Partilhar

Unhas com riscos: porquê surgem e o que significam

 
Por Dra. Ivonne Nieves Blanco, Médica Cirurgiã. 5 maio 2020
Unhas com riscos: porquê surgem e o que significam

As unhas cobrem a parte distal dos dedos e são formadas por células mortas, queratina e proteína fibrosa que o corpo produz naturalmente. São encarregadas de embelezar as mãos, por isso, devem estar saudáveis e em bom estado.

As unhas podem sofrer alterações em seu aspecto físico por diversos motivos, que vão desde traumatismos até falta de nutrientes, o que seria um aviso de que algo está ocorrendo no interior do organismo.

O aparecimento de riscos nas unhas afeta a aparência e é motivo de preocupação para muitas pessoas. Devido a isso, elas vão ao médico para receber a orientação sobre as causas destas lesões. Neste artigo do ONsalus, você conhecerá muito mais sobre as unhas com riscos: porquê surgem e o que significam seus aparecimentos.

Unhas com riscos: causas

Os riscos nas unhas são lesões cutâneas que aparecem de forma brusca e seu aparecimento reflete o estado de saúde do organismo. Entre as principais causas dos riscos nas unhas, temos:

  • Falta de vitaminas, em especial, do grupo B.
  • Envelhecimento da unha.
  • Cortes frequentes da cutícula.
  • Traumatismos nas unhas.

Para saber a causa exata do que gerou o aparecimento dos riscos nas unhas, é preciso saber que existem dois tipos de riscos. De acordo com a forma em que se apresentam, os riscos nas unhas podem ser longitudinais e transversais.

Unha com riscos verticais

Estas linhas na unha se estendem desde a ponta até a cutícula, é preciso mencionar que as mesmas aparecem de forma fisiológica, em alguns casos, podem ficar mais evidentes com o aparecimento de doenças como:

  • Hipotireoidismo: tende a causar lesões nas unhas como o aparecimento de riscos.
  • Artrite reumatoide.
  • Líquen plano.
  • Doenças cardiovasculares.
  • Doença de Darier: esta é uma desordem genética que é gerada devido a um defeito da queratinização.
  • Falta de ferro.

Estas lesões podem se apresentar de forma única ou em várias, as mesmas podem ser muito perceptíveis ou pouco acentuadas. Além disso, podem estar presentes em uma ou em todas as unhas.

A distrofia de Heller caracteriza-se por apresentar um grande risco na linha média da unha, da qual saem ramificações que são vistas como se fossem um pinheiro invertido. Normalmente, aparece no polegar, mas também pode aparecer em qualquer outro dedo.

Unhas com riscos transversais

Estes riscos estão localizados de uma lado ao outro da unha, pode haver somente um ou vários na superfície. Isto ocorre devido a diminuição do crescimento da unha. Estes também são conhecidos como linhas de Beau e se devem a:

  • Traumatismos.
  • Deficiência nutricional.
  • Falta de cálcio e zinco.
  • Consumo de medicamentos citotóxicos.
  • Presença de febre muito alta e aguda.
  • Pode ocorrer ao retirar a cutícula até a parte de trás.

Pelo sofrimento de algumas doenças como:

  • Diabetes.
  • Psoríase.
  • Vitiligo.
  • Dermatite atópica.
  • Líquen plano.
  • Eczema.

A presença destes riscos pode indicar que existe no organismo uma reação a um medicamento.

Unhas com riscos: porquê surgem e o que significam - Unhas com riscos: causas

O que significam unhas com riscos

  • A presença de riscos verticais nas unhas significa que pode haver uma alteração relacionada a idade ou devido a uma doença. A presença de um risco horizontal indica que existe alguma condição anormal.
  • A presença de riscos transversais brancos, também chamados de Muehrcke, podem indicar a presença de uma hipoalbuminemia, isto é frequente em pessoas com problemas renais, como a síndrome nefrótica ou até mesmo a desnutrição. Estes riscos brancos costumam desaparecer ao se fazer pressão sobre a unha.
  • Quando se fala de riscos marrons ou vermelhos, significa que houve uma ruptura das veias capilares da área e é o indício do aparecimento de algumas doenças chamadas hemorragias de lasca. Estas indicam a presença de uma endocardite infecciosa, infecções bacterianas ou por fungos, psoríase ou algum trauma. Do mesmo modo, poderá simbolizar a falta de vitamina C.

Riscos nas unhas: tratamento

Uma vez que apareçam riscos nas unhas, você deve ir ao dermatologista, ele te orientará de acordo com o tipo de risco que apresentar nas unhas e fará o diagnóstico preciso para evitar o avanço de qualquer doença no organismo.

