Partilhar

Dor nos ovários após menstruação: causas

Por Nídia do Carmo, Editora e redatora ONsalus. Atualizado: 10 abril 2019
Dor nos ovários após menstruação: causas

A cólica e a dor nos ovários podem acontecer em diferentes momentos da vida de uma mulher, mas principalmente após ter passado a menstruação é algo que já aconteceu com muitas mulheres, pelo menos alguma vez. Uma elevada atividade de determinados hormônios até uma possível gravidez, cistos e algumas doenças, são algumas das causas deste sintoma. É essencial consultar um ginecologista ou clínico geral para fazer os devidos exames em caso de desconforto, cólicas ou dores intensas nesta área e até mesmo se estas se estendem até a parte dos rins e a toda a pélvis. Mas, sobretudo, devemos ir logo se a dor é insuportável, se tentamos aliviá-la e não melhoramos e se dura várias horas seguidas ou até mesmo dias.

Prestar atenção aos sinais que nosso corpo envia para nos dizer que algo está acontecendo é muito importante, pois assim podemos agir a tempo da melhor forma possível. Por isso, no ONsalus queremos te ajudar com a dúvida "Dor nos ovários após menstruação: o que pode ser?" e, neste artigo, te contamos tudo o que você precisa saber sobre as possíveis causas deste desconforto intenso após a menstruação.

Dor nos ovários por ovulação dolorosa

Se você se pergunta porque tem dor nos ovários depois de menstruar, deve saber que é algo mais frequente do que poderíamos pensar e que existem motivos que não representam nenhum problema de saúde grave nem precisam de atenção urgente, no entanto, tem outros sintomas que sim.

Sentir pontadas nos ovários depois da menstruação pode ser devido ao fato de que você tem uma ovulação dolorosa, pois muitas mulheres sentem dores durante o processo normal do ciclo menstrual, por vezes leves e outras vezes muito intensas, enquanto o óvulo ainda está amadurecendo no ovário. Na verdade, sabe-se que ao menos 1 em cada 5 mulheres sofrem deste tipo de desconforto e dor na ovulação.

Contudo, a ovulação dolorosa pode acontecer devido a outras condições que comentaremos mais adiante neste artigo e, por isso, é importante que um ginecologista indique se é necessário iniciar algum tratamento.

Dor nos ovários após menstruação: causas - Dor nos ovários por ovulação dolorosa

Dor no ovário por contrações uterinas

Outra das causas mais frequentes da dor nos ovários depois de menstruar são as contrações uterinas. Além da dor nessa região, também geram uma dor pélvica depois da menstruação e esta não está focada apenas nos ovários.

Estas contrações no útero acontecem devido ao fato de que, nesse momento, a mulher apresenta um nível elevado de prostaglandina, um conjunto de substâncias que agem em diferentes sistemas do nosso corpo e no aparelho reprodutor feminino, provocando uma reação de contração da musculatura do útero. Costumam agir durante a menstruação e inclusive alguns dias depois de parar de menstruar, pois sua função é ajudar no desprendimento do tecido do endométrio.

Se isto não ocorre nos dias seguintes à menstruação, devemos observar se acontece em alguns dias ou se continua e, neste caso, ir ao médico. Em muitos casos de menstruações dolorosas em que ocorrem muitas contrações desta musculatura, os especialistas receitam inibidores de prostaglandinas.

Dor nos ovários após menstruação: causas - Dor no ovário por contrações uterinas

Dor no ovário pode ser gravidez?

Embora engravidar com a menstruação não seja comum, uma vez que não é o momento de maior fertilidade, existe a possibilidade disso acontecer. Por isso, é possível que a mulher esteja grávida se, durante a menstruação, teve relações sem proteção e, alguns dias mais tarde, já parou de menstruar, mas tem dor nos ovários novamente. Além disso, de acordo com a quantidade de dias que tenham se passado após a fecundação, surgirão mais ou menos sintomas de gravidez.

Por isso, a gravidez é uma possível causa da dor nos ovários após menstruação e, tanto se você suspeita que pode estar grávida como se realmente acha que não, deve ir ao ginecologista para que ele te examine e possa dar um diagnóstico preciso. Além disso, se realmente não se tratar de uma gravidez, você deve começar um tratamento adequado para solucionar sua condição, caso seja necessário.

Neste outro artigo do ONsalus, te contamos mais detalhes sobre esta dúvida tão comum: posso engravidar menstruando?

Dor no ovário por gravidez ectópica

Além da possibilidade de gravidez durante a menstruação, pode ser que os desconfortos e a dor nos ovários aconteçam por uma gravidez ectópica. Se trata de um tipo de gravidez que acontece fora do útero e se desenvolve em outras partes do aparelho reprodutor feminino como os ovários, as trompas de Falópio, o colo uterino ou inclusive o abdômen.

Neste caso, costuma-se apresentar outros sintomas, como a dor intensa na parte baixa do abdômen, sangramento anormal, náuseas, vômitos, tonturas, desmaios e fraqueza, dor lombar e pressão no reto, entre outros. Neste caso somente o médico ginecologista poderá decidir se você será tratada apenas com medicamentos ou se também será necessária uma cirurgia.

