menu
Partilhar

Pápulas peroladas nas mulheres: causas e como eliminá-las

 
Por Dra. Gennesis Gonzalez, Médica Cirurgiã. 18 junho 2021
Pápulas peroladas nas mulheres: causas e como eliminá-las

Os casos conhecidos de pápulas peroladas nas mulheres são muito menores do que em relação ao sexo masculino. Diferente dos homens, esta condição de saúde nas mulheres é muito difícil de identificar. Normalmente, nos homens são conhecidas como pápulas peroladas na glande, enquanto que nas mulheres estas pápulas são chamadas de papilomatose vestibular. Este termo serve para definir as pequenas protuberâncias na área genital feminina, especificamente no interior dos lábios menores e na vulva, tornando-os muito mais difíceis de identificar. Na verdade, até mesmo os médicos facilmente confundem as pápulas peroladas com sintomas do HPV ou vírus do papiloma humano sem ser propriamente uma doença sexualmente transmissível.

As pápulas peroladas nas mulheres não doem nem incomodam, além disso, não são contagiosas. Neste artigo do ONsalus, falaremos sobre as pápulas peroladas nas mulheres: causas e como eliminá-las.

O que são as pápulas peroladas nas mulheres

As pápulas peroladas nas mulheres são definidas como crescimentos na forma de nódulos ou gotas de cor rosada brilhante, aparecendo comumente nos lábios menores, na vulva e na pele que recobre o clitóris, embora possa ser confundida como uma doença sexualmente transmissível, elas não são.

Sua presença não representa um problema ou condição de saúde, já que não causam nenhum tipo de dano ou dor, apenas geram uma aparência estética diferente e um aumento na sensibilidade na área onde estão. As pápulas peroladas nas mulheres ou papilomatose vestibular são mais difíceis de identificar do que nos homens, algo que ocorre devido à sua localização, já que não ficam tão expostas, como ocorre no sexo masculino. As pápulas peroladas estão presentes em até 45% das mulheres na pré-menopausa e 10% nas que estão na pós-menopausa[1].

Pápulas peroladas nas mulheres: causas e como eliminá-las - O que são as pápulas peroladas nas mulheres

Por que as pápulas peroladas aparecem nas mulheres?

Os motivos que causam o surgimento das pápulas peroladas são confusos, no entanto, apesar disso, estão relacionados com certos fatores como:

  • Hereditariedade.
  • Alterações hormonais femininas.
  • Mas o motivo mais relevante em relação ao aparecimento das pápulas vestibulares é que podem ocorrer devido ao excesso de acúmulo de secreção de conteúdo oleoso, os quais não costumam ser eliminados devido a uma obstrução dos poros da mucosa. Este acúmulo acaba secando e provocando as características pápulas nos lábios inferiores.

O fato das pápulas peroladas aparecerem nas mulheres não significa que esteja relacionada com a falta de higiene pessoal ou com a atividade sexual. É importante esclarecer que as pápulas peroladas nas mulheres não são contagiosas.

Neste outro artigo você conhecerá tudo sobre a clamídia na mulher: sintomas e tratamento.

Como as pápulas peroladas afetam as mulheres

Medicamente, as pálpulas peroladas são completamente inofensivas e não têm nenhum tipo de relação com as doenças sexualmente transmissíveis, contudo, ao ter estas pápulas, podem surgir certos problemas:

  • Aparência estética: este ponto afeta um pouco mais os homens do que as mulheres, devido à região onde estão as pápulas peroladas.
  • Outra consequência das pápulas peroladas na mulheres é o fator psicológico. Dependendo da mulher, em certas ocasiões, as pápulas peroladas podem sim diminuir a autoestima, gerando problemas psicológicos como depressão, tristeza e sintomas de inferioridade, afetando o estilo de vida tanto na questão social quanto na sexual.
Pápulas peroladas nas mulheres: causas e como eliminá-las - Como as pápulas peroladas afetam as mulheres

