Partilhar

Depois de usar Gino-Canesten, em quanto tempo posso ter relação?

Por Dra. Gennesis Gonzalez, Médica Cirurgiã. 16 abril 2020
Depois de usar Gino-Canesten, em quanto tempo posso ter relação?

Um dos antimicóticos mais conhecidos é o Gino-Canesten, que faz parte dos medicamentos chamados imidazóis, indicados para tratar infecções causadas por fungos. Na vagina, é utilizado especificamente para tratar as infecções causas pela levedura Candida albicans.

O clotrimazol age detendo o crescimento dos fungos que causam a infecção micótica. É um medicamento que pode ser adquirido sem receita médica e está disponível na apresentação de óvulos ou cremes. A dose vai depende da apresentação adquirida.

Uma das recomendações comuns na hora de indicar o Gino-Canesten é evitar manter relações sexuais. Se você quer saber quando poderá retomar a atividade sexual, te convidamos para que continue lendo este artigo do ONsalus no qual respondemos a pergunta: Depois de usar Gino-Canesten, em quanto tempo posso ter relação?

Também lhe pode interessar: Pode ter relação usando óvulo Albocresil?

Gino-Canesten: para que serve

O Gino-Canesten é um medicamento antifúngico que pertence ao grupo dos imidazóis, assim como o miconazol, fluconazol ou cetoconazol. Serve para tratar infecções causadas por leveduras ou fungos especificamente do tipo Candida albicans, uma infecção vaginal que não é grave.

Está disponível com seu nome genérico clotrimazol ou com seus diferentes nomes comerciais como Canesten vaginal ou Gino-Canesten.

Atua basicamente impedindo a biossíntese do ergosterol, a membrana que recobre o fungo. Como não há síntese desta camada protetora, o fungo se torna vulnerável, ficando desprotegido ante a ação farmacológica do Gino-Canesten.

Embora a candidíase vaginal não seja considerada uma doença sexualmente transmissível, existe um risco maior de contraí-la ao ter atividades sexuais regularmente e é causada pelo aumento significativo da levedura Candida albicans. É normal que na vagina haja pequenas quantidades deste fungo sem causar nenhum sintoma, contudo, quando existem modificações na flora genital protetora, seu crescimento pode ser bastante relevante, até gerar esta infecção vaginal por levedura.

O Gino-Canesten é utilizado mundialmente devido ao fato de que grande parte das mulheres (75%) costuma sofrer ao menos uma vez em sua vida de candidíase vaginal, e entre 40 e 45% apresentam dois episódios ou mais de candidíase vaginal ao longo de sua vida.

Depois de usar Gino-Canesten, em quanto tempo posso ter relação? - Gino-Canesten: para que serve

Posso ter relação usando o Gino-Canesten?

O Gino-Canesten é aplicado na vulva no caso de candidíase vaginal e, enquanto durar o tratamento, não é recomendável ter relações sexuais. Em primeiro lugar, porque o aumento das secreções da vagina podem influenciar a eficácia do Gino-Canesten.

Em segundo lugar, é provável que os movimentos agravem ou piorem a irritação e os sintomas incômodos que esta condição traz consigo, fazendo com que não se aproveite o sexo de forma normal e, além disso, atrase o processo de cura.

Além disso, saiba que, durante o tratamento, não é recomendável manter relações sexuais utilizando métodos anticoncepcionais como a camisinha ou o diafragma, já que existe a possibilidade de danificá-los, afetando diretamente o controle de natalidade.

Apesar da candidíase vaginal não ser considerada uma doença sexualmente transmissível, é comum que, ao ter relações sexuais, sua parceira fique com erupções cutâneas, vermelhidão e queimação, sintomas típicos do que se conhece como balanite candidiasica. Neste caso, o homem também deverá fazer o tratamento com o Gino-Canesten. Saiba mais sobre a candidíase no homem nesse artigo.

A candidíase vaginal é uma infecção vaginal não complicada, mas sempre será necessário fazer o tratamento com Gino-Canesten, um medicamento altamente eficaz ante infecções deste tipo.

Depois de usar Gino-Canesten, em quanto tempo posso ter relação?

