Partilhar

Testículo inflamado: causas e tratamento

 
Por Dra. Gennesis Gonzalez, Médica Cirurgiã. Atualizado: 4 junho 2019
Testículo inflamado: causas e tratamento

Embora pensemos muitas vezes que as doenças relacionadas com os genitais são raras, existe a possibilidade de que, em algum momento da vida, alguma delas se manifeste. Sentir os testículos inflamados e duros é um motivo mais que suficiente para ir ao médico.

Os testículos são uma região sensível da área genital masculina e podem ser afetados por algumas causas específicas e, indiferente de qual for, é essencial que recebam a devida importância. A orquite e o tumor testicular são as razões mais frequentes relacionadas com o testículo duro e inflamado, é por isso que neste artigo do ONsalus te falaremos um pouco mais sobre este tema e, além disso, te explicaremos qual é o tratamento recomendado para cada caso. Continue lendo e descubra mais sobre o testículo inflamado: causas e tratamento.

Testículo inflamado: orquite

Uma causa frequente da presença de um testículo inflamado é o que se conhece como orquite, uma condição bastante severa que, ao se tornar visível para o paciente, permite que seja detectada a tempo com uma consulta precoce com o especialista.

A orquite é definida medicamente como um processo inflamatório do testículo, complicando-se em casos com a inflamação do epidídimo, passando a ser chamada de orquiepididimite. O epidídimo é um conduto que liga o testículo com o ducto deferente.

Esta condição no testículo costuma ser frequente em homens entre 19 e 35 anos de idade e, além de gerar dor intensa, está associada com outros sintomas como:

  • Febre alta.
  • Dor ao urinar.
  • Inflamação.
  • Sangue no esperma.
  • Dor durante as relações sexuais.
  • Dor na virilha.
  • Dor no testículo.
  • Dureza ao apalpá-lo ou tocá-lo.

A orquite costuma ser provocada por vírus ou bactéria e pode se desenvolver em apenas um testículo ou em ambos. Na maioria dos casos, a orquite está relacionada com a infecção do vírus da caxumba e, por outro lado, está associada a infecções de transmissão sexual, como a clamídia, gonorreia, catapora e tuberculose.

Também representa um fator de risco:

  • Não estar vacinado contra a caxumba.
  • Nascer com alguma anomalia nas vias urinárias.
  • Ter várias parceiras sexuais.
  • Já ter tido alguma doença sexualmente transmissível.
  • Não utilizar preservativos durante as relações sexuais.

O diagnóstico da orquite é estritamente médico. Este se faz através do histórico clínico, o exame físico e alguns exames (exame de urina, ecografia testicular, urocultura ou análise de sangue). O médico determinará se existe esta condição e iniciará o tratamento adequado.

De acordo com o manual MSD[1], a orquite por parotidite unilateral aparece entre 4 e 7 dias depois do aumento de tamanho da parótida, e em 30% dos casos a doença se dissemina para o outro testículo em 1 a 9 dias.

Testículo inflamado: tumor testicular

Esta é a causa mais temida diante da presença do testículo inflamado e endurecido, além disso é necessário dar a devida importância a esta condição. Em linhas gerais, o testículo pode ser afetado por diferentes tipos de tumores e com diferentes graus de agressividade. Independentemente disso, a principal característica é que o tumor testicular se manifesta pelo:

  • Aumento de tamanho do testículo.
  • Irregularidade e dureza em sua superfície.
  • Presença de uma espécie de massa indolor.
  • Dor nas costas.
  • Dor na virilha.
  • Sensação de peso no escroto.

O diagnóstico se baseia no apalpamento do testículo e na realização de exames específicos (marcadores tumorais) e ecografia. Quanto mais cedo é detectado, maiores são as chances de cura utilizando o tratamento adequado tal e como indicar o especialista, além disso, a porcentagem de sucesso do tratamento é alta.

O tumor testicular pode aparecer em um ou nos dois testículos. Os factores de risco relacionados com seu aparecimento são:

  • Antecedentes familiares com câncer nos testículos.
  • Criptorquidia ou testículo não descido.
  • Infecção por HIV.
  • Ter tido câncer de testículo anteriormente.

Remédio caseiro para testículo inflamado

Indiscutivelmente, o tratamento do testículo inflamado vai depender da causa que o estiver provocando. Alguns dos tratamentos de acordo com a causa são:

  1. Em caso de infecções bacterianas, é necessário a administração de antibióticos bem como determinar o especialista.
  2. É preciso utilizar o suporte do escroto com um suspensor atlético.
  3. Aplicar compressas frias na área inflamada pode ser um bom remédio caseiro para testículo inflamado.
  4. Utilizar anti-inflamatórios para melhorar a dor e a inflamação, como por exemplo, o ibuprofeno ou naproxeno, de acordo com o indicado pelo especialista.
  5. Repouso físico durante uma semana.
  6. Evitar levantar objetos pesados.

Caso se trate de um tumor testicular, o tratamento vai depender do tipo de tumor e agressividade. Pode-se basear em:

  • Cirurgia: caso seja necessária a remoção do testículo afetado. Geralmente este tipo de cirurgia é considerada curativa.
  • Quimioterapia: com o uso de certos remédios eficazes para tratar o tumor testicular, logicamente existe a possibilidade de que se apresentem alguns efeitos colaterais.
  • Radioterapia: dependendo da agressividade e extensão do tumor.

Uma vez conhecidas as possíveis causas relacionadas com a presença do testículo inflamado, não se deve subestimar a importância de se ir ao especialista imediatamente. Assim que se tenham visto os primeiros sintomas, não se deve ter vergonha por se tratar da área genital, ela é uma área muito sensível e é importante tratá-la com urgência.

Este artigo é meramente informativo, no ONsalus.com.br não temos capacidade para receitar tratamentos médicos nem realizar nenhum tipo de diagnóstico. Convidamos você a recorrer a um médico no caso de apresentar qualquer tipo de condição ou mal-estar.

Se pretende ler mais artigos parecidos a Testículo inflamado: causas e tratamento, recomendamos que entre na nossa categoria de Sistema reprodutor masculino.

Referências
  1. Patrick J. Shenot. Orquite. Sidney Kimmel Medical College at Thomas Jefferson University. Acessado em 21 de janeiro de 2019. Disponível em <https://www.msdmanuals.com/es-ve/professional/trastornos-urogenitales/trastornos-peneanos-y-escrotales/orquitis>

Escrever comentário sobre Testículo inflamado: causas e tratamento

O que lhe pareceu o artigo?

Testículo inflamado: causas e tratamento
Testículo inflamado: causas e tratamento

Voltar ao topo da página