Partilhar

Formigamento nos lábios: o que pode ser e como tratar

 
Por Dra. Ivonne Nieves Blanco, Médica Cirurgiã. 22 agosto 2019
Formigamento nos lábios: o que pode ser e como tratar

O formigamento é uma sensação que também é conhecida como parestesia. Pode ser produzida em diferentes partes do corpo como mãos, pés, braços, dedos, pernas, cara e lábios. Estes últimos dois são particularmente sensíveis e delicados e qualquer alteração que se apresente nos mesmos pode indicar que algo está ocorrendo e as potenciais causas que originam a condição devem ser consideradas. As mudanças de temperatura, o estresse, o estado de humor e o contato com alguns alimentos podem dar origem a essa sensação de lábios formigando.

O formigamento na boca é caracterizado pelo aparecimento de dormência e sensação de pontadas, como se pequenos animaizinhos caminhassem pelos lábios. Nesse artigo do ONsalus, explicamos tudo sobre o formigamento nos lábios: o que pode ser e como tratar.

Também lhe pode interessar: Formigamento no rosto: causas

Formigamento nos lábios: o que pode ser

Existem várias causas que podem explicar o que pode ser formigamento nos lábios:

Herpes labial

O aparecimento de lesões causadas pelos vírus do herpes são precedidas por parestesia ou sensação de formigamento, assim como coceira em redor dos lábios.

Reação alérgica

A sensação de formigamento na boca produto de uma reação alérgica pode dever-se ao uso de cremes faciais ou produtos de limpeza facial, além de cremes hidratantes, umectantes, cosméticos ou produtos de higiene bucal que provocam reações alérgicas com frequência. Um dos sinais de alarme que indicam reação alérgica são o formigamento e a dormência nos lábios, assim como outros sintomas.

Hipotiroidismo

Esta doença se caracteriza por apresentar lesão nas glândulas paratiroides localizadas no pescoço e não produzir o hormônio paratireoide em quantidades adequadas para o organismo, o que pode provocar parestesia ou formigamento nos lábios.

Neuropatia periférica

A neuropatia periférica pode provocar adormecimento dos lábios por transtornos na condução da informação nervosa desde o exterior até ao cérebro, pelo que o cumprimento das funções se vê afetado e, dessa forma, começa a surgir parestesia ou formigamento nos lábios, boca e outras partes do corpo. Esta alteração pode manifestar-se pelo aparecimento de uma doença como diabetes ou outros transtornos que podem afetar o sistema nervoso.

Hipocalcemia

Neste caso, o formigamento nos lábios é provocado pela diminuição dos níveis de cálcio no sangue.

Estresse psicológico

Pode provocar alteração da mucosa e dar origem à sensação de formigamento na boca ou parestesia, a qual passará uma vez que o problema de estresse seja controlado.

Reações medicamentosas

Hipoparatireoidismo

As glândulas paratiroides se encarregam de controlar os níveis de cálcio no organismo graças aos hormônios paratiroides que produzem. A alteração dessas glândulas tem como consequência uma diminuição da produção dos hormônios e transtornos nos níveis de cálcio, dando origem à sensação de formigamento e parestesia nos lábios.

Ansiedade

É uma alteração capaz de desencadear diferentes sinais e sintomas no organismo que se desenvolvem a nível psicológico e nervoso, dando origem a diferentes sintomas físicos como:

  • Sudoração.
  • Vertigem.
  • Dificuldade para respirar.
  • Parestesia ou formigamento em diferentes partes do corpo onde se incluem os lábios.

Doença de Raynaud

É uma doença provocada pela diminuição e estreitamento dos vasos sanguíneos em algumas zonas do corpo. Pode provocar ataques que dão origem ao adormecimento ou sensação de picadas nos lábios, mãos, pés, nariz e orelhas.

Consumo excessivo de álcool

A ingestão elevada de álcool provoca a perda ou diminuição da sensibilidade em diferentes partes do corpo, especialmente nos lábios. O controlo dessa alteração passa pela diminuição do consumo de álcool.

Formigamento nos lábios: sintomas associados

A sensação de formigamento nos lábios pode ser acompanhada de outros sintomas como:

  • Adormecimento.
  • Sensação de ardência.
  • Formigamento.
  • Ressecamento.
  • Aumento do volume e alterações na cor dos lábios.
  • Calor.

Ao mesmo tempo, esta sensação de formigamento pode surgir em outras partes do corpo como mãos, pés, braços e pernas.

Boca dormente: tratamento

O aparecimento de formigamento nos lábios é um sinal que exige atenção médica, o profissional se encarregará de identificar os motivos que estão provocando a dormência na boca na consulta. É importante ter em conta que este sintoma é simplesmente um sinal e não indica necessariamente a presença de uma doença, daí a importância de consultar um médico, uma vez que é um fator relevante para um diagnóstico preciso. Conhecendo as causas que dão origem a esses sintomas, será muito mais fácil prescrever o tratamento adequado.

Existem medicamentos que ajudam a controlar este sintoma, entre os quais podemos mencionar os anti-histamínicos, medicamentos usados para o controlo das alergias e seus sintomas. O médico prescreverá a dosagem, assim como a duração de acordo com os sintomas que o paciente apresenta.

Nos casos em que o aparecimento desse sintoma se deve à presença de uma doença como a diabetes, onde os níveis de açúcar no sangue não são normais, pode desencadear uma alteração a nível do sistema nervoso com o passar do tempo. Nesse caso, essa alteração é conhecida como neuropatia periférica. O médico especialista indicará o tratamento adequado para controlar os níveis de glicose e melhorar a lesão nervosa.

Quando se trata de ansiedade, estresse físico ou emocional, além de mudar de hábitos de vida se recomenda praticar exercício físico ou alguma atividade que provoque relaxamento como ioga ou exercícios de respiração. Estes exercícios contribuem para o controle do estresse e para melhorar o estado de humor da pessoa afetada.

É necessário potenciar o consumo de alimentos com alto conteúdo de vitamina B, entre eles se encontram os ovos, espinafres, cenouras, etc. Eles melhorarão os requerimentos nutricionais que são de importante consumo diário.

O consumo de alimentos ácidos e salgados deve ser evitado, uma vez que podem agravar a sintomatologia.

Tomar medidas de higiene para evitar a contaminação de herpes labia como, por exemplo, não compartilhar a escova de dentes com outras pessoas, assim como objetos de uso pessoal com pessoas que apresentem lesões de herpes labial.

Este artigo é meramente informativo, no ONsalus.com.br não temos capacidade para receitar tratamentos médicos nem realizar nenhum tipo de diagnóstico. Convidamos você a recorrer a um médico no caso de apresentar qualquer tipo de condição ou mal-estar.

Se pretende ler mais artigos parecidos a Formigamento nos lábios: o que pode ser e como tratar, recomendamos que entre na nossa categoria de Cérebro e nervos.

Escrever comentário sobre Formigamento nos lábios: o que pode ser e como tratar

O que lhe pareceu o artigo?

Formigamento nos lábios: o que pode ser e como tratar
Formigamento nos lábios: o que pode ser e como tratar

Voltar ao topo da página