Partilhar

Dente inflamado e rosto inchado, o que fazer?

 
Por Redação ONSalus. 19 fevereiro 2021
Dente inflamado e rosto inchado, o que fazer?

Poucas coisas são tão dolorosas quanto uma infecção em um dente. O medo do dentista é bastante comum: uma experiência ruim ou comentários aterrorizantes podem fazer com a consulta anual, que todos devemos fazer, seja adiada. Estar com o rosto inchado por causa de uma dor de dente pode ser um grande problema, pois a infecção pode se estender a outras áreas delicadas ou pode se agravar, especialmente em pessoas com imunidade baixa.

A primeira coisa que você deve fazer se acha que está com o rosto inchado por causa do dente é consultar um dentista, ou pelo menos um posto de saúde. Entretanto, se está se perguntando "o que fazer se estou com o dente inflamado e rosto inchado, pode ler este artigo do ONsalus para ter ideias de como se cuidar e o que pode ir fazendo até se consultar.

Por que ocorre a dor de dente?

Caso esteja se perguntando o que fazer com o rosto inchado por causa de uma dor de dente, o primeiro de tudo é conhecer sua causa. Uma infecção em um dente pode ter diferentes origens:

  • Maus hábitos de higiene: a falta de escovação e limpeza correta dos dentes pode causar cáries e uma proliferação bacteriana na boca.
  • Maus hábitos alimentares: como por exemplo o excesso de açúcar e alimentos pouco saudáveis.
  • Falta de controle odontológico periódico: se você vai ao dentista com frequência é possível diagnosticar lesões em etapas precoces, como por exemplo as cáries. Se estas lesionarem o dente, é mais provável que este fique dolorido.
  • Periodontite: é a infecção da gengiva e dos tecidos ao redor do dente. Nestes casos é comum ter exposição das raízes dentárias com retração da gengiva.
  • Traumatismo: uma pancada ou lesão na mucosa (por exemplo ao morder ou furar com um palito) podem abrir uma porta para bactérias e provocar uma doença infecciosa.

Sintomas da dor de dente

Normalmente, antes do rosto inchado pelo dente inflamado, costumam aparecer outros sintomas mais leves de uma dor de dente. Os sintomas podem ser:

  • Dor momentânea em um dente ou ao morder;
  • Dor na região do ouvido ou na frente dele;
  • Dor na garganta;
  • Sensibilidade ao frio ou ao calor;
  • Sangramentos na gengiva;
  • Gosto ruim na boca;
  • Mau hálito;
  • Mal-estar geral;
  • Desmaio;
  • Febre;
  • Gânglios do pescoço inchados;
  • Inchaço na bochecha (nesse caso, a infecção é um dente de cima, na arcada dentária superior);
  • Inflamação na mandíbula (o dente afetado fica em baixo, na arcada dentária inferior).

Como fazer para desinchar a bochecha por causa da dor de dente

É importante você saber que uma dor de dente não é um probleminha, especialmente se seu rosto já está inchado por causa disso. É muito importante ir a um(a) dentista ou odontologista e, no caso de não conseguir uma consulta, deve ir a um posto de saúde o quanto antes.

Se está lendo este artigo é provável que tenha certo receio em ir ao dentista e esteja procurando o que tomar para a dor de dente, mas a verdade é que remédios caseiros podem piorar sua situação.

As infecções deste tipo podem se agravar facilmente, sobretudo em pessoas com baixa imunidade (como por exemplo, naquelas que sofrem de diabetes ou resistência à insulina). Entre as possíveis complicações estão:

  • Aumento da infecção a outras áreas do rosto, pescoço ou sistema nervoso, podendo inclusive apresentar sangramento;
  • Este último pode trazer problemas como: pneumonia, infecção no coração ou um abscesso cerebral.
  • Perda do dente.

Como pode ver, não hesite em consultar seu dentista por medo. O medo te deixa paralisado e neste caso você precisa agir. Não existem soluções mágicas, tratar a infecção é essencial para que se sinta melhor. No entanto, é possível fazer algumas coisas pra melhorar seu estado e facilitar sua recuperação:

  • Limpe sua boca: escove seus dentes e passe fio dental, não somente agora, mas como daqui pra frente.
  • Você pode fazer gargarejos várias vezes ao dia: estes podem te ajudar a limpa sua boca e diminuir um pouco a inflamação. Você pode usar apenas água morna, água com sal marinho, água do mar ou uma solução de Prinz. Esta última é preparada misturando uma colher de água oxigenada e uma colher de bicarbonato de sódio em um copo de água morna.
  • Tome chá de gengibre: um cozido de gengibre por 10 minutos pode te ajudar a acalmar um pouco os incômodos, uma vez que se trata de um excelente anti-inflamatório, no entanto, não ele não resolverá o problema da dor de dente.

O que esperar da consulta odontológica

Quando for atendido pelo/a dentista, primeiramente, ele te perguntará o que está acontecendo e desde quando está assim, se tem outras doenças ou se levou alguma pancada. Ao examinar sua boca, ele poderá saber o que está acontecendo. Às vezes pode ser necessária uma radiografia para ver possíveis complicações ou a extensão da infecção.

O mais importante é resolver a causa da infecção. Entre os objetivos do dentista estará salvar o dente e diminuir a chances de ter complicações.

Se há uma cárie, ela deve ser tratada, caso haja algum corpo estranho, este deve ser removido, no caso de um abscesso, este deve ser drenado e, se há alguma lesão no nervo, pode ser necessário um tratamento endodôntico. Após a consulta, também será indicado algum medicamento para a dor de dente.

Este artigo é meramente informativo, no ONsalus.com.br não temos capacidade para receitar tratamentos médicos nem realizar nenhum tipo de diagnóstico. Convidamos você a recorrer a um médico no caso de apresentar qualquer tipo de condição ou mal-estar.

Se pretende ler mais artigos parecidos a Dente inflamado e rosto inchado, o que fazer?, recomendamos que entre na nossa categoria de Dentes e boca.

Bibliografia
  • Wadia R, Ide M. Periodontal Emergencies in General Practice. Prim Dent J. 2017;6(2):46-51. doi:10.1308/205016817821281774
  • Stephens MB, Wiedemer JP, Kushner GM. Dental Problems in Primary Care. Am Fam Physician. 2018;98(11):654-660.
  • Cooper MN, Abrishamian LK, Newton KI. Odontogenic abscess. J Emerg Med. 2013;45(1):86-87. doi:10.1016/j.jemermed.2012.11.076

Escrever comentário

O que lhe pareceu o artigo?

Dente inflamado e rosto inchado, o que fazer?
Dente inflamado e rosto inchado, o que fazer?

Voltar ao topo da página