Partilhar

Herpes no nariz: causas e como tratar

 
Por Dra. Ivonne Nieves Blanco, Médica Cirurgiã. 6 agosto 2019
Herpes no nariz: causas e como tratar

A maioria das pessoas que sofrem de herpes nasal nem sequer percebem, em muitos casos, ela passa despercebida porque os sintomas não se tornam evidentes ou são ignorados.

A herpes é uma doença que surge periodicamente e é causada pelo vírus conhecido como VHS (vírus da herpes simples). Este vírus, uma vez que se aloja no corpo, pode permanecer nele pelo resto da vida da pessoa. É uma causa frequente de consulta com o dermatologista devido ao fato de que é uma doença contagiosa.

A herpes no nariz se torna evidente com o aparecimento das lesões tipo bolha, que podem ser somente uma ou várias. Estas lesões aparecem tanto na parte interna quanto na parte externa do nariz. Neste artigo do ONsalus, explicaremos tudo sobre a herpes no nariz: causas e como tratar.

Também lhe pode interessar: HIV: o que é, sintomas, teste e tratamento

Herpes no nariz: causas

A causa que origina o aparecimento da herpes no nariz é a contaminação pelo vírus da Herpes Simples tipo 1 (VHS-1), este vírus causa lesões na região nasal e nos lábios.

Depois de estar em contato com o vírus, o mesmo pode ficar no seu corpo de forma latente sem causar nenhum sintoma. Existem fatores de risco que podem reativar a presença do vírus como:

  • Infecções por repetição: podem enfraquecer o sistema imunológico, o que cria um meio propício para a ativação do vírus da herpes simples.
  • Febre: é o resultado de um processo infeccioso que afeta o sistema imunológico, já que o enfraquece, permitindo assim a infecção com o vírus.
  • Gripe ou resfriado: os pacientes que estão nestas circunstâncias pelo excesso de rinorreia, podem ter lesões no interior da mucosa nasal ou nas abas do nariz, assim como lesões tipo bolhas e que, ao limpar a secreção nasal, a pele pode ficar lesionada, dando origem à disseminação do vírus da herpes simples na área nasal.
  • Cansaço ou esgotamento físico: contribui para enfraquecer o organismo, promovendo assim a reativação do vírus.
  • Estresse: é um dos fatores desencadeantes da ativação do vírus da herpes simples. Emoções como a ansiedade ou depressão podem ser o gatilho para o surgimento das lesões produzidas pela herpes simples no nariz.
  • Menstruação: durante este período, os hormônios podem afetar o organismo permitindo que o vírus se ative e apareçam os sintomas da doença.
  • Alimentação: uma dieta rica em alimentos processados e pobre em produtos naturais, como as frutas e os vegetais, pode favorecer o aparecimento de doenças alérgicas que trariam como consequência a herpes simples no nariz.
  • Raios solares: estimulam a reprodução do vírus que se encontra no organismo devido aos efeitos dos raios ultravioletas.
  • Contato físico: o contato frequente com pessoas que estão contagiadas por este vírus é uma das causas pela qual as pessoas desenvolvem a herpes no nariz.
Herpes no nariz: causas e como tratar - Herpes no nariz: causas

Herpes no nariz: sintomas

Os sintomas da herpes no nariz caracterizam-se pelo aparecimento de:

  • Sensação de formigamento na região nasal.
  • Ardência.
  • Inflamação e avermelhamento da região.
  • Dor.

Todos estes sintomas podem aparecer por volta de 3 dias antes das lesões tipo bolhas ou úlceras se tornarem visíveis na região nasal. Além disso, podem aparecer lesões semelhantes a espinhas na área interna ou externa da fossa nasal, acompanhadas de líquido.

A herpes no nariz pode ser vista tanto na parte interna quanto externa do nariz.

Herpes no nariz: como se pega

O contágio desta doença costuma ser de pessoa para pessoa através do contato direto, podendo ser através de um beijo na área infectada ou onde no local da lesão. Devido a sua proximidade com a boca, pode vir a causar herpes labial ou nas bochechas.

