Saúde da pele

Coceira na virilha: causas, tratamento e remédios

 
Dra. Gennesis Gonzalez
Por Dra. Gennesis Gonzalez, Médica Cirurgiã. 9 maio 2022
Coceira na virilha: causas, tratamento e remédios

A coceira na virilha pode ser causada por micose ou infecções por fungos, mas também pode ser consequência do esfregar das coxas ao caminhar, o uso de produtos irritantes, a depilação da área, entre outras causas que veremos a seguir.

Embora haja causas que são fáceis de tratar, é importante prestar atenção a todos os sintomas que surgirem para identificar a causa exata e iniciar um tratamento de forma precoce se for necessário, uma vez que outra das condições que podem causar comichão nesta área são as verrugas genitais.

Por mais desesperador que seja a situação, evite coçar a área, já que pode causar complicações à pele. Continue lendo este artigo do ONsalus para saber quais são as causas da coceira na virilha, assim como quais tratamentos e remédios podem te ajudar a aliviá-la.

Também lhe pode interessar: Caroço na virilha: causas
Índice
  1. Irritação e coceira na virilha: causas
  2. Tratamento para a coceira na virilha
  3. Remédios caseiros para coceira na virilha

Irritação e coceira na virilha: causas

Entre as causas da coceira na virilha mais frequentes, temos:

Raspar os pelos

Esta é a primeira causa pela qual você pode ter coceira na virilha, especialmente, se raspou a região. Este método de depilação pode irritar a pele da virilha e, somado a isto, quando o pelo começa a crescer novamente, pode causar uma obstrução dos poros, intensificando a coceira.

Roupa íntima sintética

Existem algumas roupas íntimas, sobretudo, as que são de material sintético que dificultam a livre respiração da pele, gerando a sensação incômoda de irritação e coceira na virilha, vermelhidão e, às vezes, a presença de bolhas e descamação da pele.

Micose ou fungos na virilha

Entre todas as causas da coceira na virilha, esta é uma que costuma ocorrer mais frequentemente em homens, já que estes têm mais pelos nesta região e uma maior sudoração, o que cria um ambiente ótimo para o crescimento de fungos. Nesta área é chamada de tinea cruris ou coceira de jóquei e, além da incômoda coceira, costuma haver ardência, vermelhidão, descamação da pele, manchas e bolhas.

No caso das mulheres, isto costuma ocorrer devido à candidíase. Embora esta seja uma condição da área genital, os sintomas pode se estender até a região da virilha.

Verrugas genitais

Esta é uma manifestação típica do HPV ou, como também é conhecido, Vírus do Papiloma Humano. As lesões costumam ser suaves ao toque, da cor da pele e têm aspecto de couve-flor. Causam coceira intensa além de outros sintomas.

Reações alérgicas

Pode ser causada por detergentes ou amaciantes de roupas, por determinadas peças de roupa ou, inclusive, por algum produto de cuidado da pele que seja irritante. Costuma ser chamada comumente como dermatite de contato, neste caso, há coceira intensa e eczema.

Piolhos pubianos

Por último, como causa da coceira na virilha também encontramos o que se conhece como percevejos ou piolhos pubianos, o qual pode ocorrer tanto em homens quanto em mulheres com uma má higiene íntima e que costumam compartilhar roupas íntimas e toalhas ou têm relações sexuais sem proteção.

Neste outro artigo falamos sobre as verrugas na virilha.

Coceira na virilha: causas, tratamento e remédios - Irritação e coceira na virilha: causas

Tratamento para a coceira na virilha

Você deve saber que se raspar apenas piora a situação, por isso que é importante evitar fazer isto. O tratamento para aliviar a comichão pode incluir:

  • Creme hidratante depois da raspagem: acalma a irritação, diminui a vontade de coçar a área e hidrata a pele.
  • Pomada para a comichão no caso de se tratar de uma dermatite de contato ou de alguma reação alérgica: esta pode ser a prometazina ou a dexclorfeniramina. Se não melhorar em 3 dias, não hesite em consultar um dermatologista.
  • Cremes antifúngicos do grupo dos imidazóis serão necessários caso se trate de uma micose ou fungos na virilha. Em casos avançados, o dermatologista também pode indicar o uso de antifúngicos via oral.
  • A ivermectina é o tratamento indicado para tratar os piolhos pubianos, seguido de uma série de recomendações básicas de higiene que devem ser feitas para acabar com este tipo de infecção.
  • Também pode ser útil para aliviar a coceira o creme com 1% de hidrocortisona utilizando apenas uma pequena quantidade e por um tempo inferior a 3 dias ou de acordo com o que o dermatologista indicar. Da mesma forma, pode ser útil uma loção de calamina.
  • Finalmente, os anti-histamínicos via oral podem aliviar a coceira. Entre eles, pode-se usar a loratadina, difenhidramina e clorfeniramina.

Remédios caseiros para coceira na virilha

Você pode utilizar alguns remédios naturais bastante benéficos para aliviar a coeira na virilha:

  • Água com sal: tomar banhos de água com sal é ideal se desejamos interromper o crescimento de fungos na pele e acelerar a cura deste incômodo processo.
  • O vinagre de maçã também costuma deter o crescimento de fungos. Você pode fazer uma solução com 2 xícaras de água e ½ xícara de vinagre de maçã e, depois de ter lavado a virilha adequadamente com antisséptico, aplicar a solução preparada.
  • Frio: aplicar frio local com uma toalha é uma boa ideia se quer acalmar a comichão imediatamente. Aplique-o por no máximo 5 minutos, descanse e volte a aplicar até que tenha acalmado a coceira. Não é recomendável aplicar frio diretamente sobre a pele porque pode causar queimaduras.
  • Aloe vera: extraia o gel da babosa ou aloe vera e aplique-o sobre a pele 2 vezes ao dia.
  • Azeite de oliva: é ideal se você quer umedecer a pele, favorecendo seu reparo. Você precisa apenas aplicar algumas gotas e esfregá-las sobre o local onde está com a comichão.
  • Cúrcuma: é um anti-inflamatório e antibacteriano. Adicione 2 colheres de pó de cúrcuma em 1 colher de sopa de água e aplique esta pasta durante 30 minutos sobre a pele afetada e depois enxague com água em abundância.

Se você está com coceira na virilha, não precisa se preocupar muito, preste atenção a todos os sintomas e se a coceira durar mais de 2 ou 3 dias, não hesite em consultar um dermatologista, que te indicará o tratamento ideal para a causa relacionada.

Você talvez possa se interessar por este outro artigo sobre as possíveis causas para coceira no pênis.

Este artigo é meramente informativo, no ONsalus.com.br não temos capacidade para receitar tratamentos médicos nem realizar nenhum tipo de diagnóstico. Convidamos você a recorrer a um médico no caso de apresentar qualquer tipo de condição ou mal-estar.

Se pretende ler mais artigos parecidos a Coceira na virilha: causas, tratamento e remédios, recomendamos que entre na nossa categoria de Pele, cabelo e unhas.

Escrever comentário
O que lhe pareceu o artigo?
1 de 2
Coceira na virilha: causas, tratamento e remédios