Partilhar

Formigamento no rosto: causas

Por Nídia do Carmo, Editora e redatora ONsalus. 22 junho 2018
Formigamento no rosto: causas

O formigamento é uma sensação que costuma afetar as mãos, os pés e as extremidades que, geralmente, é provocada por má circulação que adormece essas zonas. Contudo, não é tão habitual sentir isso no rosto, sendo algo alarmante para a pessoa acometida.

A dormência no rosto pode ser uma condição incômoda e preocupante. Por esse motivo, o ONsalus indica as causas do formigamento no rosto, assim como os sintomas que podem ser associados a cada uma para que você identifique o seu caso facilmente!

Também lhe pode interessar: Calor no rosto: causas e tratamento

Formigamento no rosto e ansiedade

A ansiedade é normal, é um mecanismo de defesa do nosso corpo que faz com que melhoremos o nosso rendimento e capacidades quando enfrentamos um desafio ou um perigo. A ansiedade e todos os mecanismos ativados com ela são o que nos permitiu chegar até aqui como espécie. No entanto, o estresse e a ansiedade evoluem para um problema quando não surgem apenas quando necessitamos, quando se estendem com o tempo ou ocorrem de forma excessiva.

Quando isso acontece e se transforma em um problema, a pessoa afetada tem dificuldade em levar uma vida normal graças aos sintomas físicos e mentais provocados. Em seguida, identificamos os principais sintomas de ansiedade:

Sintomas físicos

  • Transpiração.
  • Aumento do ritmo cardíaco.
  • Palpitações.
  • Tremores.
  • Tonturas.
  • Falta de ar.
  • Calafrios.

Sintomas psicológicos

  • Medo excessivo e constante.
  • Despersonalização.
  • Pensamentos recorrentes.
  • Insônia.

Além de todos os sintomas mencionados, também pode surgir formigamento no rosto por ansiedade ou por estresse, uma sensação de dormência no rosto, assim como nas mãos e nos pés.

Formigamento no rosto e dor de cabeça: enxaqueca

A enxaqueca é uma das condições mais frequentes, sobretudo entre as mulheres, afetando 15% da população. Qualquer pessoa que sofre de enxaqueca conhece a dor e o incômodo que provoca, sintomas que podem até impedir o paciente de realizar qualquer atividade. As crises de enxaqueca são muito variáveis - no geral, ocorrem entre 1 e 4 episódios de cada vez, sendo que cada um dura entre algumas horas até 3 dias.

Contudo, não podemos falar apenas de um tipo de enxaqueca, uma vez que existem vários. Como as causas desencadeantes são diferentes, os sintomas associados também variam bastante. Geralmente, os principais sintomas de enxaqueca são:

  • Dor de cabeça intensa e latejante.
  • Dor surda em um dos lados.
  • Vômitos.
  • perda de visão.
  • Alta sensibilidade à luz.
  • Sensibilidade a odores.

Essa dor intensa e sintomas associados podem ser acompanhados de outro tipo de desconfortos como rosto dormente e formigamento nos lábios ou na língua. É normal que este formigamento no rosto ocorre apenas de um lado, embora possa afetar toda a cara. É por isso que, se os sintomas indicados correspondem aos seus, você deve consultar um médico para que ele indique um tratamento específico para o seu caso e possa aliviar os sintomas da enxaqueca.

Formigamento no rosto: causas - Formigamento no rosto e dor de cabeça: enxaqueca

Rosto formigando e menopausa

Quando pensamos na menopausa e nos sintomas que provoca, sempre nos lembramos dos sintomas mais comuns e habituais: afrontamentos, secura vaginal, insônia e irritabilidade. Contudo, existem outros sintomas menos habituais que também podem surgir nessa fase como, por exemplo, o formigamento no rosto e a dormência de essa e outras zonas do corpo, como as extremidades.

O aparecimento de formigamento no rosto durante a menopausa é provocado por alterações hormonais próprias dessa etapa, principalmente a nível de estrógenos, que podem alterar o sistema nervoso e provocar parestesia. Essa é uma sensação muito incômoda que provoca desconforto na mulher e pode até dar origem a sintomas secundários como ansiedade ou irritabilidade. Esse pode ser um sintoma de menopausa, mas existem muitas outras causas que explicam o aparecimento da sensação e que você encontrará nesse artigo. Logo, independentemente da causa, você deve consultar o seu médico para que ele faça um diagnóstico claro e inicie o tratamento adequado.

Caso seja, efetivamente, uma consequência da menopausa, um dos tratamentos mais eficazes para acabar com este tipo de sintomas é a terapia de reposição hormonal, assim como o exercício físico para tonificar os músculos.

Dormência no rosto e dor de ouvido: causas

Sinusite

A sinusite é a inflamação dos seios paranasais, quer seja crônica ou provocada por alguma infecção ou patologia como um resfriado ou gripe. O problema consiste na produção adicional que o corpo produz, sendo mais do que é capaz de expulsar. Por isso, acaba ficando presa e causa dor e outros sintomas quando:

  • Febre.
  • Congestão nasal e gotejamento.
  • Tosse.
  • Mau hálito.
  • Perda de olfato.
  • Dor detrás dos olhos.

