Doenças do pênis

Causas de uma mudança na cor do pênis

 
Dra. Ivonne Nieves Blanco
Por Dra. Ivonne Nieves Blanco, Médica Cirurgiã. 12 fevereiro 2022
Causas de uma mudança na cor do pênis

Uma condição na pele que recobre o pênis é algo que pode deixar o homem preocupado, sobretudo, quando ocorrem mudanças na sua coloração, mudando para um tom rosa, azul ou roxo. Em alguns casos, a ereção também pode fazer com que haja uma mudança em sua aparência.

Quando este tipo de alteração surge, é importante consultar um médico para que ele possa fazer um diagnóstico rápido e seguro, através do qual consiga saber o que está acontecendo e começar um tratamento imediatamente de acordo com os sintomas presentes.

Neste artigo do ONsalus, explicamos quais são as causas de uma mudança de cor no pênis.

Índice
  1. Contusões ou lesões
  2. Melanose peniana
  3. Dermatite por contato
  4. Líquen escleroso
  5. Púrpura
  6. Vitiligo
  7. Sífilis
  8. Câncer peniano

Contusões ou lesões

Um dos possíveis motivos para a mudança na cor do pênis pode ser um traumatismo, que provoca a ruptura de pequenos vasos sanguíneos, logo abaixo da pele, gerando o aparecimento de um hematoma, que pode ser causado por:

  • Acidente com o zíper.
  • Relações sexuais bruscas.
  • Masturbação.
  • Aperto ou pancada.

Tratamento

O tratamento dependerá do tipo de lesão. Caso se trate de um hematoma leve, a cor do pênis ficará mais escura conforme cura até seu desaparecimento e, na maioria dos casos, não precisa de avaliação médica. Os hematomas mais graves devem ser avaliados por um médico, assim como contusões leves que não se curam sozinhas.

Melanose peniana

Felizmente, esta é uma lesão cutânea inofensiva pouco frequente que se caracteriza pelo aparecimento de pequenas manchas de pele escura, geralmente causando mudança na cor da glande. Isto ocorre quando a melanina se forma em depósitos concentrados na superfície da pele.

A melanose do pênis não é uma doença sexualmente transmissível e não é contagiosa. Ainda não está claro porquê alguns homens desenvolvem esta condição, contudo, existem evidências de que os medicamentos psoralenos (para tratar a psoríase) e a luz ultravioleta podem aumentar o risco de ter melanose peniana.

Tratamento

Se você verificar essa mudança na cor da glande e o motivo for pela melanose, neste caso, o tratamento não é necessário. Somente em alguns casos será necessária a remoção cirúrgica das manchas.

Dermatite por contato

Esta alteração tão comum se trata de uma reação da pele ao contato com um agente irritante como sabonetes ou detergentes. Quando esta reação ocorre no pênis, pode ser o resultado do uso de camisinhas de látex.

Isto pode acontecer quando não se sabe que é alérgico ao material em questão, o que faz com que haja esta alteração na cor do pênis, em que a pele ficará vermelha e coce ao usá-la. Se a reação for grave, pode provocar a ruptura da pele e, inclusive, a liberação de pus.

Tratamento

Quando a mudança na cor do pênis se trata de uma lesão leve, basta aplicar corticosteroides em creme. Nos casos onde há uma ruptura da pele, você deve consultar seu médico para evitar ter uma infecção.

Líquen escleroso

O líquen escleroso é facilmente reconhecido pelo aparecimento de manchas brancas no pênis. É uma lesão comum em homens que não foram circuncidados. As lesões aumentam de tamanho conforme a doença progride e a pele do pênis pode apresentar coceira até o ponto de se tornar mais frágil. Além disso, podem ser notadas ereções dolorosas, assim como diminuição do fluxo de urina.

Tratamento

Geralmente é indicada uma pomada a base de esteroides, a qual é aplicada diretamente na pele afetada do pênis. No caso de apenas o prepúcio estar afetado, é possível recomendar uma circuncisão.

É importante saber que se trata de uma condição para toda a vida, sendo que é possível passar por períodos de diminuição e períodos de crises.

