Partilhar

O que causa espinhas no rosto e como eliminá-las

 
Por Dra. Ivonne Nieves Blanco, Médica Cirurgiã. 18 maio 2020
O que causa espinhas no rosto e como eliminá-las

As espinhas no rosto são lesões típicas da adolescência devido às mudanças hormonais. Estas podem aparecer em homens e mulheres de qualquer idade, por diversas causas, como a idade, alimentação ou tipo de pele que tiverem.

A forma de prevenir, tratar e eliminar as espinhas no rosto deve estar a cargo do seu dermatologista, que indicará o tratamento adequado a ser seguido dependendo da causa que estiver provocando esta alteração.

Se você deseja saber um pouco mais sobre o o que causa espinhas no rosto e como eliminá-las, não deixe de ler este artigo do ONsalus, onde terá a resposta para este problema.

O que causa espinhas no rosto?

As espinhas no rosto podem aparecer por diferentes causas, muitas delas você conhecerá a seguir:

Genética

A genética de algumas pessoas está relacionada com o aparecimento das espinhas no rosto.

Idade

Entre os 12 e 18 anos vivemos a fase da adolescência em ambos os sexos; nesta época é frequente ver o aparecimento de espinhas no rosto, devido ao aumento da produção de hormônios androgênicos como a testosterona, a qual estimula a produção de gordura e pode obstruir os poros da face, gerando assim as espinhas no rosto.

Não retirar a maquiagem

O acúmulo de maquiagem na pele causa a obstrução dos poros, aumentando o aparecimento das espinhas. Neste sentido, recomenda-se usar produtos removedores de maquiagem de boa qualidade e com baixo conteúdo em gorduras.

Falta de limpeza correta da pele

Deve-se aplicar uma boa técnica de limpeza no rosto, com produtos de acordo com o tipo de pele. Estes devem ter uma alta qualidade para evitar a obstrução dos poros e o aparecimento de espinhas ou dos chamados cravos.

Alimentação rica em gorduras

A ingestão de alimentos como carboidratos, leite, frituras, entre outros, aumenta as possibilidades de que apareçam as espinhas no rosto, pois estimulam a inflamação da pele devido ao excesso de gordura, além dos transtornos na produção de hormônios, gerando assim o aparecimento das espinhas no rosto.

Transtornos hormonais

Os níveis elevados de hormônios podem estar relacionados com a presença de alguma doença, como os ovários policísticos, que se caracteriza por aumentar a produção de andrógenos, o que faz com que a produção de sebo na pele aumente, gerando o aparecimento de espinhas.

Gravidez

Em algumas mulheres, durante a gravidez, podem aparecer espinhas no rosto, resultado do aumento da progesterona, que tem a particularidade de aumentar o sebo da pele.

Reação a medicamentos

A utilização de alguns medicamentos têm como efeito colateral o aparecimento de reações inflamatórias na pele, a qual gera as espinhas. Dentro destes medicamentos estão os corticoides, testosterona e o lítio.

Exposição excessiva ao sol

A exposição excessiva aos raios solares aumenta o risco de aparecerem as espinhas, já que os raios UV aumentam a produção de gordura na pele e a inflamação cria as condições para que as espinhas apareçam no rosto.

Como acabar com as espinhas no rosto com medicamentos

Se você tem espinhas no rosto, deve ir ao seu dermatologista. Este especialista é o encarregado de analisar as lesões presentes no seu rosto, além de indicar o tratamento adequado ao tipo de lesão que apresentar.

O tratamento para as espinhas no rosto se baseia na indicação de medicamentos de uso tópico e medicamentos por via oral, dependendo do quão afetada as lesões se apresentarem. A seguir te mostramos como acabar com as espinhas no rosto com medicamentos.

Medicamentos de uso tópico

Os medicamentos de uso tópico que são mais utilizados para as espinhas no rosto são:

  • Antibióticos: são usados para matar as bactérias presentes nas espinhas e diminuir os sintomas da vermelhidão e secreção purulenta.
  • Retinoides: são utilizados para evitar que os folículos pilosos sejam tampados. Sua apresentação é em creme, loção e gel, e são derivados da vitamina A. Entre este grupo estão a tretinoína, adapaleno e tazaroteno.
  • Ácido salicílico e azeláico: com a aplicação do ácido salicílico, se evita que os folículos pilosos sejam obstruídos. O ácido azeláico possui propriedades antibióticas e, combinado com a eritromicina, é muito mais eficaz. Sua apresentação é em creme.

Medicamentos orais

Entre os medicamentos de uso oral para tratar as espinhas no rosto estão:

Antibióticos

Podem ser utilizados nos casos onde as espinhas têm um grau significativo de inflamação e secreção purulenta. Para isso, se recomenda o uso daqueles pertencentes ao tipo das tetraciclinas, onde se encontram: minociclina, doxiciclina ou os macrólideos.

Anticoncepcionais orais

Os benefícios dos anticoncepcionais podem ser vistos alguns meses depois de ter iniciado o tratamento. Podem ser usados combinados com outros medicamentos para ver seus efeitos mais rapidamente.

Isto se deve ao fato de que os anticoncepcionais orais são uma mistura de estrógenos e progesteronas, e sua prescrição é aproveitada pelo seu efeito anticoncepcional nas mulheres.

Antiandrogênicos

Neste grupo está a espironolactona. Representa uma opção para as mulheres e adolescentes, especialmente naqueles casos onde os antibióticos não estejam ajudando em nada. Sua forma de agir é bloqueando o efeito dos hormônios androgênicos das glândulas sebáceas.

