Partilhar

Pernas dormentes: causas e soluções

 
Por Leonardo Simon. 9 outubro 2018
Pernas dormentes: causas e soluções

Um problema comum é sentir dormência nas pernas, sobretudo quando se fica em uma determinada postura por certo tempo, por exemplo, ao dormir ou ficar sentado com as pernas cruzadas. Ao mudar de posição é provável que você sinta um formigamento nas pernas, sendo que ele pode acontecer em qualquer idade e pode ser uma consequência de diversas condições.

Muitas vezes é conhecida como sensação de formigamento, dormência ou perda da sensibilidade e medicamente é denominada parestesia, não implicando muita gravidade. No ONsalus, lhe explicaremos as causas das pernas dormentes e, além disso, como melhorar esta situação, continue lendo o artigo.

Também lhe pode interessar: Dedo polegar mexendo sozinho: causas

Formigamento nas pernas ou parestesia: significado

Clinicamente, a dormência momentânea ou breve de uma parte do corpo, neste caso das pernas, é denominada de parestesia. Esta também é definida como uma sensação anormal da sensibilidade geral e surge como um formigamento e adormecimento de algum lugar específico.

Pode se apresentar em diversas ocasiões durante toda a vida e em diversas partes do corpo e apenas será motivo de preocupação quando se torna muito frequente.

Pernas dormentes com frequência: causas

A dormência nas pernas ou parestesia surge quando há uma pressão prolongada nos nervos, especificamente em um revestimento chamado de vasa nervorum que, uma vez pressionado, impede que o oxigênio e nutrientes cheguem aos nervos periféricos do corpo. Esta sensação desaparece assim que se tenha aliviado a pressão.

Quando isso acontece, o sangue flui de forma normal e todos os nervos se recuperam em um determinado tempo.

Outras das razões que podem responder à pergunta do por que as pernas dormem são:

  • Lesão no nervo: especialmente quando um nervo das pernas está sendo afetado, pode estar relacionado com uma doença específica chamada de neuropatia diabética que, de acordo com o Instituto Nacional da Diabetes e Doenças Digestivas e Renais (NIDDK)[1], se manifesta em alguns casos como um formigamento nas pernas e membros.
  • A North American Spine Society[2] fundamenta, além disso, que uma hérnia de disco lombar pode exercer uma pressão nos nervos da coluna e acabar gerando formigamento ou dormência nas pernas.

Sentir pernas dormentes é normal em todas as pessoas, exceto se o sintoma se prolonga por muito tempo. Outras lesões menos frequentes, mas provavelmente relacionadas, são:

  1. Esclerose múltipla.
  2. Mielite transversa.
  3. Tumor no cérebro ou na medula espinal.
Pernas dormentes: causas e soluções - Pernas dormentes com frequência: causas

Quando ir ao médico devido ao adormecimento das pernas

Se torna em um sintoma de importante atenção quando a dormência nas pernas persiste por muito tempo. Se pelo contrário, isto ocorre apenas de maneira ocasional, basta mudar de posição e esperar que haja novamente circulação sanguínea no nervo. Diante de quaisquer dúvidas, é importante ir imediatamente ao médico.

Também é importante levar em conta a presença de outros sintomas na hora de determinar a ida a uma consulta médica, como:

  1. Ardência nas pernas.
  2. Coceira ou comichão.
  3. Pele quente ou fria.

Tratamento para pernas dormentes

Sem dúvida alguma, o tratamento para pernas dormentes depende da causa que a originou.

Alguns medicamentos do grupo AINES como, por exemplo, o ibuprofeno, podem ser úteis nos casos em que, além da parestesia, existe dor e inflamação na área. Caso o formigamento nas pernas se torne constante, o médico indicará outros medicamentos como a pregabalina.

A fisioterapia é empregada para melhorar a força muscular e permite que a compressão do nervo diminua.

Remédio caseiro para pernas dormentes

Caso a dormência nas pernas se repita ocasionalmente, existem vários remédios caseiros que aliviam os sintomas, sempre lembrando que é importante ir ao médico:

  • Compressas mornas ou um banho com água morna podem ajudar a restabelecer o fluxo sanguíneo na área e , além disso, aliviar os sintomas.
  • Magnésio: imprescindível para o ótimo funcionamento do sistema nervoso, além de prevenir complicações.
  • Óleo de rícino: é útil na hora de diminuir os sintomas das pernas dormentes graças ao seu alto efeito estabilizador do sistema nervoso.
  • Massagens: estimulam o fluxo sanguíneo e diminuem os sintomas do formigamento nas pernas estimulando os nervos e melhorando seu funcionamento, isto pode ser feito inclusive sem o uso de óleos.
  • Vitamina B: um corpo saudável tem todas as vitaminas e minerais necessários e a deficiência de vitamina B pode se manifestar na forma de adormecimento nas pernas. Este complexo vitamínico, como suplemento, melhora os sintomas consideravelmente.
  • Exercícios: é importante fortalecer e estimular o sistema circulatório realizando diariamente exercícios de alongamento e aquecimento, também prevenindo outros problemas frequentes de saúde.

Existem muitos motivos pelos quais é possível sentir pernas dormentes, é importante que recebam a devida atenção e sejam avaliados por um médico, se necessário, antes de que se torne algo mais grave de tratar. Não é normal que isto aconteça de maneira constante e repetidas vezes sem as explicações anteriores.

Este artigo é meramente informativo, no ONsalus.com.br não temos capacidade para receitar tratamentos médicos nem realizar nenhum tipo de diagnóstico. Convidamos você a recorrer a um médico no caso de apresentar qualquer tipo de condição ou mal-estar.

Se pretende ler mais artigos parecidos a Pernas dormentes: causas e soluções, recomendamos que entre na nossa categoria de Cérebro e nervos.

Referências
  1. National Institute of Diabetes and Digestive and Kidney Diseases. Neuropatías diabéicas: el daño de los nervios. Disponible en: https://www.niddk.nih.gov/health-information/informacion-de-la-salud/diabetes/informacion-general/prevenir-problemas/neuropatias-diabeticas
  2. North American Spine Society (2006-2011). Herniated Lumbar. Disponible en: https://www.spine.org/Portals/0/Documents/KnowYourBack/HerniatedLumbarSpanish.pdf

Escrever comentário sobre Pernas dormentes: causas e soluções

O que lhe pareceu o artigo?

Pernas dormentes: causas e soluções
1 de 2
Pernas dormentes: causas e soluções

Voltar ao topo da página