Dor nos ovários após menstruação: causas - Dor no ovário por gravidez ectópica

Dor nos ovários por perimenopausa

A pré-menopausa é a etapa que acontece como transição até a menopausa e que pode durar vários anos. Pouco a pouco, o corpo da mulher diminui sua produção de hormônios presentes no processo do ciclo menstrual até que se entra completamente na menopausa e não há mais menstruações. Mas há uma parte da pré-menopausa que é conhecida como perimenopausa, que é a mais próxima do desaparecimento total do ciclo menstrual.

A perimenopausa pode acontecer entre os últimos 4 ou 5 anos antes de entrar na menopausa e, entre os diversos sintomas que apresenta, é frequente sentir dor nos ovários no final da regra ou alguns dias depois, sobretudo se as menstruações já começaram a ser irregulares. Esta etapa costuma ocorrer em mulheres entre os 35 e os 50 anos de idade, de acordo com seus ciclos menstruais.

Se os desconfortos que você tem são intensos, deve perguntar ao seu ginecologista se ele pode te receitar algo que sirva para diminuir os sintomas desta etapa de forma eficaz.

Dor no ovário por endometriose

Se você sente desconforto na região dos ovários depois da menstruação e se estas se refletem na parte baixa do abdômen ou inclusive na região lombar, uma das possíveis causas é a endometriose. Esta doença surge quando o endométrio cresce fora do útero e pode chegar a aparecer nos ovários, nas trompas de Falópio, bexiga, reto e intestinos, por isso que não será corretamente expulso durante a menstruação.

Outros sinais que podem te indicar que você sofre de endometriose, além da dor abdominal, incluem infertilidade, cólicas na região e alterações no ciclo menstrual. Existem vários tipos de tratamentos e somente o ginecologista poderá decidir qual é o melhor tratamento para cada paciente.

Dor nos ovários após menstruação: causas - Dor no ovário por endometriose

Dor nos ovários por cistos e câncer de ovário

As vezes são produzidos pequenos cistos nos ovários quepodem ter diferentes tamanhos e que costumam ser benignos, que estão cheios de líquido e que, caso cheguem a se romper, causam uma dor intensa. Este problema pode ser gerado a qualquer momento do ciclo menstrual e, por isso, pode acontecer ao fim deste ou alguns dias depois. Por outro lado, por vezes os ovários policísticos podem ser outro dos problemas que afetam o aparelho reprodutor feminino.

Porém, além disso, quando se sente este tipo de dor e desconforto, também existe a probabilidade de sofrer de câncer no ovário, o qual também se manifestará com sintomas como dor abdominal, nas costas, sangramentos entre menstruações, náuseas, vômitos, indigestões e dificuldades para comer, entre outros sinais clínicos. Diante destes sintomas, é preciso ir urgentemente ao nosso ginecologista.

Dor no ovário por doença inflamatória pélvica

Outra das causas da dor nos ovários após menstruação é a doença inflamatória pélvica. Esta condição acontece quando há uma infecção e inflamação tanto no útero quanto nos ovários e na trompa de Falópio. A infecção gerada costuma ser de caráter bacteriano e é muito importante começar a tratá-la o quanto antes para evitar complicações nos órgãos reprodutores femininos e na saúde em geral.

Alguns dos principais sintomas da doença inflamatória pélvica que te alertarão são as dores na parte baixa do abdômen, um fluxo vaginal anormal e com odor desagradável, sangramento vaginal entre ciclos, embora tenha menstruado há poucos dias, dor e ardência ao urinar e pode inclusive chegar a causar febre. Se tiver estes sintomas, é recomendável que vá urgentemente ao médico.

Dor nos ovários após menstruação: causas - Dor no ovário por doença inflamatória pélvica

Este artigo é meramente informativo, no ONsalus.com.br não temos capacidade para receitar tratamentos médicos nem realizar nenhum tipo de diagnóstico. Convidamos você a recorrer a um médico no caso de apresentar qualquer tipo de condição ou mal-estar.

Se pretende ler mais artigos parecidos a Dor nos ovários após menstruação: causas, recomendamos que entre na nossa categoria de Sistema reprodutor feminino.

Bibliografia
  • "Dor pélvica" por David H. Barad, MD, MS, Director of Assisted Reproductive Technology, Center for Human Reproduction. Disponível em: https://www.msdmanuals.com/pt-pt/profissional/ginecologia-e-obstetr%C3%ADcia/sintomas-de-dist%C3%BArbios-ginecol%C3%B3gicos/dor-p%C3%A9lvica

Escrever comentário sobre Dor nos ovários após menstruação: causas

O que lhe pareceu o artigo?
1 comentário
A sua avaliação:
Dalila Martim
dor do lado direito e menstruacao atrasada, o que pode ser?

Dor nos ovários após menstruação: causas
1 de 6
Dor nos ovários após menstruação: causas

Voltar ao topo da página