Partilhar

Plaquetas altas, o que significa? Conheça as causas

Por Nicolas Garin, Redator ONsalus. 12 janeiro 2018
Plaquetas altas, o que significa? Conheça as causas

As plaquetas, também chamadas de trombócitos, cumprem uma função extremamente importante no processo de coagulação do sangue. Por este motivo, quando o número de plaquetas existentes no seu organismo é baixo, o risco de sofrer hemorragias internas aumenta consideravelmente. No entanto, se você tiver níveis muito altos, eles contribuem para a formação de coágulos que podem ser perigosos.

Os níveis normais de trombócitos no sangue vão de 150.000 a 450.000, no entanto, existem numerosas condições que podem alterar estes valores, fazendo com que eles aumentem ou diminuam, colocando assim o funcionamento do seu organismo em perigo. Se você deseja saber o que significa ter plaquetas altas, continue lendo este artigo do ONsalus onde explicamos tudo em detalhe!

Também lhe pode interessar: Quais são as funções das plaquetas

Você sofre de alguma infecção

As infecções, quer sejam produzidas por vírus ou por bactérias, podem gerar um aumento na contagem de plaquetas existentes no sangue. No entanto, existem infecções graves e outras simples, por isso, é necessário que você consulte o seu médico para que ele receite um tratamento indicado para eliminar a infecção.

Geralmente, o tratamento das infecções é realizado com antibióticos para matar as bactérias infecciosas que podem permanecer no seu corpo e provocar diversas doenças. Se o seu caso tiver origem viral, se trata apenas de aliviar os sintomas até você se curar. Porém, ao tomar antibióticos, os elementos infecciosos se adaptam e começam a ser mais resistentes, isto é, no futuro esse mesmo antibiótico pode não funcionar para curar infecções. Esta é a razão pela qual é sempre importante consultar um médico perante uma infecção, mesmo que seja recorrente.

Você tem uma doença renal ou hepática

Embora não seja muito comum, em resposta à pergunta o que significa ter plaquetas altas, existem diferentes alterações que podem gerar trombocitose, ou seja, uma elevada quantidade de plaquetas no sangue. Isto pode ser principalmente observado em distúrbios como a síndrome nefrótica.

Além do aumento de trombócitos no seu organismo, estas alterações provocam outros sintomas fáceis de notar como inchaço no rosto, braços, pernas ou zona abdominal, falta de apetite, erupções cutâneas, urina com aparência espumosa, convulsões ou aumento repentino de peso. Perante estes sinais, é essencial consultar um médico para determinar o estado de saúde dos seus rins.

Você sofre de doenças mieloproliferativas

As patologias mieloproliferativas têm como principal característica fazer com que a medula óssea, que é onde se geram as plaquetas, funcione de forma exagerada, aumentando desta forma a quantidade de trombócitos no seu sangue.

Se você sofre de alguma variedade deste tipo de doenças, as suas plaquetas podem ser anormais em relação à sua forma e ao seu tamanho. Além disso, também é possível que aumentem outros fatores no seu organismo como os glóbulos vermelhos e brancos. As doenças compreendidas neste grupo são:

  • Leucemia mieloide crônica
  • Policitemia vera
  • Mielofibrose primária
  • Trombocitemia essencial

Você foi exposto a uma esplenectomia

A esplenectomia é o nome com que se conhece a cirurgia de remoção do baço quando é necessário extraí-lo por se encontrar danificado ou doente. O baço é localizado na parte superior do abdômen e tem como principal função filtrar o sangue e combater todo o tipo de germes e infecções dentro do seu corpo.

Depois de realizar esta operação, é muito provável que a quantidade existente de plaquetas no seu sangue aumente. Isto se deve a uma falha corporal devido à qual as plaquetas não se destroem.

Outras possíveis causas das plaquetas altas

Além das patologias mencionadas anteriormente, outras possíveis causas de ter um nível de plaquetas alto são:

  • Anemia ferropriva ou anemia por déficit de ferro. Devido ao fato do corpo não produzir glóbulos vermelhos pela ausência de ferro, este tenta compensar a situação produzindo mais plaquetas;
  • A presença de câncer no ovário, pulmão ou mama pode conduzir ao aumento de plaquetas, condição conhecida como trombocitose paraneoplásica;
  • Os traumatismos graves provocados por acidentes também podem provocar esta patologia.

Sintomas principais da trombocitose

Geralmente, a sintomatologia que você apresenta está relacionada com a doença que causa o elevado número de plaquetas no sangue, na vez da trombocitose. No entanto, os sintomas mais frequentes que você pode encontrar se você tem plaquetas altas são:

  • Sangramento do nariz ou gengivas;
  • Aparecimento de úlceras na pele, principalmente nas mãos e nos pés;
  • Dormência nas extremidades do corpo;
  • Dor de cabeça;
  • Infartos ou tromboses em qualquer zona;
  • Formação de hematomas ou contusões espontâneas.

Perante estes sinais, recomendamos que você consulte um médico assim que possível.

Este artigo é meramente informativo, no ONsalus.com.br não temos capacidade para receitar tratamentos médicos nem realizar nenhum tipo de diagnóstico. Convidamos você a recorrer a um médico no caso de apresentar qualquer tipo de condição ou mal-estar.

Se pretende ler mais artigos parecidos a Plaquetas altas, o que significa? Conheça as causas, recomendamos que entre na nossa categoria de Sangue, coração e circulação.

Escrever comentário sobre Plaquetas altas, o que significa? Conheça as causas

O que lhe pareceu o artigo?
7 comentários
Luíza
Minha plaqueta deu 949.000 ela tão muito alta?
A sua avaliação:
Desiree ferreira
Boa noite no exame de sangue da minha filha de 3 anos deu q ela ta com as plaquetas altas e ela n tem vontade de comer ela so quer tomar agua e ela passa vomitando e ela ta cm uma cor amarelada oq isso pode ser eu estou apavorada
A sua avaliação:
Edilaine da Silva
Boa noite no meu exame deo plaquetas medio. O que siquinifica?
Att.
Edilaine
CINTIA
BOA TARDE, MEU FILHO DE 1 ANO E 5 MESES FEZ EXAMES E DEU 510.000
Carmen laux
Minhas plaquetas 540.000o q devo fazer qual especialista procurar
Silvania aparecida
As minhas plaquetas está em 423.000 e normal
Nídia do Carmo (Editor/a de ONsalus.com.br)
Oi Silvania! Os níveis normais de trombócitos no sangue vão de 150.000 a 450.000.
Luciano
Minha plaqueta chegou a 18000 mil o médico queria me interna mas não fique isso é perigoso

Plaquetas altas, o que significa? Conheça as causas
Plaquetas altas, o que significa? Conheça as causas

Voltar ao topo da página