Toda mulher sabe que não há nada mais incômodo que ter relações sexuais tendo uma infecção vaginal e, para que esta desapareça, será necessário ver sua gravidade e há quanto tempo começou a ser tratada. Os sintomas podem desaparecer inclusive em 48 horas e apenas as candidíases crônicas podem precisar de tratamento durante mais tempo.

Quanto as relações sexuais depois da candidíase vaginal, o mais recomendável é esperar ao menos 48-72 horas, uma vez que se tenha finalizado o tratamento com Gino-Canesten, para retomá-las, levando em conta as especificações dadas anteriormente pelo especialista.

A duração do tratamento depende da infecção, por isso que sempre será necessária uma avaliação especializada. Não hesite em consultar imediatamente seu ginecologista se os sintomas não melhorarem depois de 3 dias de tratamento ou se os sintomas durarem até 7 dias depois de ter finalizado o tratamento com Gino-Canesten.

Dose de Gino-Canesten

A dose vai depender da apresentação que você adquirir o Gino-Canesten:

  • Gino-Canesten de 100 mg/gr (creme de 5 g): a dose normal desta apresentação é uma dose única, somente uma vez ao dia, no período da noite.
  • Gino-Canesten de 20 mg (crema de 20 g): a dose normal desta apresentação são três aplicações durante 3 dias consecutivos, uma vez ao dia, no período da noite.

Ambas as apresentações estão disponíveis em creme com o aplicador descartável. Este deve ser introduzido na vagina o mais fundo possível. Para isso, a paciente deve estar deitada de costas e com as pernas semidobradas.

O tratamento pode se prolongar inclusive para 7 a 14 dias, dependendo dos sintomas da paciente.

Precauções ao usar o Gino-Canesten

Apesar de ser um medicamento de venda livre nas farmácias, é preciso tomar certas precauções, como:

  • No caso de hipersensibilidade ao composto clotrimazol, seu uso não é indicado.
  • Para que o tratamento seja eficaz, é importante utilizar o Gino-Canesten até terminar as doses indicadas.
  • Caso esqueça uma dose, não aplique a dose em dobro, espere a próxima e aplique-a normalmente.
  • É recomendado iniciar o tratamento após a menstruação e este deve ser finalizado antes do começo da mesma.
  • Durante o tratamento evite o uso de absorventes internos, espermicidas e duchas vaginais.
  • Se os sintomas piorarem, consulte seu médico imediatamente.
  • Proteja a roupa íntima com o uso de protetores diariamente, já que existe a possibilidade de que, no decorrer do dia, vá expulsado restos do creme e manche sua roupa íntima.

Muitos dos efeitos colaterais do Gino-Canesten têm a ver com os sintomas dermatológicos: vermelhidão, inflamação, irritação queimação, coceira, erupção e descamação cutânea.

O tratamento com Gino-Canesten é bastante seguro e inócuo ao ser utilizado tanto na gravidez quanto na lactância, em ambos os casos sempre será recomendável uma prévia avaliação do ginecologista.

Este artigo é meramente informativo, no ONsalus.com.br não temos capacidade para receitar tratamentos médicos nem realizar nenhum tipo de diagnóstico. Convidamos você a recorrer a um médico no caso de apresentar qualquer tipo de condição ou mal-estar.

Se pretende ler mais artigos parecidos a Depois de usar Gino-Canesten, em quanto tempo posso ter relação?, recomendamos que entre na nossa categoria de Sexualidade.

Vídeos relacionados com Depois de usar Gino-Canesten, em quanto tempo posso ter relação?

1 de 3
Vídeos relacionados com Depois de usar Gino-Canesten, em quanto tempo posso ter relação?

Escrever comentário sobre Depois de usar Gino-Canesten, em quanto tempo posso ter relação?

O que lhe pareceu o artigo?
1 comentário
A sua avaliação:
Fernando
Gostei das informações que o site disponibiliza

Depois de usar Gino-Canesten, em quanto tempo posso ter relação?
1 de 2
Depois de usar Gino-Canesten, em quanto tempo posso ter relação?

Voltar ao topo da página