cistos sebáceos, entre outros. Além disso, é possível que em outras situações a dor e a inflamação na axila sejam recorrentes e possam se irradiar para o braço ou outras áreas, e sejam acompanhadas de outros sintomas, como febre, problemas respiratórios ou fraqueza. Nesses últimos casos, é muito importante consultar urgentemente um médico para obter um diagnóstico preciso e iniciar o tratamento adequado o mais rápido possível.

Continue lendo, portanto, este artigo do ONsalus no qual explicamos tudo sobre dor na axila, suas causas e tratamentos.

Também lhe pode interessar: Dor no braço direito, o que pode ser?
Índice
  1. Linfonodos axilares inflamados
  2. Esforço muscular
  3. Cisto sebáceo
  4. Pelo encravado
  5. Hidradenite supurativa
  6. Câncer

Linfonodos axilares inflamados

Iniciamos nossa lista de causas para a dor na axila falando dos linfonodos axilares inflamados. Muitas vezes, quando há uma infecção no organismo, os gânglios linfáticos ou linfonodos podem se inflamar e aumentar de tamanho, já que fazem parte do sistema imunológico e ajudam a combater os processos infecciosos que estejam afetando o organismo.

Infecções virais, faringites, feridas na pele, infecções da boca e ouvidos, entre outras, costumam inflamar os linfonodos de forma leve e temporária, embora nos casos de doenças autoimunes a inflamação possa durar mais de um mês.

Tratamento

Normalmente, o linfoma inchado não precisa de tratamento, sendo que o mais adequado é descansar e beber bastante líquido. No entanto, conforme o caso, é importante identificar a causa da inflamação ou infecção para tratá-la com os medicamentos adequados, incluindo antibióticos previamente prescritos pelo médico responsável.

Você pode consultar mais informações no artigo íngua na axila: causas e tratamento.

Dor na Axila - Causas e Tratamentos - Linfonodos axilares inflamados

Esforço muscular

Os músculos do peitoral e do braço são muito usados ​​para lançar ou puxar objetos, o que com frequência pode causar dor nas axilas, uma vez que um dos músculos envolvidos sofreu uma distensão ou puxão. Isso é especialmente comum em pessoas que praticam esportes altamente dinâmicos nos quais são continuamente usados os braços e o peitoral, como tênis, natação, vôlei ou levantamento de peso.

Tratamento

Nesses casos, é fundamental parar de fazer atividades físicas por alguns dias e repousar. Do mesmo modo, colocar compressas frias na área dolorida de duas ou três vezes ao dia, bem como tomar analgésicos, como o paracetamol, e anti-inflamatórios, como o ibuprofeno, previamente indicados por um médico, irão ajudar a aliviar os sintomas.

Cisto sebáceo

Os cistos sebáceos se desenvolvem na axila quando há um acúmulo de fluidos corporais na região. É um nódulo benigno de consistência mole formado sob a pele, que também pode aparecer atrás das orelhas, pescoço, costas e face. Geralmente, esses cistos não causam dor, no entanto, quando inflamados, podem causar desconforto ao toque, além de sensibilidade e vermelhidão. Por isso, é uma causa comum de dor na axila, tanto na direita como na esquerda.

Tratamento

A maneira adequada de tratar os cistos sebáceos, ainda que não manifestem sintomas, é ir a um dermatologista para obter uma avaliação detalhada do nódulo, já que em determinadas circunstâncias o indicado é retirá-lo via cirurgia.

Pelo encravado

Os pelos encravados que ficam por debaixo da pele e não saem ao exterior de forma adequada também podem causar dor na axila ao tocá-la. Devido ao acúmulo de suor e microorganismos, o folículo piloso se inflama e causa a obstrução do poro. Normalmente, isso acontece devido à depilação ou mesmo falta de higiene na região das axilas. Caso chegue a infeccionar, pode causar bastante dor e irritação.

Tratamento

Recomenda-se tentar remover o pelo encravado de maneira adequada. Antes de tentar removê-lo, convém fazer uma boa limpeza na área da axila, isto é, uma esfoliação, além de colocar compressas de água morna no folículo para abrir o poro e poder ver a ponta do pelo. Depois disso, deve ser removido firmemente da raiz com uma pinça adequada e esterilizada. Veja também como tirar pelo encravado da virilha.

