Saúde da pele

Queimação no Peito do Pé - Causas e Tratamento

 
Magce Bonilla
Por Magce Bonilla, Química. 27 janeiro 2023
Queimação no Peito do Pé - Causas e Tratamento

Muitas vezes, podemos sentir incômodos no pé após longas caminhadas ou por ficar muito tempo em pé, sobretudo na região do peito do pé, sentindo queimação, inflamação e dor. No entanto, por trás desse sintoma também podem existir outras condições mais complexas que envolvem lesões nos nervos associados a doenças subjacentes, como neuropatia diabética, câncer ou doenças do sistema nervoso. Por isso, é fundamental consultar um especialista quando os sintomas ocorrem com frequência e sem motivo aparente.

Neste artigo do ONsalus, explicamos tudo sobre a queimação no peito do pé: causas e tratamento.

Índice

  1. 8 causas para a queimação no peito do pé
  2. Neuropatia diabética
  3. Neuropatia de fibras finas (NFF)
  4. Deficiência de vitamina B
  5. Doença de Charcot-Marie-Tooth
  6. Síndrome complexa de dor regional
  7. Síndrome do túnel do tarso
  8. Quimioterapia
  9. Consumo crônico de álcool

8 causas para a queimação no peito do pé

A sensação de queimação no peito do pé pode ser sintoma de diferentes problemas de saúde. Por isso é importante consultar um médico nesta situação. Entre as principais causas, podemos destacar:

  • Neuropatia diabética
  • Neuropatia de fibras finas (NFF)
  • Deficiência de vitamina B
  • Doença de Charcot-Marie-Tooth
  • Síndrome complexa de dor regional
  • Síndrome do túnel do tarso
  • Quimioterapia
  • Consumo crônico de álcool

Continue lendo para saber mais sobre essas condições e o tratamento para cada uma.

Neuropatia diabética

Manter um nível elevado de açúcar no sangue por muito tempo e sem controlá-lo pode causar um dano progressivo nos vasos sanguíneos e nervos, afetando a sensibilidade de várias partes do corpo, como os pés. Isso pode causar queimação nos pés, sendo mais perceptível no peito do pé.

Além disso, essa patologia causa dormência, formigamento, dor e fraqueza em todo o pé, provocando um desconforto corrente e limitando a rotina da pessoa afetada.

Tratamento

Tratar a neuropatia diabética requer necessariamente uma avaliação médica contínua para saber quais são os medicamentos apropriados para aliviar a dor nos nervos, ou mesmo receber indicação de substituição na urgência de substituí-los. Além disso, de acordo com o médico, um tratamento de neuromodulação costuma ajudar na melhora, como também terapias magnéticas, lasers ou eletroestimulação dos nervos, por exemplo.

Queimação no Peito do Pé - Causas e Tratamento - Neuropatia diabética

Neuropatia de fibras finas (NFF)

Esse tipo de neuropatia é uma doença do sistema nervoso que costuma ser muito dolorosa. Normalmente, afeta toda a área da perna e do pé devido ao enfraquecimento da faixa que reveste e protege as fibras nervosas, conhecida como bainha de mielina, afetando consideravelmente a qualidade de vida do indivíduo. Provoca dor crônica, queimação, perda de sensibilidade e punções nas extremidades inferiores, principalmente no peito do pé, piorando progressivamente a ponto da pessoa sentir dor até ao se esfregar no lençol.

Tratamento

O tratamento dependerá da situação clínica do indivíduo. Normalmente, o médico especialista costuma prescrever glicocorticoides, inibidores seletivos como a duloxetina e o uso de tramadol para dores agudas. Em casos mais severos, também se considera recorrer a terapias mais agressivas, como bloqueios neurais, estimulação elétrica da medula espinhal ou intervenções cirúrgicas, conforme a opinião médica.

Deficiência de vitamina B

A má alimentação e a desnutrição levam a um mau funcionamento do organismo. Nesse sentido, a deficiência de vitamina B12, B6, B9, ácido fólico e minerais como cálcio, zinco, ferro, etc., pode provocar lesões nos nervos e causar problemas musculares, queimação nos pés, dificuldade em se manter em equilíbrio, além de fadiga e tontura.

Tratamento

Nesses casos, o mais apropriado é seguir uma dieta balanceada e previamente avaliada por um nutricionista, que garantindo a presença de vitaminas e nutrientes. Além disso, conforme orientação médica, pode ser necessário consumir suplementos vitamínicos para complementar e fortalecer a presença de nutrientes.

Doença de Charcot-Marie-Tooth

Essa doença é um transtorno degenerativo hereditário que causa lesões nos nervos que controlam os músculos e nos que transmitem informações sensoriais ao cérebro. Normalmente, afeta as extremidades inferiores, provocando fraqueza nas pernas, desconforto, contrações musculares e dores nos pés, dificultando a mobilidade e causando queimação e deformidade em toda a região, assim como queimação no peito do pé.

Tratamento

Essa enfermidade não tem cura. Todavia, fisioterapia, terapia ocupacional, aparelhos ortopédicos e, em alguns casos, cirurgia, podem ajudar a aliviar a dor e minimizar os sintomas.

