Partilhar

Gripe comum: sintomas, tratamento e prevenção

 
Por Nídia do Carmo, Editora e redatora ONsalus. Atualizado: 19 novembro 2018
Gripe comum: sintomas, tratamento e prevenção

Frequentemente confundida com o resfriado, a gripe ou influenza é uma infeção viral de propagação fácil que surge de um jeito repentino, manifestando sintomas intensos. Entre eles, estão sinais como a febre, a dor de cabeça e as dores de corpo. Ao contrário do resfriado, os seus sintomas são intensos e duradouros, apresentando menos incômodo a nível respiratório mas um mal-estar geral superior. Embora possa surgir em qualquer momento do ano, é durante o inverno ou as épocas de chuva que é mais frequente. Se você gostaria de saber tudo sobre esta condição, em ONsalus explicamos: gripe comum: sintomas, tratamento e prevenção.

Também lhe pode interessar: Como evitar a gripe

Gripe comum: transmissão

A gripe é provocada por um vírus altamente contagioso que costuma se manifestar sob a forma de uma epidemia, afetando muitas pessoas da mesma sociedade. É mais comum durante os meses de frio em que o nosso sistema imunitário se encontra mais debilitado. O contágio da gripe ocorre quando o vírus viaja através das gotas da saliva infetadas que se espalham pelo ar quando espirramos ou tossimos. Daí ser essencial tampar a boca quando estamos doentes e tossimos ou espirramos, evitando assim a sua propagação.

Esta condição é muito mais comum em determinadas pessoas, podendo afetar com intensidade:

  • Crianças com menos de 4 anos.
  • Pessoas com mais de 65 anos.
  • Quem possui um sistema imunológico debilitado por alguma doença crônica ou tratamento.
  • Mulheres grávidas.
Gripe comum: sintomas, tratamento e prevenção - Gripe comum: transmissão

Gripe comum: sintomas

Os sintomas da gripe surgem repentinamente e com grande intensidade, ao contrário do resfriado. As principais diferenças são a presença de febre e dores musculares, assim como a ausência de espirros ou congestão.

Esta condição se manifesta com:

  • Febre superior aos 39 ºC.
  • Dores corporais e mal-estar geral.
  • Dor de cabeça.
  • Arrepios.
  • Apatia e falta de apetite.
  • Assim que a febre baixa, podem aparecer novos sintomas como tosse seca, dor de garganta ou secreções nasais.

Gripe comum: tratamento

O repouso é fundamental para a recuperação da gripe, cujos sintomas mais intensos costumam desaparecer após alguns dias. No entanto, o paciente pode continuar sentindo fraqueza por 1 ou 2 semanas.

Para diminuir a febre, a dor de cabeça e as dores corporais, podem ser tomados antipiréticos de venda livre como o paracetamol ou o acetaminofen, assim como analgésicos como o ibuprofeno. A ingestão de antibióticos não é recomendada em nenhum caso, excepto quando existe alguma complicação que produz infeção - nesse caso, o médico recomendará o tratamento mais apropriado. Algumas soluções caseiras podem ajudar a aliviar a maior parte dos sintomas - descubra quais são no artigo remédios caseiros para a gripe.

Gripe comum: sintomas, tratamento e prevenção - Gripe comum: tratamento

Gripe comum: tratamento caseiro

Quando temos gripe, é importante descansar de forma adequada e repousar durante alguns dicas em caso de febre, já que o corpo necessita de recuperar para regressar às atividades diárias. Além disso, recomendamos:

  • Ingerir uma boa quantidade de líquidos para garantir a hidratação e impedir que a febre provoque complicações.
  • As bebidas quentes e os caldos podem ser reconfortantes e agradáveis para os pacientes com esta condição. Os banhos ou duches de água fria também podem ajudar a baixar a febre.
  • Abrigo adequado é essencial para evitar que os arrepios provoquem ainda mais incômodo ao paciente.
  • Evitar o álcool e o tabaco, já que estes hábitos podem piorar os sintomas.

Quando ir ao médico por gripe comum?

É essencial visitar o médico quando:

  • A febre persiste e não baixa depois de 2 dias.
  • O paciente apresenta complicações respiratórias.
  • Os sintomas da gripe não desaparecem depois dos cuidados.
  • O paciente recupera dos sintomas mas, em poucos dias, tem uma recaída e sente um mal-estar severo novamente.
  • Se apresentam sintomas como desidratação, sono muito prolongado ou confusão.
  • No caso das crianças com menos de 2 anos, sempre é recomendado consultar um médico.

Este artigo é meramente informativo, no ONsalus.com.br não temos capacidade para receitar tratamentos médicos nem realizar nenhum tipo de diagnóstico. Convidamos você a recorrer a um médico no caso de apresentar qualquer tipo de condição ou mal-estar.

Se pretende ler mais artigos parecidos a Gripe comum: sintomas, tratamento e prevenção, recomendamos que entre na nossa categoria de Pulmão e vias respiratórias.

Bibliografia
  • "Influenza" por Craig R. Pringle, BSc, PhD, Professor Emeritus, School of Life Sciences, University of Warwick. Disponível em: https://www.msdmanuals.com/pt-pt/profissional/doen%C3%A7as-infecciosas/v%C3%ADrus-respirat%C3%B3rios/influenza

Escrever comentário sobre Gripe comum: sintomas, tratamento e prevenção

O que lhe pareceu o artigo?

Gripe comum: sintomas, tratamento e prevenção
1 de 3
Gripe comum: sintomas, tratamento e prevenção

Voltar ao topo da página