menu
Partilhar

Por que tenho mau hálito mesmo escovando os dentes?

 
Por Redação ONSalus. 23 março 2021
Por que tenho mau hálito mesmo escovando os dentes?

O mau hálito, conhecido medicamente como halitose, pode ocorrer por diversas causas e não somente por causa da higiene dental. Portanto, é compreensível que, mesmo você escovando seus dentes várias vezes ao dia, possa sofrer com este problema. Dentes em mau estado, doenças digestivas, problemas na faringe, maus hábitos alimentares e o tabagismo são alguns dos motivos mais frequentes.

Quer saber por que tem mau hálito mesmo escovando os dentes? Continue lendo o artigo a seguir do ONsalus.

Também lhe pode interessar: Alimentos que clareiam os dentes

Mau hálito por problemas odontológicos e bucais

Uma das causas mais frequentes do mau hálito é a alteração na flora bacteriana da boca com um aumento das bactérias do tipo anaeróbico ou de um fungo chamado cândida. Isto costuma piorar com a inflamação das gengivas (gengivite) e o uso de enxaguantes bucais que matam as bactérias que vivem ali, fazendo com que a quantidade de micro-organismos oportunistas aumente. Estas bactérias geram compostos (mercaptanos e sulfuretos) que provocam mau cheiro.

Isto também acontece se as próteses dentárias não são limpas corretamente.

Por outro lado, se você está com os dentes em mau estado é esperado que sofra de halitose, mesmo que escove seus dentes frequentemente. Além disso, pode sentir desconforto ao mastigar alimentos muito frios ou muito quentes, ou até mesmo ter dor.

Outro possível motivo é a falta de saliva, causada pelo mau funcionamento das glândulas salivares ou pela desidratação. Em pessoas mais velhas que tomam pouco líquido, é frequente ter uma produção de saliva menor, o que favorece o mau hálito.

Uma diminuição da salivação também acontece com alguns medicamentos, como antidepressivos, ansiolíticos ou anti-hipertensivos.

O que fazer?

É recomendável higienizar não apenas os dentes, mas também as gengivas e a língua. Para limpar esta última, é conveniente fazer por arrastamento (com uma colher ou fio dental), já que escová-la pode espalhar as bactérias pela boca.

Você deve visitar um ou uma odontologista pelo menos uma vez ao ano ou antes caso tenha algum destes sintomas. É necessário examinar a boca a fim de descartar os possíveis problemas.

Uma boa alimentação e hidratação são cruciais para melhorar a flora corporal, inclusive a da boca.

Por que tenho mau hálito mesmo escovando os dentes? - Mau hálito por problemas odontológicos e bucais

Halitose por doenças na faringe

A causa mais comum do mau hálito por problemas na faringe está nas amigdalas. Devido a sua anatomia, estas estruturas possuem pequenas cavidades, logo, significa que não são lisas, neste caso, possuem pequenas "covas". Nestas covas pode haver o acúmulo de restos de alimentos ou detritos da própria amígdala, causadoras do mau hálito.

Este problema é bastante comum e é conhecido como cáseo. Você pode notar que volta e meia aparecem algumas bolinhas brancas nas amígdalas (que muitas pessoas confundem com placas bacterianas).

Outra possibilidade é que haja uma inflamação aguda (por infecções, por exemplo) ou crônica (por refluxo ou alergia), tanto nas amígdalas quanto no resto da faringe. Isto pode produzir um acúmulo de muco ou secreções fétidas que se manifestam através do mau hálito constante.

Um tumor faríngeo também pode causar mau cheiro, por causa dele mesmo ou devido a um tratamento com radioterapia.

Tratamento

Depende da causa:

  • Cáseo amigdalino: é possível tentar corrigir o problema melhorando os hábitos alimentares: cereais integrais, frutas, verduras e adoçantes mais saudáveis, como o açúcar integral ou o mel, mas muitas vezes este problema acaba levando à sala de cirurgia. Remover as amígdalas pode acabar com seu problema de mau hálito, no entanto, como podem existir outras causas, nem sempre o tratamento cirúrgico resolve completamente o problema. Convém descartar todas as causas antes de fazer uma amigdalectomia.
  • Inflamação faríngea: se o problema é por causa do refluxo do ácido estomacal, a melhor coisa a se fazer é seguir um tratamento e, sobretudo, mudar os hábitos alimentares. Melhorar a alimentação também é essencial para melhorar os problemas alérgicos e reduzir o tamanho das amígdalas e adenoides. Também é possível tentar tratamentos anti-inflamatórios ou ainda, em alguns casos, é possível fazer uma cirurgia.
  • No caso de tumor, é necessário fazer um tratamento para reduzir o tamanho do mesmo ou removê-lo através de cirurgia. Se for por causa da radioterapia, é esperado que depois de um tempo a salivação comece a melhorar e as estruturas vão se recuperando, o que deve melhorar a halitose.
Por que tenho mau hálito mesmo escovando os dentes? - Halitose por doenças na faringe

Halitose por maus hábitos alimentares

Como vimos, a alimentação tem um papel essencial não só em relação a digestão, mas em todo o corpo. Consumir muitos produtos processados (com corantes, conservantes adoçantes, etc), pode levar a um estado de inflamação corporal.

