menu
Partilhar

Efeitos colaterais do DIU Mirena: riscos e duração

 
Por Redação ONSalus. 1 dezembro 2020
Efeitos colaterais do DIU Mirena: riscos e duração

Para planejar a gravidez e evitá-las quando não se está preparada, é importante conhecer as diferentes opções que existem. Entre os métodos mais comuns estão os de barreira, como a camisinha, e os hormonais. Estes últimos vêm em diferentes apresentações, tais como as pílulas anticoncepcionais ou o DIU hormonal.

Além disso, você deve saber que os métodos anticoncepcionais hormonais não estão isentos de efeitos colaterais, como pode ser a acne ou as dores de cabeça. Para esclarecer, neste post do OnSalus explicamos os possíveos efeitos colaterais do DIU Mirena.

O que é o DIU Mirena?

Mirena é a marca mais conhecida de um tipo de método anticoncepcional chamado dispositivo Intrauterino (DIU) de tipo hormonal. Isto quer dizer que este pequeno dispositivo, além de trabalhar de forma física e direta sobre o útero, como o DIU comum faz, é revestido com uma medicação similar aos hormônios que são secretados no organismo feminino.

Desta forma, não somente impede a chegada dos espermatozoides, mas também muda as condições no corpo feminino para torná-lo menos fértil.

Como age

Entre os principais efeitos esperados ao implantar um DIU hormonal no útero estão:

  • Afinamento das paredes uterinas;
  • Engrossamento do muco cervical e uterino. Isto faz com que seja mais difícil para os espermatozoides subirem até a trompa de Falópio para chegarem ao óvulo;
  • Anovulação. Os hormônios deste tipo de DIU também agem sobre o ciclo menstrual feminino. Ao trocar a quantidade de hormônios circulantes, a ovulação, que ocorre cerca de 14 dias após o ciclo, é evitada.

Como é colocado

Tanto um DIU hormonal quanto um DIU comum são aplicados em um consultório de ginecologia de forma muito fácil.

É mais fácil colocá-lo durante a menstruação ou no pós-parto, momentos nos quais o orifício de entrada até o útero (orifício cervical) está mais aberto. Dependendo da sensibilidade da mulher, pode ser necessária, ou não, uma anestesia local, mas a colocação é realmente muito rápida e fácil.

Com uma pequena pinça, é inserido o dispositivo a poucos centímetros da entrada do útero. Pode ser necessário um controle com ecografia para verificar se o dispositivo está bem colocado. No artigo a seguir explicamos Como saber se o DIU está bem colocado.

Efeitos colaterais do DIU Mirena: riscos e duração - O que é o DIU Mirena?

Efeitos colaterais do DIU Mirena

Os métodos anticoncepcionais hormonais são divididos em dois:

  • Os que são usados de forma sistêmica, ou seja, que atravessam o organismo para poder agir, como é o caso das pílulas anticoncepcionais, os adesivos ou os dispositivos intradérmicos ou "chip".
  • Os que secretam uma pequena quantidade de hormônios de forma mais localizada. Como o DIU hormonal ou os anéis vaginais.

Todos estes utilizam, em maior ou menor escala, hormônios artificiais similares aos secretados pelo corpo feminino: o estrógeno e a progesterona. Desta forma, alteram o ciclo feminino natural, trazendo consequências para todo o organismo.

O DIU Mirena pode ter alguns efeitos colaterais:

Acne

Uma quantidade maior de hormônios circulantes implica em uma sobrecarga do sistema de limpeza corporal que depende da pele, fígado e rins. Em algumas mulheres, isto se manifesta com mais gordura na pele e obstrução das glândulas sebáceas, causando a tão incômoda acne.

Para diminui-lo, é importante que você reduza aqueles produtos que deixam muitos resíduos: alimentos processados, excesso de laticínios, carnes e produtos refinados, e aumente o consumo de cereais integrais, frutas e verduras.

Sangramentos menstruais irregulares

Como o ciclo feminino já não se regula de forma natural, pode ser que apareçam sangramentos fora da menstruação. Além disso, também podem ser causados pela inflamação permanente que o dispositivo provoca no útero.

Dores uterinas

Também ocorre por causa da inflamação que o DIU provoca, pode haver mais dor antes ou durante a menstruação.

Desconforto mamário

Os hormônios que o DIU Mirena libera também chegam a outras áreas do corpo, entre elas, as mamas. Você pode notá-las mais inchadas e, inclusive, doendo.

Dores de cabeça

As dores de cabeça são um efeito colateral bastante frequente do DIU Mirena, sobretudo em mulheres que costumam ter enxaquecas.

Quando não usar o DIU Mirena?

Se você sofre ou sofreu algumas das seguintes doenças é melhor escolher um método anticoncepcional que não inclua hormônios:

  • Doença inflamatória pélvica;
  • Doença hepática;
  • Câncer de mama (você ou seus familiares);
  • Câncer do colo do útero ou do útero;
  • Sangramento vaginal de causa desconhecida;
  • Histórico pessoal ou familiar de câncer de mama;
  • Inflamação pélvica;
  • Sangramento vaginal sem motivo;
  • Doença no fígado.

Quanto tempo dura o efeito do DIU Mirena?

Os DIU podem permanecer por até 5 anos inseridos no útero. Precisam de controle periódico pelo(a) ginecologista para aumentar sua eficiência.

Estes podem ser retirados a qualquer momento. O procedimento é muito simples e deve ser feito no consultório.

Este artigo é meramente informativo, no ONsalus.com.br não temos capacidade para receitar tratamentos médicos nem realizar nenhum tipo de diagnóstico. Convidamos você a recorrer a um médico no caso de apresentar qualquer tipo de condição ou mal-estar.

Se pretende ler mais artigos parecidos a Efeitos colaterais do DIU Mirena: riscos e duração, recomendamos que entre na nossa categoria de Sistema reprodutor feminino.

Bibliografia
  • Choice of contraceptives. Med Lett Drugs Ther. 2018 Oct 8;60(1557):161-168. PMID: 30335731.
  • Grandi G, Farulla A, Sileo FG, Facchinetti F. Levonorgestrel-releasing intra-uterine systems as female contraceptives. Expert Opin Pharmacother. 2018 May;19(7):677-686. doi: 10.1080/14656566.2018.1462337. Epub 2018 Apr 11. PMID: 29637798.
  • Evans SF, Brooks TA, Esterman AJ, Hull ML, Rolan PE. The comorbidities of dysmenorrhea: a clinical survey comparing symptom profile in women with and without endometriosis. J Pain Res. 2018 Dec 13;11:3181-3194. doi: 10.2147/JPR.S179409. PMID: 30588070; PMCID: PMC6300370.

Escrever comentário

O que lhe pareceu o artigo?

Efeitos colaterais do DIU Mirena: riscos e duração
1 de 2
Efeitos colaterais do DIU Mirena: riscos e duração

Voltar ao topo da página