Partilhar

Verrugas no pênis: causas e tratamentos

Verrugas no pênis: causas e tratamentos

Os genitais são órgãos que requerem muito cuidado e atenção, já que são muito propensos a sofrer alterações ou até mesmo doenças sexualmente transmissíveis depois de iniciar a vida sexual. Estas doenças são contagiadas pelo contato direto com uma pessoa que apresenta a doença, sendo por esse motivo necessário destacar a importância dos métodos protetores durante o ato sexual. Atualmente, existem muitos tipos de doenças de transmissão sexual, sendo que uma das mais comuns é provocada pelo vírus do papiloma humano ou HPV. Este vírus pode provocar verrugas genitais, na zona do pênis, que passam despercebidas em muitos casos até serem diagnosticadas por um médico. É por isso que, nesse artigo do ONsalus, explicamos tudo sobre as verrugas no pênis: causas e tratamentos.

Também lhe pode interessar: Manchas brancas no pênis: causas

Verruga genital: o que é?

As verrugas no pênis são protuberâncias de cor esbranquiçada com aspeto de couve-flor. Surgem graças a um sobrecrescimento das capas da pele numa zona específica. Podem se localizar nas diferentes regiões do pênis como a glande, o prepúcio, o escroto ou o interior da uretra. É uma alteração que, cada dia, é mais frequente devido ao aumento da atividade sexual desprotegida em todo o mundo com o passar dos anos.

Como saber se tenho verruga genital?

Na verdade, a quantidade de sintomas que as verrugas no pênis manifestam são muito poucos e o seu descobrimento costuma ser fortuito durante um exame clínico de rotina ou porque o paciente nota que surgiram verrugas onde não existiam, mas não porque existe um sintoma que o encaminhe para a consulta médica.

As verrugas podem ser de diversos tamanhos, podendo também surgir apenas uma ou várias. Os seus sintomas podem incluir coceira e provocar sangramento caso você coce a zona em demasia. As verrugas podem não ser dolorosas e o seu aparecimento pode durar semanas, meses ou anos.

Verrugas no pênis: causas e tratamentos - Como saber se tenho verruga genital?

Verruga genital masculina: causas

As verrugas nos genitais surgem após o contágio de um vírus chamado HPV (vírus do papiloma humano). O contágio tem origem nas relações sexuais com pessoas infetadas.

Este vírus apresenta diferentes tipos ou cepas (cerca de 180) e, enquanto muitos não provocam sintomas, outros originam verrugas não só nos genitais mas também em outras partes do corpo humano. Geralmente, as cepas 6 e 11 são as associadas a verrugas genitais. Uma pessoa portadora pode não ver verrugas, ou condilomas genitais, até ter passado algum tempo. O seu aparecimento varia entre 6 semanas e 6 meses e, por vezes, podem não ser observadas até terem passado anos.

O contágio a outra pessoa ocorre mesmo quando não existem verrugas e não significa que, por entrarem em contato, se apresentarão verrugas. Da mesma forma, esta doença apresenta fatores de risco que incluem pessoas com muitos parceiros sexuais, que não usam preservativo, que consomem álcool e tabaco, que têm herpes ou estresse, gestantes ou pessoas com sistema imune debilitado. Caso sejam observadas verrugas em uma criança, se deve suspeitar de abuso sexual.

Como eliminar verrugas no pênis

O tratamento para verrugas no pênis depende da gravidade e da localização das mesmas. O médico selecionará o tratamento indicado para cada caso de acordo com o que considere melhor. Os procedimentos mais comuns são:

  • Aplicação de produtos químicos para impedir o crescimento das verrugas no pênis ou fazê-las desaparecer. No geral, a sequência desse tratamento deve ser feita uma vez por semana.
  • Eliminar as verrugas com crioterapia (através do frio).
  • Uso de pomada receitada pelo médico para aplicar sobre as verrugas durante semanas.
  • Extirpação cirúrgica das verrugas com o uso de um bisturi.
  • Queimar as verrugas com corrente elétrica.

Todos esses tratamentos mencionados são eficazes para eliminar as verrugas no pênis, reduzindo os seus sintomas e a probabilidade de transmitir o vírus do papiloma humano. Caso o paciente sinta desconforto, o médico pode recomendar um anestésico.

No entanto, este tratamento apenas elimina as verrugas e não o vírus que provoca-as. Em alguns casos, as pessoas podem voltar a ter verrugas.

Assim que as verrugas forem eliminadas, o paciente deve manter uma higiene adequada da zona, não se coçar, lavar as mãos sempre que toca no pênis, não ter relação sexual sem preservativo, especialmente se existe desconforto. Caso você sinta coceira ou desconforto, pode aplicar uma compressa fria na zona para reduzir os sintomas, especialmente se existe dor ou inflamação, e tomar analgésicos.

Este artigo é meramente informativo, no ONsalus.com.br não temos capacidade para receitar tratamentos médicos nem realizar nenhum tipo de diagnóstico. Convidamos você a recorrer a um médico no caso de apresentar qualquer tipo de condição ou mal-estar.

Se pretende ler mais artigos parecidos a Verrugas no pênis: causas e tratamentos, recomendamos que entre na nossa categoria de Sistema reprodutor masculino.

Escrever comentário sobre Verrugas no pênis: causas e tratamentos

O que lhe pareceu o artigo?
1 comentário
A sua avaliação:
nuno marques
verrugas no pênis que coçam, o que é?

Verrugas no pênis: causas e tratamentos
1 de 2
Verrugas no pênis: causas e tratamentos

Voltar ao topo da página