Além disso, dependendo do grau de inflamação, é possível que a rede de nervos que cobre a cara, provocando o formigamento no rosto e a dormência. No entanto, se for tratada adequadamente, todos esses sintomas desaparecem uma vez que a causa subjacente tenha sido eliminada.

Nevralgia del Trigêmeo

Os dois lados do rosto são percorridos por 2 nervos, o nervo facial - cuja função consiste em controlar a musculatura - e o nervo trigêmeo, que oferece a sensibilidade e o controlo da masticação. A verdade é que as interações com esse nervo são responsáveis por 90% das dores, problemas e dormências no rosto. A nevralgia do trigêmeo é uma das condições que pode provocar formigamento no rosto e dores agudas que irradiam para os ouvidos.

Disfunção temporomandibular

A disfunção temporomandibular, como o nome indica, é qualquer distúrbio que ocorre entre o osso temporal e o maxilar, ou seja, a mandíbula. Quando isso acontece, os nervos localizados entre esses ossos também são afetados. Entre os principais distúrbios temporomandibulares, encontramos:

  • Deslocamento de um disco da cartilagem na articulação.
  • Deformação da mandíbula.
  • Infecção na mandíbula.
  • Artrite mandibular.
  • Tumores nessa zona.
  • Fraturas.
  • Excesso de tensão ao mastigar ou provocado por bruxismo.

Todos eles podem provocar formigamento ou dormência no rosto. Existem também outros sintomas que podem ajudar a identificar esse tipo de lesões:

  • Sons ao abrir e/ou fechar a mandíbula.
  • Dor de cabeça, mandibular, de ouvido ou no rosto.
  • Inflamação muscular.
  • Problemas ao abrir e/ou fechar a boca.
Formigamento no rosto: causas - Dormência no rosto e dor de ouvido: causas

Formigamento no rosto e cervicais

Uma contratura muscular, nas vértebras cervicais por exemplo, é uma contração persistente e incontrolável de um só músculo ou grupo muscular que acaba por comprimir os vasos sanguíneos e provoca dor, perda de mobilidade, formigamento e rosto dormente.

As cervicais são os músculos que envolvem o pescoço, mas onde também passam os nervos que se estendem pela cara, cabeça, ombros, costas e até mesmo nas mãos. É por isso que os sintomas de contratura cervical se podem sentir em muitas zonas do corpo, sendo os principais:

  • Perda de mobilidade no pescoço.
  • Dor.
  • Tonturas e vertigens.
  • Náuseas e vômito.

No entanto, também pode provocar formigamento no rosto, no pescoço e nos braços, assim como dormência nas mesmas zonas.

Formigamento no rosto: causas - Formigamento no rosto e cervicais

Formigamento no rosto por falta de vitaminas

É um aspeto que a maioria das pessoas desconhece, mas a falta de vitamina B pode provocar diferentes sintomas, sendo um deles o formigamento no rosto. A alimentação é um dos fatores fundamentais do nosso estilo de vida - fornecer todos os nutrientes que o corpo necessita para funcionar é essencial. Logo, se não temos uma alimentação equilibrada e variada, ou se sofremos de algum problema que impede que o corpo absorva os nutrientes corretamente, o organismo geral vai ser afetado.

No caso as vitaminas do complexo B, quando não absorvemos as quantidades necessárias, podem provocar sintomas como:

  • Tiques
  • Adormecimento
  • Formigamento

Este grupo de vitaminas realiza diferentes funções no organismo como, por exemplo, converter hidratos de carbono em energia, ajudar o corpo a crescer produzir glóbulos vermelhos, certas funções na digestão, além de cumprir um papel chave na saúde nervosa e da pele. É por isso que, quando falta, é nos nervos e na pele onde observamos a maioria dos seus sintomas. Além dos já comentados, outros sintomas da deficiência de vitamina B são:

  • Fadiga e cansaço.
  • Dermatite.
  • Confusão.
  • Cefaleia.
  • Insônia.
  • pele ressecada.
  • Diarreia.
  • Náuseas.
  • Sensibilidade à luz.
  • Anemia.

Este artigo é meramente informativo, no ONsalus.com.br não temos capacidade para receitar tratamentos médicos nem realizar nenhum tipo de diagnóstico. Convidamos você a recorrer a um médico no caso de apresentar qualquer tipo de condição ou mal-estar.

Se pretende ler mais artigos parecidos a Formigamento no rosto: causas, recomendamos que entre na nossa categoria de Cérebro e nervos.

Escrever comentário sobre Formigamento no rosto: causas

O que lhe pareceu o artigo?
1 comentário
A sua avaliação:
Enzo Nunes
Super interessante! gratidão aos envolvidos

Formigamento no rosto: causas
1 de 4
Formigamento no rosto: causas

Voltar ao topo da página