Partilhar

Espinhas no queixo: causas e tratamentos

 
Por Dra. Gennesis Gonzalez, Médica Cirurgiã. 27 abril 2020
Espinhas no queixo: causas e tratamentos

A presença das temidas espinhas em alguma parte do rosto afeta qualquer pessoa, seja homem ou mulher. A presença das espinhas em algum lugar específico do rosto está relacionado diretamente com alguma condição, que te explicaremos no decorrer deste artigo.

O que se sabe é que a pele reflete o que pode estar acontecendo no interior do nosso organismo, já que existe uma relação direta entre o motivo pelo qual aparece a espinha e o lugar específico onde aparece. A acne representa um problema estético comum e, para poder eliminá-la adequadamente, é importante conhecer a causa específica pela qual aparece nesta região tão particular (queixo).

Na maioria dos casos, a presença de espinhas no queixo está relacionada com causas hormonais, contudo, para esclarecer todas as suas dúvidas, te convidamos para que continue lendo este artigo do ONsalus: por que aparecem espinhas no queixo e como eliminá-las.

Também lhe pode interessar: Espinhas nos seios: causas e tratamento

Causas das espinhas

A presença das espinhas no rosto está relacionada com a obstrução dos poros que ali se encontram, especificamente em uma área chamada de zona T, estes poros são os que produzem a maior quantidade de óleo, logo são os mais frequentes a ficarem obstruídos, levando ao aparecimento das temidas espinhas. Além disso, há outros fatores relacionados com seu aparecimento, como:

  • Aplicar produtos sobre o cabelo e próximo ao rosto provoca o aparecimento de espinhas justamente na área da linha do cabelo.
  • Por outro lado, as espinhas que aparecem ao redor dos lábios estão relacionadas com alguma reação após o contato com alimentos ácidos, como o limão ou vinagre.
  • O contato direto com as mãos ou com o celular pode fazer com que a sujeira seja levada à pele do rosto e obstrua os poros.
  • O corpo também pode reagir, ante situações de estresse, com o aparecimento das temidas espinhas na zona T. A liberação de adrenalina neste tipo de situação aumenta a produção de óleo secretado pelos poros do rosto desencadeando, desta forma, o aparecimento das acnes.
  • Uma dieta rica em gorduras também está relacionada com o aparecimento das espinhas.
  • As modificações ambientais e o contato constante com elementos contaminantes podem obstruir os poros, tornando a pele muito mais oleosa, criando as condições ideias para que as acnes apareçam.
Espinhas no queixo: causas e tratamentos - Causas das espinhas

Espinhas no queixo: causas

Foi comprovado cientificamente que o motivo pelo qual as glândulas produzem muito mais óleo são as mudanças hormonais, estas geralmente variam, no caso das mulheres, ao longo de todo o ciclo menstrual, causando desta forma uma possível obstrução dos poros e o surgimento de espinhas ou acnes no queixo.

Apesar disto ser um incômodo ou condição comum, é importante definir a causa do aparecimento. As espinhas no queixo estão amplamente relacionadas aos processos da ovulação e todas as mudanças hormonais que são geradas durante todo o ciclo menstrual da mulher.

O queixo é considerado uma área problemática na hora de falar das espinhas ou acne hormonal. Durante a ovulação é normal aparecerem espinhas nesta área e estas desaparecem quando os níveis hormonais voltam ao normal. No caso disto não acontecer, é importante ir se consultar com um médico para avaliar outras possíveis causas da permanência destas espinhas no queixo.

Outras razões comumente relacionadas com o aparecimento de espinhas no queixo são os ovários policísticos e uma alimentação desequilibrada.

Como tratar espinhas no queixo

A presença das espinhas nesta área é uma condição incômoda, mas comum, e a melhor forma para pode eliminá-las é seguir adequadamente algumas recomendações primordiais. O importante é fazer com que estas espinhas no queixo desapareçam e conseguir que toda a pele fique muito mais suave e delicada:

  • Faça uma limpeza adequada.
  • Lembre-se que todas as espinhas relacionadas às mudanças hormonais não são fáceis de controlar, por isso você deve melhorar seu estilo de vida e seguir uma dieta equilibrada.
  • Pode-se utilizar qualquer limpador facial para pele sensível e delicada, isto permite eliminar a maior quantidade de impurezas possíveis. Recomenda-se utilizá-lo duas vezes ao dia, pela manhã e de noite, com isto conseguirá melhorar a pele.
  • Aplique um tônico facial depois de fazer a limpeza adequada, com isto conseguirá eliminar as impurezas que ficaram no procedimento anterior e causar um efeito refrescante no rosto.
  • Após isto, utilize um creme facial adequado para seu tipo de pele. Geralmente as pessoas que sofrem de acne têm a pele oleosa.
  • Tenha uma dieta adequada, além da rotina com a limpeza facial, a alimentação é fundamental para melhorar a presença das espinhas, tanto no queixo, quanto em qualquer outra parte do rosto. Recomenda-se incluir na dieta legumes, frutas e verduras, evitando as gorduras, farinhas e frituras.
  • Também se pode incluir na dieta alimentos ricos em Ômega 3, como por exemplo, peixes oleosos, sementes de linhaça ou chia. Estes contêm propriedades anti-inflamatórias e regulam as mudanças hormonais.
  • Pode-se incluir na alimentação abóbora, cenoura e pêssego. Todos são antioxidantes com alto conteúdo em vitamina A, que restaura e melhora o aspecto da pele.
  • Também consuma alimentos ricos em vitamina C, este é um imunorregulador e antioxidante fundamental para a pele.
Espinhas no queixo: causas e tratamentos - Como tratar espinhas no queixo

Recomendações para espinhas no rosto

Outras recomendações que você deve conhecer na hora de prevenir o aparecimento de espinhas no queixo são:

  • Não tente estourar ou espremer as espinhas com os dedos. Isto pode causar outras feridas e deixar cicatrizes.
  • Evite o consumo de alimentos picantes ou muito gordurosos.
  • A hidratação é fundamental para eliminar as toxinas e isto, por sua vez, leva à diminuição das espinhas no rosto.
  • Remova sua maquiagem todas as noites.
  • Não utilize maquiagens que contenham óleo.
  • Hidrate a pele antes de se maquiar.
  • Esfolie sua pele uma vez por semana para eliminar a sujeira e as células mortas.

Não se alarme se sofre com espinha no queixo, já que esse é um problema que pode ser tratado de forma satisfatória cumprindo os passos indicados. Confira ainda esse vídeo para conhecer 3 remédios caseiros para espinhas no rosto:

Este artigo é meramente informativo, no ONsalus.com.br não temos capacidade para receitar tratamentos médicos nem realizar nenhum tipo de diagnóstico. Convidamos você a recorrer a um médico no caso de apresentar qualquer tipo de condição ou mal-estar.

Se pretende ler mais artigos parecidos a Espinhas no queixo: causas e tratamentos, recomendamos que entre na nossa categoria de Pele, cabelo e unhas.

Referências

https://www.news-medical.net/health/Acne-and-Women-(Spanish).aspx

Escrever comentário

O que lhe pareceu o artigo?

Espinhas no queixo: causas e tratamentos
1 de 3
Espinhas no queixo: causas e tratamentos

Voltar ao topo da página