menu
Partilhar

Coceiras no corpo relacionadas ao estresse: como identificá-las e tratá-las

 
Por Isbelia Farias. 10 janeiro 2024
Coceiras no corpo relacionadas ao estresse: como identificá-las e tratá-las

A coceira no corpo devido ao estresse é uma realidade nos dias de hoje, pois vivemos em uma sociedade agitada, na qual nem sempre é possível acompanhar o ritmo exigido.

Quando as pessoas se sentem estressadas, começam a secretar diferentes hormônios ou substâncias que geram mudanças em seu organismo, de modo que podem sofrer de eczema, dermatite, urticária, prurido ou outras condições que causam coceira no corpo.

Portanto, no ONsalus, explicamos como saber se a coceira que você sente é causada pelo estresse, por que o estresse causa coceira no corpo e o que pode ser feito para eliminar a coceira causada por fatores ou situações estressantes.

Como saber se a coceira é causada por estresse

Quando as pessoas estão sob muita pressão, elas podem sentir estresse e isso acontece porque elas secretam uma substância chamada histamina, que pode causar coceira na pele. Além disso, também libera cortisol, um hormônio secretado pela glândula adrenal, que, em conjunto, afeta o sistema imunológico, especialmente quando o estresse é crônico, pois pode piorar condições como dermatite ou eczema, se a pessoa já sofre com elas.

Certos eventos emocionais que afetam a vida pessoal, o trabalho ou que tem impacto em outras áreas podem levar a uma coceira no corpo. Quando isso acontece, é um sinal de que o estresse está marcando presença.

A pessoa também pode desenvolver urticária, ou seja, manchas vermelhas acompanhadas de ardor e coceira. Essas lesões podem aparecer em qualquer parte do corpo e em diferentes tamanhos.

Da mesma forma, é importante considerar a possível presença da neurodermatite, outro tipo de coceira causada pelo estresse. A neurodermatite também pode estar acompanhada de outros sintomas, como a própria dermatite atópica e pele seca. A psoríase é outra condição que o estresse agrava e desencadeia coceira no corpo.

Por que o estresse causa coceira no corpo

O estresse é uma resposta que surge quando as pessoas enfrentam desafios em suas vidas. Nesses momentos, tanto o cérebro quanto o corpo precisam responder às demandas do ambiente. Isso nem sempre é possível, pois a pessoa sente que as exigências são excessivas. Por isso, quando sofre de estresse crônico, o sistema imunológico é afetado e causa reações na pele, levando à pele seca e à coceira.

Além disso, a presença do hormônio cortisol e da substância histamina, entre outros, que envolvem mudanças no corpo, pode causar ou piorar condições como psoríase, acne, dermatite e eczema, além de causar inflamação.

A literatura médica também destaca a relação entre o estresse, o sistema nervoso e a inflamação na pele. A reparação da pele também é afetada quando alguém está passando por um quadro de estresse crônico.

Como se livrar da coceira no corpo causada pelo estresse

Em primeiro lugar, a pessoa deve consultar um médico para fazer um exame e um diagnóstico. A partir daí, o especialista poderá indicar o tratamento mais eficaz.

  • Dependendo da gravidade da condição do paciente e de outros sintomas associados, o médico pode prescrever cremes tópicos. O paciente também pode ser encaminhado a um dermatologista para tomar medicamentos de venda livre.
  • Entretanto, além dos tratamentos médicos, existem outras opções que podem ser usadas para evitar quadros de estresse agudo e prevenir a coceira na pele causada por dermatite, urticária, eczema ou qualquer uma das condições acima. Essas medidas incluem atividade física regular, uma dieta saudável e técnicas de relaxamento, como meditação e ioga.
  • As pessoas que sofrem de coceira no corpo induzida pelo estresse ou que têm condições preexistentes, como alergias, psoríase ou eczema, entre outras, também devem evitar o contato com produtos químicos que possam ser agressivos para a pele ou causar irritação.
  • Por outro lado, nem todos os produtos de cuidados com a pele são ideais para todos, pois isso depende do tipo de pele de cada pessoa. Para ter certeza de quais cremes ou loções hidratantes podem ser usados, o paciente deve consultar um dermatologista para sugerir as melhores opções.
  • Aqueles afetados pelo estresse devido a fatores cotidianos também devem aprender a delegar funções, reduzir o horário de trabalho, fazer pausas e, se necessário, procurar ajuda terapêutica para encontrar um equilíbrio.
  • A higiene também é essencial, e um médico especialista pode orientar sobre quais produtos usar para evitar danos à pele.
  • Descansar, evitar álcool, cafeína e bebidas energéticas também fazem parte das medidas para evitar o aparecimento de coceira no corpo devido ao estresse, pois isso não resolve o problema, mas o agrava, principalmente durante o sono.

As mudanças no estilo de vida podem ajudar muito a pessoa a viver com calma e a não sofrer com o estresse e suas consequências, como a coceira no corpo induzida pelo estresse.

Coceiras no corpo relacionadas ao estresse: como identificá-las e tratá-las - Como se livrar da coceira no corpo causada pelo estresse

Este artigo é meramente informativo, no ONsalus.com.br não temos capacidade para receitar tratamentos médicos nem realizar nenhum tipo de diagnóstico. Convidamos você a recorrer a um médico no caso de apresentar qualquer tipo de condição ou mal-estar.

Se pretende ler mais artigos parecidos a Coceiras no corpo relacionadas ao estresse: como identificá-las e tratá-las, recomendamos que entre na nossa categoria de Pele, cabelo e unhas.

Bibliografia
  • Ajjan, D. L. (1997). La curación natural del estrés, la ansiedad y la depresión. Ediciones Robinbook.
  • Álvarez, B. M. (2015). Mindfulness funciona: cómo desconectar y reducir el estrés. Conecta.
  • Mendoza Sandoval, G. S. (2018). Asociación entre el estrés y el desarrollo de alteraciones dermatológicas en los alumnos del cuarto ciclo de la Escuela Profesional de Medicina Humana de la Universidad Privada San Juan Bautista durante el periodo 2018-II.
  • Ureta, C. K. V., Cordero, A. W. H., Figueroa, E. E. J., & Tircio, D. C. N. (2021). Enfermedades dermatológicas, diagnóstico diferencial causas y tratamiento. Dominio de las Ciencias, 7(6), 1276-1294.

Escrever comentário

O que lhe pareceu o artigo?
Coceiras no corpo relacionadas ao estresse: como identificá-las e tratá-las
1 de 2
Coceiras no corpo relacionadas ao estresse: como identificá-las e tratá-las

Voltar ao topo da página