Partilhar

Ejaculo pouco, isso é um problema?

Por Nicolas Garin, Redator ONsalus. Atualizado: 26 junho 2018
Ejaculo pouco, isso é um problema?

É considerado que um homem tem um volume baixo de esperma quando a ejaculação é inferior a 1,5 ml. Nesses casos, podemos falar de hipospermia, que é o reduzido volume de esperma que é ejaculado. Mas, por que isso acontece? Por que tem homem que ejacula pouco? Os fatores e as condições que podem estar por detrás de isso podem ser vários, uma vez que é possível que a condição surja como consequência do processo natural de envelhecimento e diminuição de testosterona, infecções, problemas sexuais ou doenças de maior gravidade. Neste artigo do ONsalus, damos resposta à pergunta - Ejaculo pouco, isso é um problema? - e vamos tratar de responder a todas as dúvidas que você tem sobre esse tema.

Também lhe pode interessar: Esperma amarelado é normal?

O que é hipospermia?

Segundo a OMS, o volume normal de esperma na ejaculação masculina é de 1,5 a 6 ml, e um volume inferior a 1,5 ml é o que se denomina de hipospermia. Esta condição é caracterizada pelo reduzido volume de esperma ejaculado e, embora em alguma ocasiões possa ser uma causa de infertilidade masculina caso exista dificuldade em engravidar, isso nem sempre acontece, já que se a qualidade e concentração de espermatozoides forem adequadas não devem existir problemas na concepção.

Um baixo volume de esperma na ejaculação está diretamente relacionado com as vesículas seminais e a próstata, principais órgãos do sistema reprodutor masculino. As vesículas seminais estão localizadas por detrás das glândulas prostáticas e são as que produzem, aproximadamente, 60% do volume de líquido seminal. Por outro lado, a próstata é uma glândula que armazena a frutose e para onde flui o líquido seminal das vesículas seminais para recolher essa frutose que, em seguida, se dirige para a uretra.

Continue lendo para descobrir quais podem ser as possíveis causas da hipospermia para dar resposta à sua questão: porque tem homem que ejacula pouco?

Ejaculo pouco, isso é um problema? - O que é hipospermia?

Pouca ejaculação: causas

Entre as principais causas da ejaculação com pouco volume, se podem encontrar as seguintes:

  • Envelhecimento natural: à medida que o homem envelhece e, especialmente, a partir dos 45 ou 50 anos de idade o volume de esperma vai diminuindo. Isto é algo que está associado à diminuição dos níveis de testosterona no organismo que tem que ver com a idade, já que este hormônio sexual masculino intervém, entre outros processos importantes, na produção de esperma;
  • Ejaculação retrógrada parcial: esta condição faz com que o sêmen, no momento da ejaculação, passe de forma anômala para a bexiga e, por isso, a quantidade de esperma expulso é reduzida. Isso acontece quando o músculo encarregue de fechar a bexiga não funciona corretamente. Pode acontecer devido a danos nos músculos da bexiga causados por cirurgias, danos nos nervos provocados por doenças como a esclerose múltipla ou diabetes mal controlada, ou até mesmo pela toma de certos medicamentos. No artigo ejaculação retrógrada: tratamento, sintomas e causas explicamos com detalhe tudo o que você precisa saber sobre esta condição;
  • Ausência de vesículas seminais e canal deferente: pode afetar homens que padecem de uma doença de origem genética;
  • Obstrução dos canais ejaculatórios que não permite que as secreções das vesículas seminais cheguem até à uretra. Esta condição pode acontecer por consequência de algum tipo de inflamação ou infecção nos ditos canais, como a prostatite, varicocele, gonorreia, etc;
  • Denervação simpática: é a perda dos impulsos nervosos que chegam até ao pênis;
  • Cirurgia do colo da bexiga: intervenção cirúrgica que podem ser realizada em homens que têm dificuldade em urinar.