Depois de entrar em contato com o vírus, o tempo para que a herpes apareça é de cerca de 3 semanas, o que pode variar para cada indivíduo de acordo com o estado do seu sistema imunológico ou se está passando por uma situação de estresse.

Quando aparecem as bolhas, estas se enchem de líquido. Tais lesões não devem ser manipuladas nem drenadas, com isto evita-se que o líquido entre em contato com outras áreas e que a região que está afetada aumente. Este é o momento em que é possível contagiar outras pessoas.

Estas bolhas devem ser deixadas para que drenem por conta própria, então se formará uma crosta que não deve ser tocada até que a lesão esteja completamente curada. Podem levar várias semanas até que a pele volte ao normal. Geralmente, costuma tratar-se em 7 a 14 dias, sempre e quando houver um tratamento adequado.

Herpes no nariz: como tratar

O tratamento da herpes no nariz deve ser indicado pelo médico especialista, neste caso o dermatologista. Este será o encarregado por comprovar a presença da lesão na área nasal ou, em caso de dúvida, solicitar os exames pertinentes para chegar ao diagnóstico definitivo.

Inicialmente, é essencial manter ambas as fossas nasais limpas através de uma lavagem nasal a cada 4 horas sem tocar as lesões com os dedos. Assim será possível evitar a disseminação da infecção até outras áreas e não contaminar ainda mais a fossa nasal. Isto deve ser feito com algodão ou cotonetes.

O tratamento deve começar com a parte farmacológica, com a indicação de antivirais, anti-histamínicos, analgésicos e anti-inflamatórios, assim como antibióticos, dependendo dos sintomas e das lesões apresentadas na região nasal.

Devem ser utilizados antivirais de via oral, como é o caso do Aciclovir, um antiviral para controlar os sintomas. Além disso, é necessária a aplicação de tratamentos de uso tópico durante a presença destas lesões. Da mesma forma, é necessário fazer a ingestão de vitaminas que fortaleçam o sistema imunológico da pessoa que sofre com a doença.

O Aciclovir em creme é utilizado para o tratamento das lesões causadas pela herpes no nariz.

Herpes no nariz: causas e como tratar - Herpes no nariz: como tratar

Como prevenir herpes no nariz

O ideal é manter certas medidas higiênicas para prevenir e controlar o aparecimento da herpes no nariz:

  • Evite tocar as crostas ou ter qualquer contato direto com pessoas infectadas sem tomar as devidas medidas higiênicas, como por exemplo, lavar as mãos depois de ter tido contato com as lesões.
  • Aplicar protetor solar com fator de proteção alto a cada 2 horas em todo o rosto, desta forma, previne-se os efeitos dos raios ultravioletas.
  • Ter uma alimentação saudável, livre de aditivos químicos, com um consumo abundante de frutas e verduras frescas.
  • Cumprir com as indicações médicas para evitar a propagação da infecção.

É importante conhecer as causas e os sintomas da herpes no nariz para evitar sua disseminação e inclusive controlar o aparecimento das lesões. O controle dermatológico é importante junto com um diagnóstico preciso e uma medicação apropriada. Com isto, será possível prevenir o aparecimento frequente da infecção por herpes no nariz.

Este artigo é meramente informativo, no ONsalus.com.br não temos capacidade para receitar tratamentos médicos nem realizar nenhum tipo de diagnóstico. Convidamos você a recorrer a um médico no caso de apresentar qualquer tipo de condição ou mal-estar.

Se pretende ler mais artigos parecidos a Herpes no nariz: causas e como tratar, recomendamos que entre na nossa categoria de Sistema imunitário.

Escrever comentário sobre Herpes no nariz: causas e como tratar

O que lhe pareceu o artigo?

Herpes no nariz: causas e como tratar
1 de 3
Herpes no nariz: causas e como tratar

Voltar ao topo da página