Por outro lado, a má combinação de alimentos, mesmo que saudáveis, pode provocar o mau hálito. Comer frutas junto com as refeições ou depois delas provoca uma fermentação no trato digestivo. Isto gera mau cheiro, o qual sai pela boca.

Por outro lado, o consumo excessivo de carne também é um causador da halitose. A carne é digerida muito lentamente e vai gerando resíduos (cadaverina e putrescina) que não só geram mau hálito, como também causam flatulência, inchaço e podem ficar acumuladas, favorecendo o aparecimento de doenças crônicas.

O refluxo e a acidez estomacal também produzem mau hálito. Comer grandes quantidades de alimentos, se deitar logo após comer, tomar líquidos durante as refeições, consumir bebidas gaseificadas, e o consumo de álcool e tabaco são todos fatores que favorecem este tipo de problemas.

Se você quer melhorar seus hábitos, deve prestar mais atenção não só ao que come, mas também em como faz isso.

Doenças rinossinusais

As rinossinusites agudas e crônicas podem provocar muito mau hálito. Engolir o catarro frequentemente, dores de cabeça, secreções nasais amareladas ou esverdeadas e não sentir cheiros são alguns dos sintomas mais sérios.

Os corpos estranhos nasais, os tumores ou a atresia de coana também podem provocar mau cheiro.

O tratamento dependerá da causa:

  • Caso se trate de uma rinossinusite bacteriana, na maioria dos casos, será necessário um antibiótico.
  • Se a causa é alérgica, serão necessário anti-inflamatórios locais e melhorar seus hábitos alimentares.
  • Se um fungo estiver causando a inflamação rinossinusal, pode ser necessário fazer um cirurgia.

As lavagens nasais são importantes em todos os casos.

Tabagismo como causador do mau hálito

Os efeitos do cigarro em relação a degradação dos tecidos e produção de câncer já são bastante conhecidos. O consumo regular de tabaco provoca a inflamação crônica da boca até os pulmões. Isto faz com que a produção de muco aumente, favorecendo o aparecimento do mau hálito.

A única solução é parar de fumar. Você pode escovar seus dentes frequentemente, usar enxaguantes bucais ou mascar chicletes de menta, mas nunca acabará com este gosto ruim na boca se não mudar seus hábitos.

Outras doenças que podem causar mau hálito

Outras condições que podem fazer com que você tenha mau hálito embora escove os dentes são:

Doenças digestivas

Divertículos esofágicos, tumores no trato digestivo ou síndromes de má-absorção podem causar mau hálito, mas não é muito frequente. No caso dos tumores ou má-absorção, também pode haver perda de peso e dor abdominal.

Uma gastroenterite com diarreia ou vômito também pode causar mau cheiro na boca.

Insuficiência hepática ou renal grave

Em ambos os casos, o corpo está muito doente. O mau hálito é apenas um dos diversos outros sintomas.

Diabetes

Pessoas com diabetes frequentemente tem o hálito cetônico, similar ao de maçãs.

Em todos os casos, o mau hálito só pode ser combatido tratando a doença base.

Este artigo é meramente informativo, no ONsalus.com.br não temos capacidade para receitar tratamentos médicos nem realizar nenhum tipo de diagnóstico. Convidamos você a recorrer a um médico no caso de apresentar qualquer tipo de condição ou mal-estar.

Se pretende ler mais artigos parecidos a Por que tenho mau hálito mesmo escovando os dentes?, recomendamos que entre na nossa categoria de Dentes e boca.

Bibliografia
  • Sombié R, Tiendrébéogo AJF, Guiguimdé WPL, et al. Halitose: approches diagnostiques et thérapeutiques pluridisciplinaires [Halitosis: multidisciplinary diagnostic and therapeutic approaches]. Pan Afr Med J. 2018;30:201. Published 2018 Jul 10. doi:10.11604/pamj.2018.30.201.10951
  • Silva MF, Leite FRM, Ferreira LB, et al. Estimated prevalence of halitosis: a systematic review and meta-regression analysis. Clin Oral Investig. 2018;22(1):47-55. doi:10.1007/s00784-017-2164-5
  • Scully C. Halitosis. BMJ Clin Evid. 2014;2014:1305. Published 2014 Sep 18.

Escrever comentário

O que lhe pareceu o artigo?

Por que tenho mau hálito mesmo escovando os dentes?
1 de 3
Por que tenho mau hálito mesmo escovando os dentes?

Voltar ao topo da página