Dor na Axila - Causas e Tratamentos - Pelo encravado

Hidradenite supurativa

A hidradenite supurativa, também conhecida como acne inversa, aparece devido à inflamação e infecção de uma glândula sudorípara. Nesses casos, os dutos por onde o suor é excretado ficam obstruídos, acumulando suor e proliferando bactérias devido ao calor e à umidade. Nesse caso, ocorre a secreção do pus e a formação de um abscesso muito dolorido, e consequente dor na axila que irradia para o braço, às vezes até limitando a mobilidade do braço.

Embora essa doença seja mais comum em mulheres na puberdade, ela também geralmente aparece em pessoas que suam excessivamente, têm maus hábitos de higiene, têm obesidade, diabete ou usam roupas apertadas.

Os sintomas são muito característicos, quase sempre se forma um furúnculo muito doloroso na axila que se intensifica ao pressionar o local. Além disso, a hidradenite supurativa coça e tende a aumentar de tamanho, tornando-se um nódulo ou abscesso que geralmente começa a inflamar.

Tratamento

O tratamento da hidradenite supurativa, um vez que esteja em fase inicial de formação, pode ser feito por um processo de drenagem, fazendo-se uma pequena incisão e tomando-se antibióticos previamente indicados pelo médico.

Quando aparecem de forma reiterada, com tamanho grande, recomenda-se removê-las cirurgicamente para realizar uma limpeza profunda e eliminar o tecido danificado.

Câncer

Ainda que não seja a causa mais comum desse sintoma, o câncer que se desenvolve na parte superior do corpo costuma inflamar os linfonodos, especialmente nos casos de câncer de mama, linfático e respiratórios, manifestando às vezes um nódulo doloroso abaixo da axila que pode se espalhar para o braço.

Além disso, a inflamação e a dor na axila podem ser causadas por uma reação secundária produto dos tratamentos de quimioterapia e radioterapia.

Tratamento

É muito importante ir ao médico se você tiver uma dor na axila que não desaparece e, principalmente, se estiver acompanhada de outros sintomas, como dificuldade respiratória, febre, dor e vermelhidão na mama. É fundamental realizar os exames médicos adequados (como a mamografia) o mais rápido possível para iniciar, caso seja necessário, o tratamento adequado.

Agora que você viu as principais causas da dor na axila, não perca este outro artigo sobre caroço interno na axila.

Este artigo é meramente informativo, no ONsalus.com.br não temos capacidade para receitar tratamentos médicos nem realizar nenhum tipo de diagnóstico. Convidamos você a recorrer a um médico no caso de apresentar qualquer tipo de condição ou mal-estar.

Se pretende ler mais artigos parecidos a Dor na Axila - Causas e Tratamentos, recomendamos que entre na nossa categoria de Ossos, articulações e músculos.

Bibliografia
  • García-Martínez, F. y col (2017). Actualización en Hidrosadenitis supurativa en atención primaria. [Documento en Línea]. Disponível em: <https://www.elsevier.es/es-revista-medicina-familia-semergen-40-articulo-actualizacion-hidrosadenitis-supurativa-atencion-primaria-S1138359315004323>. Acesso em 21 de dezembro de 2022.
  • Medlineplus. (2021). Quistes epidermoide. Disponível em: <https://medlineplus.gov/spanish/ency/article/000842.htm>. Acesso em 21 de dezembro de 2022.
  • Mayoclinic. (2020). Ganglios linfáticos inflamados. Disponível em: <https://www.mayoclinic.org/es-es/diseases-conditions/swollen-lymph-nodes/symptoms-causes/syc-20353902>. Acesso em 21 de dezembro de 2022.
  • Manual MSD. (2022). Ganglios Linfáticos inflamados. Disponível em: <https://www.msdmanuals.com/es-ve/hogar/trastornos-del-coraz%C3%B3n-y-los-vasos-sangu%C3%ADneos/trastornos-del-sistema-linf%C3%A1tico/ganglios-linf%C3%A1ticos-inflamados>. Acesso em 21 de dezembro de 2022.
Escrever comentário
O que lhe pareceu o artigo?
1 de 3
Dor na Axila - Causas e Tratamentos