Púrpura

A púrpura se manifesta como uma mancha de cor púrpura ou vermelha debaixo da pele. Nesse momento, pode surgir o que se conhece como mancha de sangue debaixo da pele do pênis. Frequentemente, o surgimento desta alteração é o indício de uma condição como:

  • Problemas de coagulação.
  • Carências nutricionais.
  • Inflamação.

Tratamento

Para realizar o tratamento para este caso em que a cor do pênis também é alterada é preciso consultar um hematologista, médico especialista no sangue. Após a avaliação, ele se encarregará por indicar o tratamento a ser seguido a base de:

  • Corticoides como a prednisona.
  • Esplenectomia: que consiste na remoção cirúrgica do baço. É um procedimento indicado para controlar esta doença.
  • Medicamentos imunossupressores: estes medicamentos serão indicados nos casos onde as duas opções anteriores não funcionaram.
  • Gamaglobulinas IV: este medicamento é usado em casos de hemorragias graves.

Vitiligo

É uma condição que se manifesta quando as células da pele param de produzir melanina, que é o pigmento encarregado por gerar a cor da pele. As lesões podem aparecer em diferentes lugares, como nos cotovelos, joelhos e até mesmo no pênis.

Esta alteração se manifesta como uma mancha esbranquiçada, neste caso no pênis, que não afeta a textura da pele. Caracteriza-se por não causar dor nem ser contagiosa.

Tratamento

No tratamento desta doença são utilizados esteroides e medicamentos que são utilizados para o sistema imunológico, o qual pode ajudar a restaurar a cor do pênis ou em outra parte do corpo afetada.

Sífilis

A sífilis é amplamente conhecida como uma doença sexualmente transmissível. Seu aparecimento se torna evidente com a presença de uma úlcera branca ou vermelha no pênis que, a princípio, não dói. Caso não seja tratada, pode aparecer uma erupção cutânea com coceira, a qual pode se estender para todo o corpo. Outros dos sintomas que podem ser vistos são:

  • Dor de cabeça.
  • Fadiga.
  • Febre.

Tratamento

Por se tratar de uma doença infecciosa, o tratamento indicado é a base de antibióticos como a penicilina, mas você pode ser reinfectado se não utilizar proteção ao ter relações sexuais com uma pessoa portadora da doença. Uma vez aplicado o tratamento, as lesões desaparecerão.

Câncer peniano

O câncer peniano é pouco comum, mas é importante conhecer os sintomas para agir de forma rápida quando aparecer. Um dos primeiros sintomas que aparecem é a mudança da cor do pênis: pode ficar avermelhado ou com manchas chatas de cor marrom, a qual provoca engrossamento da pele e dor.

Tratamento

O tratamento dependerá do tipo de condição que tiver. A radioterapia, além da cirurgia para eliminar as lesões cancerígenas da pele, são as primeiras opções a serem levadas em conta no início deste tratamento.

Agora que você já sabe as causas e tratamentos para mudanças na cor do pênis, não perca este outro artigo em que falamos sobre as causas de bolinhas no pênis.

Este artigo é meramente informativo, no ONsalus.com.br não temos capacidade para receitar tratamentos médicos nem realizar nenhum tipo de diagnóstico. Convidamos você a recorrer a um médico no caso de apresentar qualquer tipo de condição ou mal-estar.

Se pretende ler mais artigos parecidos a Causas de uma mudança na cor do pênis, recomendamos que entre na nossa categoria de Sistema reprodutor masculino.

Bibliografia
  • Capua Sacoto, C. D., Lujan Marco, S., Morales Solchaga, G., Budía Alba, A., Pontones Moreno, J. L., & Jiménez Cruz, J. F. (2009). Cáncer de pene: Nuestra experiencia en 15 años. Actas urologicas españolas, 33(2), 143-148.
  • Chaine, B., & Janier, M. (2014). Dermatosis genitales masculinas. EMC-Dermatología, 48(1), 1-17.
  • Peyrí Rey, E., & Arango Toro, O. (2003). Liquen escleroso y atrófico del pene: lesión preneoplásica. Actas Urológicas Españolas, 27(2), 73-74.
Escrever comentário
O que lhe pareceu o artigo?
Causas de uma mudança na cor do pênis