Partilhar

Ferida nos grandes lábios: como tratar

 
Por Gennesis Gonzalez, Médica Cirurgiã. 27 maio 2019
Ferida nos grandes lábios: como tratar

Os lábios da vulva ou lábios genitais tendem a apresentar feridas ou rachaduras após a exposição a diferentes fatores como, por exemplo, a roupa íntima, um arranhão brusco, uma depilação incorreta ou uma lubrificação insuficiente, e muitas mulheres evitam a importância deste assunto. Independentemente do motivo pelo qual possam surgir as feridas nos grandes lábios, é importante evitar algum processo infeccioso.

É essencial prestar atenção aos sintomas que surgem, uma vez que estes causam as conhecidas fissuras nos lábios genitais. Esta área é muito sensível e deve ser tratada, portanto, no ONsalus te orientamos sobre como tratar feridas nos grandes lábios.

Ferida nos grandes lábios: o que pode ser

A área genital da mulher é composta por dobras externas da pele que são chamadas de grandes lábios. Nesta área podem surgir diversas condições, entre elas as feridas nos lábios genitais, apesar de ser um problema comum, não deve ser ignorado, nem esquecer das infecções que podem gerar estas lesões e que devem ser tratadas de imediato. Estes tipos de feridas podem gerar sintomas como:

  • Ardência.
  • Dor.
  • Sangramento leve.

Contudo, dependendo da causa, podem existir outros sintomas. A seguir te explicamos o que pode ser ferida nos grandes lábios:

  • O principal motivo pelo qual isto acontece é a baixa produção de estrógenos, havendo um desequilíbrio hormonal que faz com que as bactérias que vivem nessa área de forma normal se desequilibrem e causem as infecções, vale destacar que estas bactérias são protetoras da mucosa vaginal.
  • Da mesma forma, as infecções na vagina, sejam bacterianas ou micóticas, isto é, produzidas por fungos adquiridos de qualquer forma, podem ser um motivo suficiente para gerar feridas nos lábios genitais.
  • A falta de lubrificação durante as relações sexuais pode causar feridas ou abrasões e pode estar presente tanto nos grandes lábios quanto nos pequenos lábios. Uma lubrificação incorreta faz com que a pele se rasgue e por sua vez cause dor intensa.
  • Uma relação sexual brusca aumenta a possibilidade de haver feridas, inflamação ou lesão nos grandes lábios.
  • As feridas nos lábios genitais são transmitidas sexualmente, como por exemplo, a sífilis. A Mayo Clinic define a sífilis como uma infecção bacteriana transmitida por contato sexual que começa como um processo inflamatório sem dor nas genitais e uma pequena ferida na região.

Outras causas das feridas grandes lábios são:

  • Roupa íntima muito justa.
  • Protetores íntimos que causam atrito.
  • Doenças sexualmente transmissíveis.
  • Coçar excessivo.

Ferida nos grandes lábios: como tratar

É importante que o ginecologista diagnostique a causa e indique o melhor tratamento dependendo de cada caso, podendo ser terapia farmacológica, remédios caseiros e até alterações nos hábitos de higiene. A seguir te explicamos como tratar uma ferida nos grandes lábios:

  • Em primeiro lugar, podem ser usados medicamentos antibióticos locais ou tópicos indicados previamente pelo especialista, assim como os géis íntimos que melhoram a secura vaginal.
  • O peixe com alto conteúdo em Ômega 3 reduz os sintomas do ressecamento vaginal.
  • Também é importante utilizar roupas íntimas que não sejam apertadas que permitam que as genitais respirem adequadamente e não acumulem tanto suor, o que pode causar diversas infecções. A roupa íntima deve ser preferencialmente de algodão, evitando as fibras sintéticas.
  • Um sistema imunológico enfraquecido torna o corpo suscetível de sofrer qualquer doença, sobretudo as fúngicas. Todos nós temos cândidas no corpo e elas podem nos afetar apenas se estivermos com o sistema imunológico debilitado.
  • O complexo B melhora o ressecamento vaginal e estimula o sistema imunológico.
  • O óleo de coco restaura a hidratação corporal, além de ser uma fonte de vitaminas e benefícios para os tecidos vaginais.
  • Da mesma forma, recomenda-se utilizar sabonetes adequados para a área genital, evitando assim os sabonetes comuns que ressecam a pele, uma vez que os lábios genitais são muito sensíveis. É recomendado utilizar um sabonete especial para esta área, onde este mantenha o equilíbrio hormonal, bem como uma flora genital normal.
  • Evite raspagens ou depilações diárias ou várias vezes durante a semana nesta região, pois a pele dos lábios genitais é muito sensível.
  • Recomendamos o uso de absorventes sem odor e de algodão, de forma a que estes não irritem os grandes lábios e não causem feridas, além disso não recomenda-se abusar de seu uso.

Ferida nos grandes lábios: quando consultar um médico

A partir do momento em que surgem lesões nos grandes lábios, é importante consultar um ginecologista para que ele indique o tratamento adequado, além de verificar se:

  • A ferida apresenta sangramento que não para em pouco tempo.
  • As feridas nos lábios genitais surgem depois das relações sexuais.
  • Além da ferida, há coceira na área genital.
  • Tem relação com dor pélvica, febre ou outros sintomas.

Todas as mulheres devem ter, no mínimo, 2 consultas anuais com o ginecologista, isto permitirá ter uma boa saúde na área genital. Caso surjam lesões desconhecidas, não hesite em ir consultar um médico imediatamente.

Este artigo é meramente informativo, no ONsalus.com.br não temos capacidade para receitar tratamentos médicos nem realizar nenhum tipo de diagnóstico. Convidamos você a recorrer a um médico no caso de apresentar qualquer tipo de condição ou mal-estar.

Se pretende ler mais artigos parecidos a Ferida nos grandes lábios: como tratar, recomendamos que entre na nossa categoria de Sistema reprodutor feminino.

Referências
  1. https://www.mayoclinic.org/es-es/diseases-conditions/syphilis/symptoms-causes/syc-20351756

Escrever comentário sobre Ferida nos grandes lábios: como tratar

O que lhe pareceu o artigo?

Ferida nos grandes lábios: como tratar
Ferida nos grandes lábios: como tratar

Voltar ao topo da página