Partilhar

Bico do peito ardendo: causas e tratamento

Por Dra. Ivonne Nieves Blanco, Médica Cirurgiã. 18 junho 2019
Bico do peito ardendo: causas e tratamento

Sentir o bico do peito ardendo é um sintoma que pode se apresentar em mulheres de qualquer idade e que, na maioria das vezes, se dá por causas naturais. No entanto, como qualquer sintomatologia envolvendo os seios, essa ardência deve sempre ser discutida com o ginecologista ou outro especialista durante consultas e exames médicos de rotina. As mamas são uma área sensível e delicada do corpo da mulher, especialmente em relação a mudanças hormonais em certos períodos, à textura de roupas íntimas e até a mudanças de temperatura. Por isso, ter um bico do peito ardendo pode ou não indicar o início de uma doença.

Contar com uma ardência nos mamilos, ou também com uma coceira ou dor no bico da mama, pode gerar dúvidas, incerteza e medo por parte da mulher e, assim, confira nesse artigo do ONsalus tudo sobre bico do peito ardendo: causas e tratamento. Mesmo depois de ler nossa matéria, aconselhamos consultar um especialista se algum desses sintomas surgir, principalmente se ele for novo, incomum ou estiver acompanhado de outros mais graves.

Bico do peito ardendo: causas

Ter um bico do peito ardendo pode ser um dos sintomas associados a inúmeras mudanças hormonais pelas quais o corpo feminino passa durante algumas etapas da vida ou momentos específicos. Essas são algumas das principais causas pelas quais você pode experienciar uma coceira, dor nos seios ou ardência no bico da mama por motivos hormonais:

Bico do peito ardendo por puberdade

A puberdade é um período no qual o corpo está sujeito a mudanças físicas e hormonais e os seios são muito afetados por elas. Além de se desenvolverem em questão de tamanho, durante a puberdade, as mamas também ganham uma maior sensibilidade, que pode se manifestar através de sensações de ardência ou de dor no bico da mama. Esses sintomas também podem se desenvolver em todo peito, resultando nos seios doloridos de que muitas pré-adolescentes reclamam nessa fase da vida.

Bico do peito ardendo por TPM

Outra causa muito comum de se ter um bico do peito ardendo ou dolorido se dá durante a idade fértil das mulheres. A TPM, como também é chamada a síndrome pré-menstrual ou tensão pré-menstrual, se caracteriza por picos de hormônios, especificamente estrógenos, durante a ovulação ou alguns dias antes da menstruação. Essa síndrome pode contar com alguns sintomas, sendo o principais:

  • Mudanças no estado anímico das mulheres;
  • Aumento do volume dos seios acompanhado por dor e ardência;
  • Dor de cabeça;
  • Dor ou desconforto na região lombar e na parte baixa do abdômen;
  • Mudanças de humor.

Se você quiser saber mais sobre TPM leia nosso artigo sobre Síndrome de tensão pré-menstrual: tratamento, causas e duração.

Bico do peito ardendo por gravidez

Ter o bico do peito ardendo ou mamilos inchados e doloridos para muitos podem ser sintomas de gravidez antes do atraso da menstruação ser percebido. E essas pessoas estão corretas já que, durante a gravidez, muitas mudanças hormonais acontecem, o que resulta em modificações físicas no corpo da mulher. Por isso, pode ser entendido como sintoma de gravidez:

  • Seios inchados;
  • Maior sensibilidade no bico da mama e nos seios de maneira em geral;
  • Dor nas mamas e no bico do peito;
  • Ardência no bico da mama;
  • Coceira no mamilo.

Bico do peito ardendo por amamentação

Uma vez que a mãe traz ao mundo seu bebê, se inicia o período de lactância materna, durante o qual é normal sentir ardência nos mamilos. Isso se dá devido aos hormônios presentes no corpo da mulher nessa etapa e pela sucção constante que a criança realiza quando é amamentada. Além do bico do peito ardendo, as mães podem ter rachaduras nos bicos das mamas, que podem causar dor e até sangramento.

Durante a amamentação, muitas mulheres também podem sofrer de mastite, um processo inflamatório que se dá no tecido mamário e que se caracteriza por causar ardência e dor nos seios. Essa condição acontece pela obstrução dos ductos lactíferos, que são os ductos através dos quais o leite passa, ou pela contaminação dos mesmos por alguma bactéria através de alguma pequena ferida na mama, o que é menos frequente.

Esse processo inflamatório ocorre muito durante a amamentação materna e costuma acontecer em uma das mamas. A mastite também pode surgir em mulheres que não estão lactando, mesmo que isso seja mais incomum. Além da ardência, a dor pode vir acompanhada de febre, calafrios e aumento e vermelhidão da mama afetada.

Bico do peito ardendo por anticoncepcional

As pílulas anticoncepcionais contêm hormônios que atuam no organismo elevando os níveis dos mesmos. Por isso, elas podem produzir ardência e dor no seio.

Se você se quer saber mais sobre a dor no bico da mama, leia também a matéria do ONsalus Dor no bico da mama, o que pode ser?