Se a causa é por motivos nutricionais ou vitamínicos, será necessários repor ambos para suprir a falta existente e voltar a ter unhas saudáveis.

Nos casos de doença, o controle da mesma com o tratamento farmacológico do especialista será suficiente para que os riscos nas unhas desapareçam.

No entanto, você deve manter certos cuidados no seu dia a dia para evitar o aparecimento dos riscos nas unhas e tê-las em perfeito estado:

  • Você deve secar muito bem as mãos. A água pode deteriorar a cutícula, além disso, aumenta o risco de infecções quando as unhas ficam úmidas, é por isso que deve secá-las muito bem.
  • Evite deixar as unhas encravadas, mantendo-as curtas e retas.
  • Utilize produtos que não danifiquem a camada de queratina da unha, já que ela a protege de infecções causadas por fungos e bactérias.
  • Mantenha uma boa limpeza das unhas. É importante eliminar diariamente a sujeira que fica acumulada nelas.
  • Não uses lixas metálicas e sempre deve lixá-las de fora para dentro.
  • A hidratação da unha é importante, deve fazê-la diariamente com cremes hidratantes e nutritivos de boa qualidade.
  • Aumente a ingestão de alimentos que contenham vitaminas A, C e E, biotina e ácido fólico, desta forma, suas unhas permanecerão fortes e saudáveis.
Unhas com riscos: porquê surgem e o que significam - Riscos nas unhas: tratamento

Remédios naturais para unhas com riscos

Alguns dos remédios caseiros que podem te ajudar a manter suas unhas saudáveis e prevenir o aparecimento de riscos ou linhas nas mesmas são:

Azeite de oliva

Contém ácidos graxos essenciais, além de vitaminas que fortalecem e nutrem as unhas. Com ele evita-se o aparecimento dos riscos nas unhas, além de estimular seu crescimento.

A forma de usá-lo é submergindo as unhas em um recipiente com azeite de oliva, cobrindo-as por cerca de 10 minutos, desta forma, os nutrientes do azeite serão absorvidos e elas ficarão completamente impregnadas pelo líquido.

O azeite de oliva pode ser aproveitado de forma mais eficaz se for misturado com alho. A união destes fortalece o efeito do azeite de oliva. Devem ser utilizados 2 dentes de alhos esmagados com uma colherada de azeite, são deixados macerados em um recipiente por 24 horas, depois, é feita sua aplicação sobre as unhas, deixando agirem durante toda a noite.

Alho com limão

Através desta mistura, os riscos nas unhas podem ser tratados com bastante sucesso. O alho com limão estimula o crescimento das unhas e as fortalece, evitando assim o aparecimento de infecções devido ao fato de que o alho tem efeitos bactericidas e antibióticos.

Deve-se amassar 1 dente de alho e fervê-lo em um recipiente com água. Quando tiver evaporado bastante água, adiciona-se o suco de 1 limão. Quando a mistura estiver em temperatura ambiente, aplica-se nas unhas com um pedaço de algodão. Este tratamento é aplicado durante a noite.

Cavalinha

É um remédio natural com excelentes propriedades diuréticas, seu uso contribui para o fortalecimento das unhas, permitindo um crescimento saudável devido ao seu alto conteúdo em silício.

A cavalinha é preparada em infusão: são fervidas 2 colheradas de cavalinha em ½ litro de água e são ingeridas 3 xícaras desta infusão diariamente. Pode ser aplicada diretamente sobre as unhas ou submergindo-as na infusão por cerca de 10 minutos.

Óleo de rícino

Este óleo fortalece as unhas devido ao seu alto conteúdo em vitamina E. A aplicação de algumas gotas deste óleo na unha mudará rapidamente sua aparência.

Unhas com riscos: porquê surgem e o que significam - Remédios naturais para unhas com riscos

Este artigo é meramente informativo, no ONsalus.com.br não temos capacidade para receitar tratamentos médicos nem realizar nenhum tipo de diagnóstico. Convidamos você a recorrer a um médico no caso de apresentar qualquer tipo de condição ou mal-estar.

Se pretende ler mais artigos parecidos a Unhas com riscos: porquê surgem e o que significam, recomendamos que entre na nossa categoria de Pele, cabelo e unhas.

Escrever comentário sobre Unhas com riscos: porquê surgem e o que significam

O que lhe pareceu o artigo?

Unhas com riscos: porquê surgem e o que significam
1 de 4
Unhas com riscos: porquê surgem e o que significam

Voltar ao topo da página