Como acabar com as pápulas peroladas na mulher

Eliminar pápulas peroladas com laser

Apesar de serem inofensivas, muitas mulheres preferem removê-las por causa do fator psicológico e estético caso afetem sua vida cotidiana. O melhor jeito de eliminar as pápulas peroladas nas mulheres é a cirurgia laser. Este é um tratamento caro pelo qual, através de laser CO2, é feita a eliminação pápula por pápula, vaporizando cada uma delas. Esta técnica é eficaz, mas envolve correr o risco de ter certos efeitos colaterais,como falta de sensibilidade na área. Este é o mesmo tratamento utilizado quando se fala em eliminar estrias com laser.

Remédios caseiros para eliminar as pápulas peroladas

Neste tratamento médico podem ser acrescidos alguns remédios caseiros, os quais podem ser eficazes para eliminar corretamente as pápulas peroladas nas mulheres:

  • O óleo de rícino é um tratamento natural eficaz para eliminar as pápulas peroladas. Este óleo age na saúde da pele. A ideia é aplicar o óleo de rícino três vezes ao dia durante várias semanas, para que seja eficaz aplicando-o diretamente sobre cada uma das pápulas, após a limpeza adequada da região.
  • O outro tratamento natural eficaz contra as pápulas peroladas no óleo de árvore do chá, é aplicado da mesma forma que o óleo de rícino, no entanto, a utilização do óleo de árvore do chá deve ser feito por um tempo limitado, pois este tipo de óleo afeta a pele quando é utilizado em grandes quantidades. Recomenda-se utilizar apenas duas gotas durante poucos dias ou até que as pápulas vestibulares tenham desaparecido completamente.

Embora certamente causem problemas estéticos, a papilomatose vestibular é completamente inofensiva. A mulher pode viver com elas pelo resto de sua vida sem que causem nenhum incômodo mais grave. Caso tenha alguma dúvida em relação a este assunto, é importante visitar um ginecologista.

Agora que você já saber o que é e como eliminar as pálpulas vestibulares, talvez possa te interessar este outro artigo do ONsalus sobre espinha na vagina - causas e tratamentos.

Pápulas peroladas nas mulheres: causas e como eliminá-las - Como acabar com as pápulas peroladas na mulher

Este artigo é meramente informativo, no ONsalus.com.br não temos capacidade para receitar tratamentos médicos nem realizar nenhum tipo de diagnóstico. Convidamos você a recorrer a um médico no caso de apresentar qualquer tipo de condição ou mal-estar.

Se pretende ler mais artigos parecidos a Pápulas peroladas nas mulheres: causas e como eliminá-las, recomendamos que entre na nossa categoria de Sistema reprodutor feminino.

Referências
  1. Guadalupe, Adriana et al. Patología dermatológica genital. DermatologíaCMQ2013;11(4):288-300. Disponível em: <http://www.medigraphic.com/pdfs/cosmetica/dcm-2013/dcm134l.pdf>. Acesso em 9 de junho de 2021.
Bibliografia
  • DOS ANJOS CABEÇAS, Maria. DErmatologia genial não-infecciosa. Rute Figueiredo. Disponível em: <https://www.researchgate.net/profile/Artur-Beja/publication/281273040_Visao_de_Enfermagem_nas_Patologias_Peno-Escrotiais_nos_Servicos_de_Urgencia/links/55ddde4a08aeaa26af0f1cff/Visao-de-Enfermagem-nas-Patologias-Peno-Escrotiais-nos-Servicos-de-Urgencia.pdf#page=201>. Acesso em 9 de junho de 2021.

Escrever comentário

O que lhe pareceu o artigo?

Pápulas peroladas nas mulheres: causas e como eliminá-las
1 de 4
Pápulas peroladas nas mulheres: causas e como eliminá-las

Voltar ao topo da página