Manchas na pele

Manchas circulares na pele: por que elas ocorrem e como tratá-las

 
Dra. Ivonne Nieves Blanco
Por Dra. Ivonne Nieves Blanco, Médica Cirurgiã. 6 maio 2024
Manchas circulares na pele: por que elas ocorrem e como tratá-las

A pele, por ser o maior órgão do corpo, está exposta a vários fatores que podem causar lesões, inclusive manchas circulares. Esses fatores variam desde o clima até infecções virais, bacterianas e fúngicas.

Dependendo da causa subjacente dessas manchas na pele, seu médico determinará o tratamento mais adequado. Convidamos você a continuar lendo este artigo do ONsalus, no qual nos aprofundaremos nos motivos pelos quais as manchas circulares na pele podem aparecer e como elas podem ser tratadas.

Também lhe pode interessar: Manchas nos seios: causas e tratamentos
Índice
  1. Micose
  2. Doença de Lyme
  3. Eczema numular
  4. Pitiríase rósea
  5. Granuloma anular
  6. Psoríase
  7. Lúpus discoide
  8. Dermatite de contato
  9. Urticária

Micose

A micose é uma infecção fúngica contagiosa que se manifesta como uma lesão redonda na pele e também pode afetar outras partes do corpo, como as unhas e o couro cabeludo. O tipo de micose varia segundo a localização da lesão; por exemplo, é chamada de tinea corporis quando aparece nas mãos, nos pés, na virilha, no rosto, no couro cabeludo, na barba e nas unhas. Por outro lado, quando a infecção está localizada na virilha, ela é conhecida como tinea cruris.

Essa condição é causada pela infecção por fungos chamados dermatófitos e pode ser transmitida pelo contato direto com pessoas que têm lesões infecciosas, por superfícies contaminadas ou pelo contato com animais infectados.

Tratamento

Para tratar a micose, é essencial manter a área afetada limpa e seca. O tratamento inclui a aplicação de antifúngicos, que ajudam a eliminar as lesões fúngicas. Esses medicamentos podem ser administrados topicamente, na forma de cremes, ou por via oral. Os cremes antifúngicos são geralmente aplicados duas vezes ao dia por um período de 10 dias. É importante seguir as recomendações do médico para manter a área afetada higiênica e seca.

Doença de Lyme

A doença de Lyme é uma infecção bacteriana transmitida pela picada de carrapatos infectados. Os sintomas associados à doença de Lyme podem variar dependendo do estágio da infecção. Se não for tratada adequadamente, a doença de Lyme pode levar a complicações graves que afetam o coração, o sistema nervoso e as articulações.

Os sintomas característicos da doença de Lyme incluem

  • Dor de cabeça
  • Calafrios
  • Febre
  • Dor nas articulações
  • Inchaço dos gânglios linfáticos
  • Erupção cutânea ou manchas circulares na pele.

Tratamento

O tratamento deve ser prescrito por um médico e geralmente consiste em antibióticos durante os estágios iniciais da doença. O início precoce do tratamento garante uma recuperação mais eficaz e reduz o risco de complicações de longo prazo.

Eczema numular

O eczema numular se distingue pela presença de manchas secas, circulares ou redondas na pele, associadas ao eczema discoide ou à dermatite numular. Esse tipo de eczema geralmente começa com pequenos inchaços vermelhos que, quando fundidos, formam manchas vermelhas ou rosadas com aparência de moeda.

Essas lesões afetam geralmente as pernas, os braços e o tronco. Embora as causas específicas dessa condição sejam desconhecidas, vários fatores de risco foram identificados, incluindo alergias, uso de sabonetes irritantes, má circulação nas pernas, certos medicamentos e ambientes secos.

Tratamento

O tratamento do eczema numular se concentra na restauração da barreira cutânea e na redução da irritação da pele. O médico pode recomendar o uso de hidratantes emolientes espessos para manter a pele hidratada. Além disso, ele pode prescrever

  • Esteroides tópicos, para reduzir a inflamação e a vermelhidão.
  • Anti-histamínicos, para aliviar a coceira.
  • Esteroides sistêmicos, para casos mais graves.
  • Terapia com luz (fototerapia) como um tratamento adicional.

É essencial seguir as instruções do seu médico e manter uma rotina de cuidados com a pele para controlar os sintomas e evitar surtos.

Pitiríase rósea

A pitiríase rósea é caracterizada por uma mancha inicial vermelha, oval ou redonda, chamada de placa heráldica, que geralmente aparece no tronco. Essa condição pode ser precedida por sintomas semelhantes aos do resfriado, incluindo febre e mal-estar, antes do aparecimento de manchas circulares na pele.

Tratamento

As manifestações da pitiríase rósea desaparecem geralmente sem tratamento dentro de 6 a 10 semanas após o início. Uma vez diagnosticada, o médico pode prescrever anti-histamínicos para aliviar a coceira ou esteroides em casos de inflamação significativa.

Manchas circulares na pele: por que elas ocorrem e como tratá-las - Pitiríase rósea

Granuloma anular

Distúrbio inflamatório da pele que pode afetar pessoas de qualquer idade, caracterizado por uma lesão circular composta por saliências elevadas com um centro deprimido. A causa dessa lesão é desconhecida, mas é frequentemente observada em pacientes com diabetes ou doenças da tireoide.