Síndrome complexa de dor regional

Essa síndrome pode se manifestar nos braços, mãos, pernas ou pés, geralmente depois de uma lesão, cirurgia, AVC ou ataque cardíaco, considerando que normalmente há lesões nervosas que tendem a comprometer a comunicação do cérebro e da coluna vertebral.

As pessoas que sofrem dessa doença sentem dor intensa e queimação permanente na área afetada. Principalmente, quando atinge o pé, o peito do pé tende a inchar e ficar sensível ao toque, além de provocar queimação e avermelhamento da pele. Por vezes, essa doença pode se propagar para outras partes do corpo e dificultar o tratamento, sendo ideal, portanto, tratá-la quanto antes.

Tratamento

Essa síndrome não tem cura. Todavia, existem tratamentos que ajudam a controlar e aliviar a dor e demais sintomas. Primordialmente, deve-se buscar restaurar a função dos pés e aliviar a dor usando, para isso, fisioterapia e psicoterapia, além de medicamentos analgésicos, como paracetamol ou metamizol.

Síndrome do túnel do tarso

A síndrome do túnel do tarso é uma doença que envolve o nervo que vai desde o tornozelo até o pé, conhecido como nervo tibial. Ao sofrer uma lesão, esse nervo se comprime devido à inflamação. Normalmente, essa síndrome se manifesta a partir de lesões no tornozelo, entorses ou fraturas, varizes, movimentos repetitivos do pé ou malformações ósseas.

Essa doença causa inflamação, dormência, formigamento e queimação no peito do pé e em toda a região dos pés, na verdade, dificultando caminhar e a permanecer em pé por muito tempo.

Tratamento

Conforme seja o caso, o médico especialista irá determinar o tratamento adequado. Em geral, isso pode incluir fisioterapia, palmilhas especiais e o uso de medicamentos anti-inflamatórios não esteroides para aliviar a dor e a inflamação. Em circunstâncias pontuais, a cirurgia pode ser uma alternativa.

Queimação no Peito do Pé - Causas e Tratamento - Síndrome do túnel do tarso

Quimioterapia

Os medicamentos quimioterápicos usados ​​especificamente para tratar patologias cancerígenas tendem a causar efeitos colaterais devido à destruição de células tanto ruins quanto boas, motivo pelo qual o sistema nervoso e muscular podem ser afetados no paciente, que passa a apresentar fraqueza muscular, dificuldade em ficar de pé, dor nas extremidades inferiores, queimação e inflamação em toda a área do pé.

Tratamento

Nesses casos, é fundamental a avaliação e o acompanhamento médico para avaliar claramente a situação e determinar a possibilidade de mudar a dose do tratamento, além de alternar medicamentos e prescrever analgésicos apropriados para aliviar a inflamação e a dor.

Consumo crônico de álcool

O consumo excessivo de álcool pode provocar lesões nervosas e desencadear uma neuropatia periférica alcoólica, causando espasmos musculares, perda da coordenação motora, desconforto e queimação nos pés, dificuldade para urinar, tontura, entre outros sintomas.

Tratamento

Recomenda-se parar de beber álcool para que os sintomas não piorem, uma vez que os danos aos nervos podem ser irreversíveis.

Agora que você conheceu as principais causas que provocam a queimação no peito do pé, não perca este outro artigo sobre dor no peito do pé: causas e tratamento.

Este artigo é meramente informativo, no ONsalus.com.br não temos capacidade para receitar tratamentos médicos nem realizar nenhum tipo de diagnóstico. Convidamos você a recorrer a um médico no caso de apresentar qualquer tipo de condição ou mal-estar.

Se pretende ler mais artigos parecidos a Queimação no Peito do Pé - Causas e Tratamento, recomendamos que entre na nossa categoria de Pele, cabelo e unhas.

Bibliografia
  • Contijoch, C e Izquierdo. M. (2019). Neuropatía de fibras pequeñas. Una revisión. Disponível em: <https://www.elsevier.es/es-revista-medicina-familia-semergen-40-articulo-neuropatia-fibras-pequenas-una-revision-S1138359319304381#:~:text=La%20neuropat%C3%ADa%20de%20fibras%20peque%C3%B1as,alteraciones%20del%20sistema%20nervioso%20aut%C3%B3nomo>. Acesso em 27 de janeiro de 2023.
  • González, M y col. (2020). Síndrome de dolor regional complejo. Disponível em: <https://www.aeped.es/sites/default/files/documentos/28_dolor_regional_complejo.pdf>. Acesso em 27 de janeiro de 2023.
  • Mayoclinic. (2020). Síndrome de dolor regional complejo. Disponível em: <https://www.mayoclinic.org/es-es/diseases-conditions/crps-complex-regional-pain-syndrome/symptoms-causes/syc-20371151>. Acesso em 27 de janeiro de 2023.
  • MedlinePlus. (2021). Enfermedad de Charcot –Marie-Tooch. Disponível em: <https://medlineplus.gov/spanish/charcotmarietoothdisease.html>. Acesso em 27 de janeiro de 2023.
  • López, E- y col. (2014). Síndrome del túnel del tarso. Revisión del tema. Disponível em: <https://www.scielo.org.mx/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S2306-41022014000300010>. Acesso em 27 de janeiro de 2023.

Escrever comentário

O que lhe pareceu o artigo?
1 de 3
Queimação no Peito do Pé - Causas e Tratamento