Ardência no bico da mama: outras causas

Mesmo que ter um bico do peito ardendo seja, na maioria das vezes, causado por mudanças nos hormônios, em alguns casos, dor e ardência no bico da mama pode ser um sintoma de uma inflamação ou doença que deve ser examinada com cuidado. Por isso, um bico do peito ardendo pode fazer parte da sintomatologia de:

  • Eczemas: são lesões que podem acontecer em qualquer idade, não têm causas específicas e que, nos seios, se encontram na pele no mamilo ou da mama. Outros sintomas que os acompanham são pele seca e vermelhidão na área. Essas lesões podem até se transformar em bolhas que geram dor, ardência e desconforto na mama, o que pode piorar ainda mais quando são usados soutiens ou blusas muito justas.
  • Alergias: mamilos que possuam muita sensibilidade podem começar a arder ou doer de maneira imediata com mudanças mais bruscas de temperatura, com o roçar da roupa nos seios ou com o sabonetes ou cremes hidratantes que são usados. Qualquer reação alérgica que gere algum desses elementos mencionados pode provocar também o aparecimento de uma vermelhidão, o aumento do tamanho, da dor e da ardência nos mamilos e dos bicos dos seios.
  • Doença de Paget: os principais sintomas desse tipo de câncer raro são: dor, coceira, pele seca, ardência e presença de líquido. Nesses casos, é muito importante procurar um dermatologista para que ele realize um diagnóstico preciso e te recomende o melhor tratamento. Para saber mais da doença e de outras que podem estar relacionadas,leia o artigo Líquido saindo da mama quando aperta: causas.
  • Neuropatia periférica: essa doença é uma das que pode causar ardência no bico da mama. Ela é uma condição que afeta os nervos periféricos, que encaminham informações da medula espinhal e do cérebro para o resto do corpo, e que pode causar danos permanentes neles, inclusive nos da região dos seios. Essa patologia pode ser causada por uma diabetes mal cuidada, por doenças autoimunes, por infecções e até por exposição a venenos ou a medicamentos, como os usados durante a quimioterapia.

Também pode te interessar: Pontadas no seio: o que pode ser

Bico do peito ardendo: tratamento

Ao sentir o bico do peito ardendo, é recomendado consultar um médico, que será responsável por oferecer um diagnóstico completo de acordo com outros sintomas que estiverem presentes em cada caso. Conforme a causa da ardência no mamilo, o tratamento será diferente. Por isso, confira os principais tratamentos para bico do peito ardendo.

  • O tratamento indicado para a ardência de origem pré-menstrual pode incluir analgésicos e anti-inflamatórios, além de compressas de água morna para aliviar a dor que se possa se apresentar.
  • Se a causa é o uso de pílulas anticoncepcionais, o ginecologista se encarregará de recomendar o comprimido que mais fizer sentido de acordo com exames prévios que quantifiquem os níveis hormonais da paciente naquele momento.
  • Já durante a gravidez ou a amamentação, o tratamento é sintomático, ou seja, com o uso de compressas de água fria e creme hidratante para evitar que o mamilo fique ressecado e rache ou fique dolorido.
  • Com a mastite, o tratamento a ser seguido dependerá do diagnóstico. Deve-se primeiramente descartar a presença de doenças tumorais nas quais a vida da paciente possa estar em perigo. Depois disso, se a mastite for de origem infecciosa, o tratamento será à base de antibióticos e acompanhado por analgésicos e anti-inflamatórios. Se trata-se de um tumor, deverá ser realizada uma consulta com um oncologista, que receitará o tratamento necessário de acordo com a lesão apresentada.
  • Nos casos de eczemas e alergias, o ideal é que o dermatologista se encarregue se indicar o procedimento de acordo com a sintomatologia e as lesões presentes. Geralmente, são receitados cremes e unguentos à base de esteroides ou anti-histamínicos para aliviar a ardência e a dor.
  • E se trata-se de uma neuropatia periférica, o profissional deve ser especializado em clínica médica. Ele solicitará a realização de exames pertinentes para corroborar a causa da doença e, assim, conseguir aliviar os sintomas.

Ter um bico do peito ardendo pode ser causado por diversos fatores, como te mostramos ao longo desse artigo, que devem ser examinados ou ao menos discutidos com um especialista para que o diagnóstico seja o mais correto possível e doenças mais graves sejam ou descartadas ou descobertas nas suas fases iniciais. Desse jeito é possível se ter o melhor tratamento. Assim, procure sempre um médico de confiança; ele te indicará o que você deverá fazer.

Este artigo é meramente informativo, no ONsalus.com.br não temos capacidade para receitar tratamentos médicos nem realizar nenhum tipo de diagnóstico. Convidamos você a recorrer a um médico no caso de apresentar qualquer tipo de condição ou mal-estar.

Se pretende ler mais artigos parecidos a Bico do peito ardendo: causas e tratamento, recomendamos que entre na nossa categoria de Sistema reprodutor feminino.

Bibliografia
  • Hamel, P.J. Health Central. A Burning Sensation in the Nipple: Could It Be Breast Cancer?Disponível em: <https://www.healthcentral.com/article/a-burning-sensation-in-the-nipple-could-it-be-breast-cancer>. Acessado em: 17 de junho de 2019.
  • Johnson, Jon. Medical News Today. Eight causes of nipple pain.Disponívem em: <https://www.medicalnewstoday.com/articles/320436.php>. Acessado em> 17 de junho de 2019.
  • Wilson, Debra, R. Health Line. Why Is My Nipple Burning? Disponível em: <https://www.healthline.com/health/burning-nipple>. Acessado em: 17 de junho de 2019.

Escrever comentário sobre Bico do peito ardendo: causas e tratamento

O que lhe pareceu o artigo?
1 comentário
A sua avaliação:
Aparecida
sinto muita ardencia no bico da mama

Bico do peito ardendo: causas e tratamento
Bico do peito ardendo: causas e tratamento

Voltar ao topo da página