Para além de tudo isso que foi dito anteriormente, devemos ter em consideração outros fatores que podem levar um homem a ter ejaculação fraca , tais como:

  • Se o homem já ejaculou várias vezes no mesmo dia, é normal que o volume do sêmen diminua;
  • Consumo de tabaco e de álcool: estas substâncias podem influenciar negativamente a qualidade e volume de esperma;
  • Excesso de peso ou obesidade: homens com excesso de peso podem sofrer de alterações no seu sistema hormonal e isso afeta, entre outras coisas, os níveis de esperma e a sua qualidade.

A força ejaculatória depende de quê?

Muitos homens se perguntam, "tenho ejaculação fraca, o que fazer" e para responder a esta questão temos de ter em consideração os seguintes fatores:

  • A força ejaculatória é algo involuntário e que o homem não pode controlar;
  • Cada homem tem uma força de ejaculação distinta, já que esta pode variar em função da quantidade de líquido seminal e prostático que é produzido e da tonicidade dos músculos do assoalho pélvico;
  • A pressão ejaculatória pode ser maior ou menor dependendo do grau de excitação que o homem atinge, já que este não vai ser mesmo durante uma masturbação que numa relação sexual com a sua parceira. Do mesmo modo que, o fato de ter relações sexuais com frequência ou não ter relações sexuais por muito tempo também tem influência;
  • A idade e a diminuição de testosterona são também fatores que podem diminuir a pressão ejaculatória.
Ejaculo pouco, isso é um problema? - A força ejaculatória depende de quê?

Diagnóstico da hipospermia

Agora que já conhece as causas da ejaculação fraca, se você suspeita que pode estar padecendo de hipospermia é importante que consulte um urologista para que se possa submeter aos exames médicos necessários e dar início a um tratamento caso seja preciso.

Para poder avaliar a qualidade de esperma, o seu volume e a mobilidade dos espermatozoides, é realizada uma prova chamada de espermograma. Para que os resultados sejam fiáveis, o homem deve realizá-la depois de um período de abstinência sexual de 3 a 5 dias. Quanto ao volume de esperma, como já foi dito anteriormente, a quantidade de esperma que se expulsa durante a ejaculação se mede em mililitros e, a partir de 1,5 ml, se considera um volume normal. Caso essa quantidade seja inferior a este valor, será então diagnosticada a hipospermia.

O que fazer se ejaculo pouco esperma?

Não existe um tratamento em específico para a hipospermia, já que cada paciente deve receber um tratamento específico em função da causa da pouca ejaculação. Existem comprimidos e suplementos dietéticos que podem ajudar a melhorar o nível de esperma, no entanto os mesmos devem ser tomados sempre sob supervisão médica.

Caso a hipospermia seja provocada por algum tipo de infecção, o médico pode receitar a toma de antibióticos. Em outros casos pode ser necessária uma intervenção cirúrgica para solucionar o problema subjacente.

Para melhorar a qualidade e produção de esperma, é importante também manter hábitos de vida saudáveis e nisso, a alimentação tem um papel preponderante. Confira como aumentar a quantidade de esperma com alimentos nesse artigo.

Este artigo é meramente informativo, no ONsalus.com.br não temos capacidade para receitar tratamentos médicos nem realizar nenhum tipo de diagnóstico. Convidamos você a recorrer a um médico no caso de apresentar qualquer tipo de condição ou mal-estar.

Se pretende ler mais artigos parecidos a Ejaculo pouco, isso é um problema?, recomendamos que entre na nossa categoria de Sistema reprodutor masculino.

Escrever comentário sobre Ejaculo pouco, isso é um problema?

O que lhe pareceu o artigo?
2 comentários
francisco josé de lima
ejacular pouco semer é normal para minha idade tenho (67 anos).
Tamara Rodrigues
Oi meu marido de uns tempos pra cá começou a ejacular pouco.Isso tem perigo dele ficar infértil e não poder termos mais filhos.

Ejaculo pouco, isso é um problema?
1 de 3
Ejaculo pouco, isso é um problema?

Voltar ao topo da página