Partilhar

Sangramento pós menopausa: causas

Por Nídia do Carmo, Editora e redatora ONsalus. Atualizado: 27 março 2019
Sangramento pós menopausa: causas

Saber que depois da menopausa não se deveria ver nenhum tipo de sangramento permite que a mulher fique atenta a alguns sinais. Toda manifestação pós-menopausa deve ser consultada com o ginecologista imediatamente, a maioria das causas pelas quais pode ocorrer são associadas a pólipos e ao câncer endometrial, no entanto, todas as razões devem ser estudadas e tratadas a tempo.

A menopausa é caracterizada e definida basicamente pela ausência total da menstruação, sabendo disto, qualquer modificação representa um sinal de alerta que o corpo envia para dizer que algo não está bem, desta maneira evitamos muitos problemas ginecológicos. Neste artigo do ONsalus, esclarecemos todas as suas dúvidas sobre o sangramento pós menopausa: causas. Além disso, no seguinte artigo te explicamos todas as suas possíveis causas.

Também lhe pode interessar: Sintomas da menopausa

Sangramento após menopausa é normal?

A menopausa é uma das etapas vitais da mulher e é definida como a ausência da menstruação durante, pelo menos, 12 meses. Justamente este conceito ou definição permite esclarecer a dúvida em relação ao sangramento pós-menopausa.

A verdade é que qualquer manifestação depois da menopausa é considerada anormal e requer avaliação médica imediata. Clinicamente, este tipo de sangramento é chamado de metrorragia pós-menopausa e ocorre depois de um ano sem descer menstruação. Ou seja, NÃO é normal haver sangramento depois da menopausa.

Em média, a menopausa ocorre aproximadamente aos 51 anos, com um tempo de intervalo padrão entre os 45 e 55 anos de idade.

Sangramento pós menopausa: causas - Sangramento após menopausa é normal?

Sangramento pós menopausa: causas

Sabendo agora que o sangramento depois da menopausa não é normal, é essencial conhecer as razões pelas quais isto acontece. A grande maioria dos casos se deve a algum problema ginecológico que deve ser tratado para prevenir futuras complicações. Em seguida, te explicamos as causas do sangramento depois da menopausa:

Pólipos uterinos

Os pólipos são a primeira causa em que pensar quando se apresenta sangramento depois da menopausa, geralmente são definidos como tumores não cancerígenos formados justamente no endométrio, esta é a camada que cobre internamente o útero ou o colo uterino. Embora este crescimento tumoral não esteja relacionado ao câncer, deve receber tratamento imediatamente. Em sua maioria, o sangramento por pólipos ocorre depois de ter relações sexuais.

Redução do endométrio

A redução do endométrio é a segunda razão relacionada com a presença de sangramento depois da menopausa, isto quer dizer que há uma diminuição na espessura do endométrio, a camada interna do útero, que é clinicamente definida como atrofia endometrial e, à medida em que vai diminuindo, esta camada do útero vai apresentando o sangramento anormal.

Endométrio hiperplásico

Hiperplasia endometrial é a outra causa relacionada com o sangramento anormal depois da menopausa, isto significa que há um aumento da espessura de revestimento do útero. A última causa a ser mencionada é o câncer de endométrio, este é o mais comum relacionado com o sistema reprodutor feminino, onde certos fatores de risco também influenciam para ter câncer de endométrio:

  • Menarca ou início da menstruação quando jovem.
  • Menopausa quando mais velha.
  • Idade avançada.
  • Períodos menstruais irregulares.
  • Uso de medicamentos com estrógenos durante um longo período de tempo.
  • Síndrome do ovário policístico.
  • Obesidade.
  • Fumar.
  • Diabetes tipo 2.
  • Hipertensão arterial.

Câncer de endométrio

O câncer de endométrio representa 13% dos cânceres diagnosticados em mulheres na Espanha[1]. A idade mais frequente na qual se manifesta o câncer de endométrio é entre os 55 e 59 anos, ou seja, depois da menopausa.

Outras causas

Além das causas descritas anteriormente assimilam-se muitas outras que são caracterizadas por apresentar sangramento depois da menopausa:

  • Tratamento hormonal.
  • Infecção no colo do útero.
  • Outros tipos de câncer.
Sangramento pós menopausa: causas - Sangramento pós menopausa: causas

Sangramentos irregulares na menopausa: diagnóstico

O ginecologista fará a avaliação física completa e o questionário, além da solicitação de alguns exames. A fim de realizar o diagnóstico em relação ao sangramento que ocorre depois da menopausa, podem ser solicitados exames médicos como:

  • Biopsia endometrial: onde se pega uma pequena amostra de tecido do endométrico que é examinada em um laboratório através de um microscópio.
  • Ecografia transvaginal: que permite obter imagens dos órgãos que se encontram dentro da pélvis através de ondas sonoras. Permite determinar a espessura do endométrio e as características do útero.
  • Histeroscopia: é outro dos métodos de diagnóstico utilizados e é feito através da introdução de um instrumento com câmera através da vagina e do colo útero para poder visualizar o interior do útero.

Sangramento pós menopausa: tratamento

O tratamento vai depender da causa, você pode conferir em seguida qual tratamento recebe cada uma destas condições. Continue lendo e descubra como tratar sangramento pós menopausa:

  • No caso de se tratarem de pólipos, o tratamento ideal é a extração cirúrgica dos mesmos.
  • Por outro lado, no caso de estar relacionado com a atrofia endometrial e hiperplasia endometrial, é tratado medicamente com alguns remédios.
  • Por último, o câncer endometrial é tratado com uma cirurgia, aplicando a histerectomia total.

Independentemente do momento em qual ocorra o sangramento depois da menopausa, é importante ir ao ginecologista imediatamente, desta forma podem ser evitadas diversas complicações sérias para a saúde da mulher.

Este artigo é meramente informativo, no ONsalus.com.br não temos capacidade para receitar tratamentos médicos nem realizar nenhum tipo de diagnóstico. Convidamos você a recorrer a um médico no caso de apresentar qualquer tipo de condição ou mal-estar.

Se pretende ler mais artigos parecidos a Sangramento pós menopausa: causas, recomendamos que entre na nossa categoria de Sistema reprodutor feminino.

Referências
  1. García Enguita, Pilar (1998). Oncológico del área sanitaria de Teruel. Boletín nº8, Volumen 1. Recuperado el 23 de Noviembre de 2018 de: http://www.boloncol.com/boletin-8/cancer-de-endometrio.html

Escrever comentário sobre Sangramento pós menopausa: causas

O que lhe pareceu o artigo?
1 comentário
Sandra
Sangramento após a menopausa e endométrio medindo 4,1 mm é normal ?

Sangramento pós menopausa: causas
1 de 3
Sangramento pós menopausa: causas

Voltar ao topo da página