Alguns fatores que podem precipitar seu aparecimento incluem ferimentos causados por picadas de insetos, infecções, uso de certos medicamentos e exposição prolongada ao sol.

Tratamento

O tratamento recomendado pode incluir esteroides tópicos ou inibidores de calcineurina, bem como esteroides orais e antimaláricos. Além disso, o médico pode recomendar injeções de esteroides.

Procedimentos como crioterapia (congelamento) e tratamento a laser são opções adicionais que podem ajudar a melhorar as lesões.

Psoríase

A psoríase é uma doença inflamatória crônica da pele caracterizada pela renovação acelerada das células. Ela se manifesta por lesões em placas, que aparecem como manchas vermelhas, ovais ou redondas cobertas por escamas brancas. Essas lesões podem causar coceira e estão localizadas em várias áreas do corpo, incluindo cotovelos, joelhos, couro cabeludo e tronco. Os sintomas variam conforme o tipo de psoríase.

Tratamento

O tratamento da psoríase inclui o uso de produtos tópicos contendo alcatrão de hulha ou ácido salicílico para melhorar os sintomas.

Após o diagnóstico e a avaliação da extensão das lesões, o médico pode prescrever esteroides tópicos, imunossupressores, vitamina D e derivados de vitamina A, bem como fototerapia, dependendo das necessidades específicas do paciente.

Manchas circulares na pele: por que elas ocorrem e como tratá-las - Psoríase

Lúpus discoide

O lúpus discoide é uma forma de lúpus eritematoso que se manifesta como uma doença autoimune, causando lesões cutâneas circulares, elevadas e escamosas, que podem causar coceira. Essas lesões em formato circular geralmente aparecem em áreas expostas, como face, orelhas e couro cabeludo, e podem levar dias ou semanas para cicatrizar.

Tratamento

Após a confirmação do diagnóstico, o médico pode prescrever cremes, injeções ou medicamentos orais para aliviar a inflamação e melhorar os sintomas da doença.

Dermatite de contato

A dermatite de contato ocorre quando a pele entra em contato com um irritante ou alérgeno, desencadeando uma reação inflamatória. Substâncias comuns, como sabonetes, perfumes e algumas plantas, podem provocar essa resposta, resultando no aparecimento de manchas ou pontos circulares na pele.

Tratamento

As lesões causadas pela dermatite de contato geralmente desaparecem em uma semana. Em geral, os sintomas podem ser aliviados com o uso de cremes tópicos destinados a aliviar a inflamação e a coceira. É importante seguir as orientações médicas para evitar as substâncias que desencadeiam a reação, minimizando assim a possibilidade de futuros surtos.

Urticária

Os vergões circulares com coceira na pele ocorrem quando a pele reage a um alérgeno ou a outro estímulo, como baixas temperaturas ou uma infecção no corpo.

Essas lesões podem variar em cor, sendo vermelhas, da mesma cor da pele ou marrom-claro, e geralmente duram menos de seis semanas. Se a duração for superior a esse período, as lesões podem ser consideradas crônicas.

A reação se deve à liberação de histamina pelas células do sistema imunológico, desencadeada pela exposição a determinados fatores, como medicamentos, pelos de animais, poeira, mofo, infecções e alimentos específicos, como nozes, ovos ou mariscos.

Tratamento

Para tratar a urticária, é essencial evitar o fator que desencadeia a reação. O especialista pode recomendar o uso de anti-histamínicos para aliviar os sintomas associados às lesões circulares.

Manchas circulares na pele: por que elas ocorrem e como tratá-las - Urticária

Este artigo é meramente informativo, no ONsalus.com.br não temos capacidade para receitar tratamentos médicos nem realizar nenhum tipo de diagnóstico. Convidamos você a recorrer a um médico no caso de apresentar qualquer tipo de condição ou mal-estar.

Se pretende ler mais artigos parecidos a Manchas circulares na pele: por que elas ocorrem e como tratá-las, recomendamos que entre na nossa categoria de Pele, cabelo e unhas.

Bibliografia
  • Ferrándiz, C., Carrascosa, J. M., & Toro, M. (2014). Prevalencia de la psoriasis en España en la era de los agentes biológicos. Actas dermo-sifiliográficas, 105(5), 504-509.
  • Fonseca, E. (1997). Dermatitis por contacto. Protocolos de Dermatología de la Asociación Española de Pediatría [en línea][consultado el 24/10/2016]. Disponible en www. aeped. es/sites/default/files/documentos/der matitis_contacto. pdf.
  • Gómez-Puerta, J. A., & Cervera, R. (2008). Lupus eritematoso sistémico. Medicina & laboratorio, 14(05-06), 211-223.
  • Larenas Linnemann, D., Medina Ávalos, M. A., Ortega Martell, J. A., Beirana Palencia, A. M., Rojo Gutiérrez, M. I., Morales Sánchez, M. A., ... & Rosas Sumano, A. B. (2014). Guía mexicana para el diagnóstico y el tratamiento de la urticaria. Revista Alergia México, 61(Sup. 2), 117-193.
Escrever comentário
O que lhe pareceu o artigo?
1 de 4
Manchas circulares na pele: por que elas ocorrem e como tratá-las