Tratamentos para acabar com as espinhas no rosto

Outra forma de acabar com as espinhas do rosto é através da aplicação de tratamentos, os quais podem ser postos em prática de forma independente ou combinados com medicamentos. Aqui te mostramos alguns dos tratamentos para acabar com as espinhas no rosto:

Esfoliação com produtos químicos

Através desta técnica são aplicados alguns produtos químicos como:

  • Ácido salicílico.
  • Ácido glicólico.
  • Ácido retinoico.

Esta técnica deve ser repetida frequentemente de acordo com as indicações do especialista para obter uma melhora das lesões das espinhas no rosto.

Injeção de esteroides

Quando estas lesões se tornam nódulos, são tratadas com injeções diretas de esteroides, com as quais se obtém uma melhora rápida dos sintomas e das lesões no rosto.

Remédios para espinhas no rosto

Existe uma grande variedade de remédios caseiros com excelentes propriedades que são usados para o tratamento das espinhas no rosto, a seguir conhecerá mais sobre eles:

Alho

Suas excelentes propriedades antibacterianas e, inclusive seu conteúdo de compostos de enxofre, detém o aparecimento das espinhas e, ao mesmo tempo, estimula a regeneração celular.

Para sua aplicação, é necessário:

  • Triturar um alho cru.
  • Esfregá-lo sobre as lesões.
  • Deixá-lo agir por cerca de 10 minutos.
  • Lavar o rosto com água em abundância.
  • Se desejar, pode fazer este procedimento várias vezes na semana.

Aspirina

Contém ácido salicílico, que se encarrega de regular a produção de gordura. Quando é colocada na face, pode diminuir as espinhas.

Para usá-las como remédio para as espinhas no rosto:

  • Triturar várias aspirinas e umedecê-las com água para fazer uma pasta.
  • Em seguida, aplicá-la em cada uma das lesões.
  • Deixar agir por 20 minutos.
  • Retirar com água em abundância.
  • Se desejar, repita 2 a 3 vezes na semana para que possa ver os resultados.

Aloe vera

É um remédio caseiro com propriedades anti-inflamatórias e antibacterianas. Sua aplicação contribui para desinfectar a pele, além disso, elimina as bactérias que podem infectar os poros. Desta forma, é possível diminuir o acúmulo de gordura e de células mortas no rosto.

O que fazer para colocar aloe vera para as espinhas:

  • Extrair o gel da folha de Aloe Vera.
  • Espalhe-o no rosto.
  • Deixe agir por 20 minutos aproximadamente.
  • Enxágue com água em abundância.
  • Para que funcione melhor, você deve aplicá-lo diariamente antes de se deitar.

Mel de abelhas

É um remédio caseiro com diversos usos e propriedades, entre elas antibacterianas. Sua aplicação contribui para diminuir o número de bactérias presentes nas lesões, além de hidratar a pele do rosto onde é aplicado.

Para maior eficácia, aplique o mel de abelhas seguindo estes passos:

  • Aplique com a ponta dos dedos sobre as espinhas.
  • Deixe agir durante 1 hora.
  • Retire com água morna.
  • Repita este processo várias vezes na semana até que desapareçam as imperfeições.

Tomate

Este vegetal é um excelente remédio caseiro, devido ao fato de ser rico em polifenóis e minerais essenciais para a saúde da pele. Conta com propriedades adstringentes que permitem limpar as impurezas dos poros, diminuindo a presença das espinhas.

Se deseja utilizar tomate como remédio para as espinhas no rosto:

  • Triture um tomate maduro.
  • Espalhe pelo rosto ou nas lesões.
  • Deixe agir por 20 minutos.
  • Retire com água em abundância.
  • Repita este processo de 3 a 4 vezes por semana para que notar os resultados.

Bicarbonato de sódio

Este remédio caseiro ajuda a secar a pele e eliminar o excesso de gordura, é um grande anti-inflamatório e antisséptico, o que permite diminuir o tamanho das espinhas.

Para obter os benefícios do bicarbonato de sódio nas espinhas, deve:

  • Misture 2 colheres de bicarbonato de sódio com 2 colheres de água até formar uma pasta.
  • Aplicar para esfoliar a pele.
  • Deixe agir por 15 minutos.
  • Enxague com água em abundância.
  • Ao secar seu rosto, recomenda-se umedecer a pele para evitar o excesso de ressecamento.

Para as pessoas que sofrem esta alteração, as espinhas no rosto representam um problema estético que afeta seu aspecto físico, assim como a autoestima em alguns casos. Por isso, se sofre desta condição, é necessário ir ao seu dermatologista e seguir suas orientações. Assim evitará o aumento das lesões, além de poder tratar as já existentes.

Este artigo é meramente informativo, no ONsalus.com.br não temos capacidade para receitar tratamentos médicos nem realizar nenhum tipo de diagnóstico. Convidamos você a recorrer a um médico no caso de apresentar qualquer tipo de condição ou mal-estar.

Se pretende ler mais artigos parecidos a O que causa espinhas no rosto e como eliminá-las, recomendamos que entre na nossa categoria de Tratamentos estéticos.

Escrever comentário sobre O que causa espinhas no rosto e como eliminá-las

O que lhe pareceu o artigo?

O que causa espinhas no rosto e como eliminá-las
O que causa espinhas no rosto e como eliminá-las

Voltar ao topo da página